Silvio Lancellotti O Napoli cai e a Inter assume, sozinha, a liderança do Italiano

O Napoli cai e a Inter assume, sozinha, a liderança do Italiano

Mesmo dentro de casa, o "Burro" da Terra da Pizza sucumbiu ao Empoli, 0 X 1. Em Milão, a "Biscione" devastou o Cagliari, 4 X 0, com dois gols de Lautaro Martinez, que ainda desperdiçou um penal.

A Inter que começou o jogo em MIlão, neste domingo

A Inter que começou o jogo em MIlão, neste domingo

@Serie A Calcio

Nesta temporada de 2021/2022, de 20 agremiações em ação, oito iniciaram com triunfos o Campeonato Italiano. Porque sobrepujou o Bologna de 4 X 0 e nenhuma outra equipe realizou uma performance sequer assemelhada, a Internazionale de Milão completou a rodada de número 1 na primeira colocação. Absolutamente natural para quem acabara, enfim. de arrebatar um “scudetto”, depois de um laurel do Milan rivalérrimo e de nove títulos da Juventus de Turim. Logo na segunda jornada, porém, a Inter caiu à segunda posição, atrás da Lazio. Daí, perambulou entre a terceira e até a quarta, sempre na cola de Milan e Napoli, até que na “giornata” 16 o “Ciuccio”, o “Burro” da Terra da Pizza, escorregou rumo ao terceiro posto, 36 pontos, e concedeu a liderança ao desafeto “Diavolo”, nos 38.

A acrobacia de Ibrahimovic, em Venezia 1 X 1 Milan

A acrobacia de Ibrahimovic, em Venezia 1 X 1 Milan

@Serie A Calcio

No sábado que passou, 11 de Dezembro, coube ao Milan tropeçar, mero empate, 1 X 1, com o frágil Venezia, no campo do inimigo. E o “Diavolo” subiu apenas aos 39 pontos. Aliás, poderia ser muito pior, pois o seu tento de empate, um lance de magia de Ibrahimovic, aconteceu já nos acréscimos. Agora, no domingo, 12, como a Inter, ou a “Biscione”, a serpente mitológica da Lombardia, estava no degrau dos 37, lhe bastaria, em casa, bater o Cagliari, meros 10, na zona de rebaixamento à Série B, e assumir o topo da classificação. E também o Napoli se defrontaria, no seu Maradona, com um adversário teoricamente mais fraco, o Empoli, 23 pontos. Caso vencesse e se instalasse no degrau dos 39, como o Milan, o "Ciuccio" se tornaria o vice da tabela pelo critério do saldo de gols.

Eis como transcorreram os prélios deste domingo, 12:

Capa do Twitter da Inter

Capa do Twitter da Inter

@Inter

INTERNAZIONALE (40/1º) X CAGLIARI (10/19º)
Milão, Stadio Giuseppe Meazza
Gols: Lautaro Martínez/2, Alexis Sánchez, Calanoglu

No banco Edin Dzeko, um dos seus artilheiros com 8 tentos, a Inter de Simone Inzaghi demorou 29’ até que Lautaro Martinez, também 8 como o bósnio, realizasse a “rete” do alívio, de maneira estupenda, de cabeça, ao escorar um escanteio levantado por Calhanoglu. Com 1m75, Lautaro saltou mais do que dois zagueiros além de 1m80 e testou, seco, contra as redes de Cragno. A “Biscione” já merecia a folga. Havia ameaçado Cragno seis vezes e o Cagliari apenas chegara à meta de Handanovic em uma única ocasião. 

Detalhe da testada de Lautaro, Inter 1 X 0

Detalhe da testada de Lautaro, Inter 1 X 0

@Inter

Aos 44, o argentino desperdiçou a chance de duplicar o seu butim e de passar dois à frente de Dzeko. Cobrou mal um penal de Cragno em Dumfries, sobre os joelhos do arqueiro, que ainda espalmou o petardo de Calhanoglu no rebote. Um sofrimento desnecessário, da Inter. De todo modo, a vitória e a posse efetiva da liderança se consolidariam, aos 50’, numa jogada espetacular. Barella recebeu um arremesso lateral, juntinho à linha de fundo, escorou a pelota, deu dois toques de ajuste, sem deixá-la cair, e daí cruzou à meia altura até o sem-pulo de Alexis Sánchez, na entrada da pequena área. Inter 2 X 0. Natural a sequência, então. Um belíssimo foguete de Calanoglu, da meia-lua, no ângulo da meta, aos 64. Um passe longo de Barella que Lautaro aparou no peito e fechou com um toque sutil.

A euforia de Cutrone, do Empoli

A euforia de Cutrone, do Empoli

@Serie A Calcio

NAPOLI (36/4º) 0 X 1 EMPOLI (26/7º)
Nápoles, Stadio Diego Armando Maradona
Gol: Cutrone

Impressionante como faz falta, à ofensiva do “Burro”, o nigeriano Osimhen, que só retornará ao elenco, depois de uma cirurgia radical de rosto, correção de duas dezenas de micro-fraturas, talvez em Fevereiro. E impressionante, bem mais ainda, que o clube não disponha de um reserva capaz de substituí-lo. Consquência: uma derrota caseira que talvez se demonstre fatal na sua briga pelo título que não conquista já faz três décadas. E o gol do Empoli, aos 70’, foi igualmente incrível, um corner que carambolou no becão Zambo-Anguissa, bateu na nuca de Cutrone e traiu o arqueiro Ospina. Um castigo impiedoso.

Atalanta, agora bem perto da liderança

Atalanta, agora bem perto da liderança

@Serie A Calcio

VERONA (23/11º) 1 X 2 ATALANTA (37/3º)
Verona, Stadio Marcantonio Bentegodi
Gols: Simeone X Miranchuk, Koopmeiners

Difícil de entender as razões pelas quais o treinador Gian Piero Gasperini adora um caxangá, um tira-põe, o mexe-mexe, o “turnover” na escalação da sua “Deusa”. Basta a Atalanta se mostrar infeliz numa peleja, responsabilidade dele, integralmente, para montar o seu time com algumas alterações inomináveis. Na quinta-feira, dia 9, a “Deusa” desabou em Bérgamo, por 2 X 3, diante do Villarreal da Espanha, e desperdiçou a chance de avançar às oitavas de final da Champions League da Europa. E ele relegou ao banco, neste domingo, o seu “panzer” Duván Zapata. De todo modo, embora o Verona tenha aberto o marcador, aos 22’, com Giovanni Simeone, a Atalanta reagiu, virou para 2 X 1, Miranchuk aos 37 e Koopmeniers aos 62. Um placar que lhe permitiu chegar mais perto da liderança.

SASSUOLO (23/12º) 2 X 1 LAZIO (25/9º)
Sassuolo, MAPEI Stadium
Gols: Berardi, Raspadori X Zaccagni

TORINO (22/13º) 2 X 1 BOLOGNA (24/10º)
Turim, Stadio Grande Torino
Gols: Sanabria, Soumaoro/con X Orsolini/pen


O jogo da segunda-feira, dia 13:

ROMA (25/8º) X SPEZIA (12/17º)
Roma, Stadio Olimpico


As pelejas já efetuadas:

Sampdoria, a ganhadora do Derby da Ligúria

Sampdoria, a ganhadora do Derby da Ligúria

@Serie A Calcio

GENOA (10/18º) 1 X 3 SAMPDORIA (18/14º)
Gols: Destro X Gabbiadini, Caputo, Vanheusden

UDINESE (17pg/15ºlugar) X MILAN (39/2º)
Gol: Beto

FIORENTINA (30/5º) 4 X 0 SALERNITANA (8/20º)
Gols; Bonaventura, Vlahovic/2, Maleh

Juventus, mais uma jornada agourenta

Juventus, mais uma jornada agourenta

@Serie A Calcio

VENEZIA (16/16º) X JUVENTUS (28/6º)
Gols: Aramu X Morata


Inaugurada em 21 de Agosto e com seu desfecho previsto para o dia 22 de Maio de 2022, esta edição da Série A do Futebol da Velha Bota, a 120ª na História do Calcio, a 90ª desde a implantação do campeonato de pontos corridos e em turno e returno, já exibiu 169 partidas e 523 tentos, a média de 3,09. Os principais artilheiros do Campeonato: Dusan Vlahovic (Fiorentina), 15 gols; Ciro Immobile (Lazio), 13; Giovanni Simeone (Verona), 12. Lautaro Martínez (Inter), com 10. Duván Zapata (Atalanta) e João Pedro (Cagliari), com 9.

Vlahovic e o mimo de "Jogador do Mês", na Série A

Vlahovic e o mimo de "Jogador do Mês", na Série A

@acfiorentina

As pelejas da rodada #18:

Sexta-feira, 17 de Dezembro:
LAZIO X GENOA
SALERNITANA X INTER

Sábado, 18 de Dezembro:
ATALANTA X ROMA
BOLOGNA X JUVENTUS
CAGLIARI X UDINESE

Domingo, 19 de Dezembro:
FIORENTINA X SASSUOLO
SPEZIA X EMPOLI
SAMPDORIA X VENEZIA
TORINO X VERONA
MILAN X NAPOLI

O "Diavolo"/Milan e o "Burro"/Napoli, o clássico letal da próxima rodada

O "Diavolo"/Milan e o "Burro"/Napoli, o clássico letal da próxima rodada

Reprodução

Gostou? Clique num dos ícones do topo para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, seja cauteloso e seja solidário, use máscara, por favor. E fique com o abraço virtual do Sílvio Lancellotti! Obrigadíssimo!

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas