Silvio Lancellotti Sem ataque, a Juve bate o Chelsea. E o CR7 salva o Manchester United.

Sem ataque, a Juve bate o Chelsea. E o CR7 salva o Manchester United.

Mesmo desfalcadíssima, porém super-aplicada taticamente, a "Senhora" derrota o detentor do troféu da Champions. E os "Red Devils" se livram de um empate com o Villarreal apenas nos 95'.

A vibração de Cristiano Ronaldo pelo triunfo do Manchester United

A vibração de Cristiano Ronaldo pelo triunfo do Manchester United

@ChampionsLeague

Irregulares no “Nazionale” da Itália, tanto que hoje não se qualificariam à Champions League, duas equipes da Bota atraíram atenções particulares nesta quarta-feira, 29 de Setembro, na complementação da segunda rodada da competição de 2021/2022. Ambas, aliás, em confrontos diretos pela liderança das suas chaves. No Grupo F, em Bérgamo, a Atalanta contra o Young Boys da Suíça. Em Turim, pelo H, a Juventus contra o Chelsea da Inglaterra, detentor da taça. Dureza, as duas também com problemas cruciais. Na “Deusa” da Lombardia, Muriel e Zapata, os seus avantes colombianos, provenientes de contusões. Na “Senhora” do Piemonte, Dybala e Morata sem condições, o ataque integralmente desmontado. Ironia: a importância paralela de Cristiano Ronaldo, o ex-Juve do Manchester United, a quem os helvéticos sobrepujaram por 2 X 1 na jornada inaugural do Grupo H, agora diante do Villarreal da Espanha e na luta para escapulir da última colocação.

Eis como transcorreram os oito prélios deste dia 29:


GRUPO E
Bayern (Alemanha)
Benfica (Portugal)
Dinamo Kiev (Ucrânia)
Barcelona (Espanha)

A nova classificação do Grupo E

A nova classificação do Grupo E

@liga de campeones

BENFICA 3 X 0 BARCELONA
Lisboa, Estádio da Luz, 64.642 lugares
Público: 29.454
Árbitro: Daniele Orsato (Ita)

Gols: Nuñez/2/1pen, Rafa Silva

Uma escapulida do uruguaio Darwin Nuñez, pelo flanco esquerdo do gramado, surpreendeu o Barcelona, que mal se ajeitava no cotejo. Patético o Barça sem Messi. Ainda levou mais dois tentos em buracos da sua retaguarda. Em um dos vazios, Sergiño Dest precisou usar o braço direito para impedir uma testada de Gilberto. Pior, Eric Garcia recebeu um segundo cartão amarelo e foi expulso e o seu “Blaugrana” agora amarga a última posição no Grupo E. Detalhe: o Benfica não ganhava do Barça desde 1961.

BAYERN 5 X 0 DYNAMO KIEV
Munique, Allianz Arena, 70.000 lugares
Público: 25.000
Árbitro: Marco Guida (Ita)

Gols: Lewandowski/2/1pen, Gnabry, Sané

Um toque de mão, boboca, de Sydorchuk, logo aos 12’, penal impecavelmente batido por Lewandowski, definiu a partida. O Lewy ainda faria 2 X 0, seu tento de número 24 em 19 pelejas, aos 27, depois de um passe precioso de Mueller, no total o seu 60º pelos “Bávaros” em 70 jogos de ChL. Gnabry realizaria 3 X 0 num lance individual. O arqueiro Bushchanan ainda auxiliaria ao sofrer os 4 X 0 por espalmar às suas redes um tiro com efeito de Sané. Quase no desfecho da porfia uma cabeçada de Choupo-Moting completou a devastação.


Jogos já realizados:
BARCELONA 0 X 3 BAYERN
DYNAMO KIEV 0 X 0 BENFICA

Rodada #3, dia 19 de Outubro:
BARCELONA X DYNAMO KIEV
BENFICA X BAYERN


GRUPO F
Young Boys (Suíça)
Atalanta (Itália)
Villarreal (Espanha)
Manchester United (Inglaterra)

A nova classificação do Grupo F

A nova classificação do Grupo F

@liga de campeones

ATALANTA 1 X 0 YOUNG BOYS
Bérgamo, Gewiss Stadium, 21.000 lugares
Público: 8.536
Árbitro: Felix Brych (Ale)

Gol: Pessina

Gian Piero Gasperini, o treinador da “Deusa”, decidiu se arriscar e, assim, colocou Zapata na partida desde o apito inicial. Ainda sem o seu fôlego de praxe, o artilheiro desperdiçou diversas chances mas comandou o lance que redundou, aos 61, no gol solitário de Pessina. Muriel entrou na pugna aos 75, e também se demonstrou absolutamente sem ritmo. De todo modo, suficiente vitória da Atalanta, os três pontos e a liderança do seu Grupo F.

MANCHESTER UNITED 2 X 1 VILLARREAL
Manchester, Old Trafford, 74.140 lugares
Público: 73.130
Árbitro: Felix Zwayer (Ale)

Gols: Alex Telles, Cristiano Ronaldo X Alcácer

Reprise da decisão da Europa League, quando o elenco da Espanha ganhou nos penais, 11 X 10. O Villarreal mandou integralmente no primeiro tempo da peleja e ainda inaugurou o placar, aos 53’, num cruzamento de Danjuma e na escorada de Alcácer. O CR7 mal pegou na bola e o arqueiro De Gea perpetrou quatro intervenções miraculosas até que, sorte do United, aos 60’, ao receber de Bruno Fernandes, o lateral gaúcho Alex Telles, um ex-Gremio e ex-Juventude, acertou um torpedo indefensável da entrada da área. Então, incrível, nos cinco minutos dos acréscimos, a área do Villarreal em pleno caos, a pelota sobrou para o CR7 que fulminou Rulli, 2 X 1. O United, porém, continua apenas no terceiro lugar.

Jogos já realizados:
YOUNG BOYS 2 X 1 MANCHESTER UNITED
VILLARREAL 2 X 2 ATALANTA

Rodada #3, dia 20 de Outubro:
MANCHESTER UNITED X ATALANTA
YOUNG BOYS X VILLARREAL


GRUPO G
RB Salzburg (Áustria)
Sevilla (Espanha)
Lille (França)
Wolfsburg (Alemanha)

A nova classificação do Grupo G

A nova classificação do Grupo G

@liga de campeones

RB SALZBURG 2 X 1 LILLE
Salzburg, Stadion Wals-Siezenheim, 31.895 lugares
Público: 24.207
Árbitro: Halil Umut Meler (Tur)

Gols: Adeyemi/2/2pen X Burak Yilmaz

O hospedeiro precisou de três penalidades máximas para abrir 2 X 0 ainda na etapa inicial. O arqueiro Ivo Gribic rebateu a primeira tentativa de Adeyemi. Daí, não bastou o tento de Burak Yilmaz para provocar uma reação que tirasse o Lille da última colocação.

WOLFSBURG 1 X 1 SEVILLA
Wolfsburg, Volkswagen Arena, 26.000 lugares
Público: 11.733
Árbitro: Georgi Kabakov (Bul)

Gols: Steffen X Rakitic/pen

Depois de suportar uma pressão exaustiva do Sevilla, aos 48’ o Wolfsburg se aproveitou de uma confusão na área do visitante e fez 1 X 0, tento de oportunidade de Steffen. A justiça, de todo modo, aconteceria aos 85’, infração de Guilavogui em Lamela dentro da área, penal correto que Kabakov apontou e o VAR, protocolarmente, confirmou, apenas para que o becão do Wolsfburg acabasse expulso do gramado. Rakitic cobrou, impecavelmente, 1 X 1.


Jogos já realizados:
SEVILLA 1 X 1 RB SALZBURG
LILLE 0 X 0 WOLFSBURG

Rodada #3, dia 20 de Outubro:
LILLE X SEVILLA
RB SALZBURG X WOLFSBURG

GRUPO H
Juventus (Itália)
Chelsea (Inglaterra)
Zenit (Rússia)
Malmoe (Suécia)

A nova classificação do Grupo H

A nova classificação do Grupo H

@liga de campeones

ZENIT 4 X 0 MALMOE
São Peterburgo, Krestovsky Stadium, 67.800 lugares
Público: 15.339
Árbitro: Anastasios Sidiropoulos (Gre)

Gols: Claudinho, Kuzyaev, Sutormin, Wendel

Um jogo que apenas serviu para exacerbar a fragilidade do clube alvi-celeste da Suécia. Definido já aos 9’, com o tento do brasileiro Claudinho, um paulista de Guarulhos, ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Aliás, Wendel, um seu compatriota e colega de Brasil Sub-23, fluminense de Duque de Caxias, fechou o placar já nos acréscimos.

JUVENTUS 1 X 0 CHELSEA
Turim, Allianz Stadium, 41.507 lugares
Público: 19.934
Árbitro: Jesús Gil Manzano (Esp)

Gols: Chiesa

Fez mais do que poderia o treinador da “Senhora”, Max Allegri. Improvisou na sua ofensiva um tridente artificial, Bernardeschi de “falso nove” e Cuadrado e Chiesa bem abertos ao seu lado. Além disso, depois de conceder uma tonelada de tentos no “Nazionale”, sempre por falhas no seu miolo de defesa, ajustou bem a marcação do perigoso Romelu Lukaku, com De Ligt na pressão e com Bonucci na cobertura. A Juve merecia aos menos 1 X 0 quando a porfia se encaminhou ao intervalo. Houve justiça, porém, logo aos 46’, quando Bernardeschi municiou Chiesa que, mesmo pessionado por Ruediger, encobriu Mendy. E não adiantaram as tentativas do treinador Thomas Tuchel de modificar a paisagem. Taticamente impecável, a ”Zebra” de Turim ainda desperdiçou duas chances com Chiesa e, depois, com Moise Kean, o seu substituto. E aos 83’ Max ainda colocou o leão Chiellini no lugar de Bentancur para mais fechar a sua retranca. Funcionou, a Juve é a líder. E o Chelsea, acredite se quiser, caiu para a terceira posição.

Jogos já realizados:
CHELSEA 1 X 0 ZENIT
MALMOE 0 X 3 JUVENTUS

Rodada #3, dia 20 de Outubro:
ZENIT X JUVENTUS
CHELSEA X MALMOE


Os oito prélios da terça, dia 28:


GRUPO A
PSG (França)
Brugge (Bélgica)
Manchester City (Inglaterra)
RB Leipzig (Alemanha)

A classificação do Grupo A

A classificação do Grupo A

@liga de campeones

Jogos já realizados:
MANCHESTER CITY 6 X 3 RB LEIPZIG
CLUB BRUGGE 1 X 1 PSG
RB LEIPZIG 1 X 2 CLUB BRUGGE
PSG 2 X 0 MANCHESTER CITY

Rodada #3, dia 19 de Outubro:
CLUBE BRUGGE X MANCHESTER CITY
PSG X RB LEIPZIG


GRUPO B
Liverpool (Inglaterra)
Atlético de Madrid (Espanha)
Porto (Portugal)
Milan (Itália)

A classificação do Grupo B

A classificação do Grupo B

@liga de campeones

Jogos já realizados:
LIVERPOOL 3 X 2 MILAN
ATLÉTICO DE MADRID 0 X 0 PORTO
MILAN 1 X 2 ATLÉTICO DE MADRID
PORTO 1 X 5 LIVERPOOL

Rodada #3, dia 19 de Outubro:
ATLÉTICO DE MADRID X LIVERPOOL
PORTO X MILAN


GRUPO C
Ajax (Neerlândia)
Borussia Dortmund (Alemanha)
Besiktas (Turquia)
Sporting Lisboa (Portugal)

A classificação do Grupo C

A classificação do Grupo C

@liga de campeones

Jogos já realizados:
BESIKTAS 1 X 2 BORUSSIA DORTMUND
SPORTING 1 X 5 AJAX
AJAX 2 X 0 BESIKTAS
BORUSSIA DORTMUND 1 X 0 SPORTING

Rodada #3, dia 19 de Outubro:
BESIKTAS X SPORTING
AJAX X BORUSSIA DORTMUND


GRUPO D
Sheriff (Moldávia)
Real Madrid (Espanha)
Internazionale (Itália)
Shakhtar Donetsk (Ucrânia)

A classificação do Grupo D

A classificação do Grupo D

@liga de campeones

Jogos já realizados:
SHERIFF 2 X 0 SHAKHTAR DONETSK
INTERNAZIONALE 0 X 1 REAL MADRID
SHAKHTAR DONETSK 0 X 0 INTERNAZIONALE
REAL MADRID 1 X 2 SHERIFF

Rodada #3, dia 19 de Outubro:
SHAKHTAR DONETSK X REAL MADRID
INTERNAZIONALE X SHERIFF

Os 32 clubes, grupo a grupo

Os 32 clubes, grupo a grupo

Reprodução

Esta é a edição de número 67 da competição desde que a UEFA, a entidade administradora do Futebol no Velho Mundo, a idealizou, em 1955, com o nome de Copa dos Campeões. E é a sua 30ª desde que, em 1993, a UEFA a ampliou como Liga dos Campeões, sigla ChL. Desta vez, principiou com 80 equipes, provenientes de 54 das suas 55 afiliadas. A única exceção, Liechtenstein, de sete clubes que disputam os campeonatos da Super League da Suíça.

Detalhe da linda e antológica taça da Champions

Detalhe da linda e antológica taça da Champions

UEFA

Mais. Desde o seu começo, em 22 de Junho, esta foi, de fato, uma competição absurda, que preservou 26 times de ranking superior e depositou os outros 54 num moedor, de modo a restarem apenas seis. Nas eliminatórias houve 93 duelos em que se registraram 245 tentos, na média de 2,63. E até aqui, nos grupos, em 32 duelos se registraram 86, média de 2,69. No total acumulado, em 125 cotejos houve 331 gols, média de 2,65. Público desta fase, até aqui: 900.863 espectadores, média de 28.151. A final já está programada para o dia 28 de Maio de 2022, sábado, no Krestovsky Stadium de São Petersburgo, na Rússia.


Gostou? Clique num dos ícones do topo para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, seja cauteloso e seja solidário, use máscara, por favor. E fique com o abraço virtual do Sílvio Lancellotti! Obrigadíssimo!

Últimas