Silvio Lancellotti Hora de oitavas na Euro2020. Em 2021 a 16ª edição da competição.

Hora de oitavas na Euro2020. Em 2021 a 16ª edição da competição.

Dezesseis seleções na perseguição do título que Portugal conquistou em 2016. Neste sábado, dia 26, os dois primeiros combates da série, Gales X Dinamarca e Itália X Áustria. 

Com uma estilização de Londres ao fundo, a taça da Euro2020

Com uma estilização de Londres ao fundo, a taça da Euro2020

UEFA

Determinada a festejar condignamente os 60 anos da sua preciosa competição inter-seleções, a UEFA, a entidade que administra o Futebol no Velho Continente, projetou para 2020 uma Eurocopa absolutamente fora do habitual. À parte as eliminatórias de praxe, obviamente espalhadas, não mais a competição de fato em um único país-sede, no máximo em duas nações, como já sucedeu em três datas: 2000 na Bélgica e na então Holanda, hoje Neerlândia; em 2008 na Áustria e na Suíça; enfim, em 2012, na Polônia e na Ucrânia.

Esta seria a Eurocopa da Europa inteirinha.

A URSS. primeira campeã de uma Eurocopa

A URSS. primeira campeã de uma Eurocopa

Reprodução

A idéia de tal Copa surgiu em 1960, planejada como uma batalha quadrienal. E a então União Soviética arrebatou a sua primeira taça. Esta edição, a sua 16ª, carinhosamente apelidada de Euro2020, se inaugurou em 21 de Março de 2019, com todas as 55 afiliadas da UEFA. Na sua fase de   eliminatórias, dividiu as 55 equipes em dez chaves, cinco de cinco e cinco de seis, e classificou vinte, as campeãs e as vices. Das outras 35, se descartaram as dezenove pior cotadas de acordo com um ranking elaborado a partir da Liga das Nações, outra ideia da UEFA. As poupadas travariam em mata-matas até sobreviverem quatro.

A sede da UEFA, em Nyon, na Suíça

A sede da UEFA, em Nyon, na Suíça

UEFA

Enfim, 24 seleções, novamente ranqueadas e desta vez divididas, para a realização de um sorteio, em quatro potes de seis. Haveria seis grupos de quatro. Uma peculiaridade inédita da celebração dos sessenta anos: cada um dos seis grupos se alojaria em duas cidades diferentes, desde Glasgow, na Escócia, até Baku, no Azerbaidjão. A pandemia da Covid-19, todavia, atrasou o folguedo. A competição apenas ressuscitaria no dia 11 de Junho de 2021. Questão de justiça, a Euro pôde manter o 2020 como sobrenome. E enfim definidas, em cada um dos grupos, a sua campeã e a sua vice, para se completarem as dezesseis seleções das oitavas de final também se promoveram as quatro melhores terceiras colocadas.

O mascote "Skillzy", no anúncio da supensão por causa da Covid-19

O mascote "Skillzy", no anúncio da supensão por causa da Covid-19

@Euro2020

Seus confrontos, previamente designados de acordo com as respectivas colocações nas chaves, transcorrerão de 27 a 30 de Junho e viajarão por Amsterdam, Londres (duas das partidas). Budapest, Sevilha, Copenhague, Bucarest e Glasgow. Em 3 e 4 de Julho, São Petersburgo, Munique, Baku e Roma hospedarão as quartas de final. As semis e a final se realizarão em Wembley, Londres, Inglaterra, nos dias 7, 8 e 12. No global desta Euro2020, acumuladas as eliminatórias e as chaves, já houve um total de 298 jogos e 920 gols, média de 3,09. E, apesar de todos os traumas e de toda a complicação que a Covid-19 perpetrou, exatos 5.874.313 torcedores, a média de 19.712, protegidos por meticulosos protocolos de segurança e por testes de negatividade, ainda desfrutaram o prazer dos estádios.

Gales

Gales

Reprodução

Dia 26 - GALES X DINAMARCA
Amsterdam, Neerlândia, Johan Cruijff
Público: 24.495 ingressos à venda
Árbitro: Daniel Siebert (Alemanha)

 

Dinamarca

Dinamarca

Reprodução
Itália

Itália

Reprodução

Dia 26 - ITÁLIA X ÁUSTRIA
Londres, Inglaterra, Wembley Stadium
Público: 21.750 ingressos à venda
Árbitro: Anthony Taylor (Inglaterra)

Áustria

Áustria

Reprodução
Neerlândia

Neerlândia

Reprodução

Dia 27 - NEERLÂNDIA X REPÚBLICA TCHECA
Budapest, Hungria, Puskàs Arena
Público: 60.493 ingressos à venda

 

República Tcheca

República Tcheca

Reprodução
Bélgica

Bélgica

Reprodução

Dia 27 - BÉLGICA X PORTUGAL
Sevilha, Espanha, Estadio La Cartuja
Público: 15.000 ingressos à venda

Portugal

Portugal

Reprodução
Croácia

Croácia

Reprodução

Dia 28 - CROÁCIA X ESPANHA
Copenhague, Dinamarca, Parken Stadium
Público: 16.000 ingressos à venda

 

Espanha

Espanha

Reprodução
França

França

Reprodução

Dia 28 - FRANÇA X SUÍÇA
Bucarest, Romênia, Arena Nationalà
Público: 13.908 ingressos à venda

Suíça

Suíça

Reprodução
Inglaterra

Inglaterra

Reprodução

Dia 29 - INGLATERRA X ALEMANHA
Londres, Inglaterra, Wembley Stadium
Público: 21.750 ingressos à venda

 

Alemanha

Alemanha

Reprodução
Suécia

Suécia

Reprodução

Dia 29 - SUÉCIA X UCRÂNIA
Glasgow, Escócia, Hampdem Park
Público: 14.000 ingressos à venda

Ucrânia

Ucrânia

Reprodução
iSão Petersburgo, Rússia, Krestovsky Stadium

iSão Petersburgo, Rússia, Krestovsky Stadium

UEFA.tv

QUARTAS DE FINAL
Dia 2 de Julho
São Petersburgo, Rússia, Krestovsky Stadium
FRANÇA/SUÍÇA X CROÁCIA/ESPANHA
Munique, Alemanha, Allianz Arena
BÉLGICA/PORTUGAL X ITÁLIA/ÁUSTRIA

Dia 3 de Julho
Baku, Azerbaidjão, Olimpiya Stadionu
NEERLÂNDIA/TCHECA X GALES/DINAMARCA
Roma, Itália, Stadio Olìmpico
SUÉCIA/UCRÂNIA X INGLATERRA/ALEMANHA


SEMIFINAIS
Dia 6 de Julho
Londres, Inglaterra, Wembley Stadium
BEL/POR/ITA/AUS X FRA/SUÍ/CRO/ESP

Dia 7 de Julho
Londres, Inglaterra, Wembley Stadium
NEE/TCH/GAL/DIN X SUÉ/UCR/ING/ALE

FINAL
Dia 11 de Julho
Londres, Inglaterra, Wembley Stadium

Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo

@Euro2020

Artilheiros:
5 gols – Cristiano Ronaldo (Portugal)
3 gols – Romelu Lukaku (Bélgica), Gorginio Wynaldum (Neerlândia), Patrick Schick (República Tcheca), Emil Forsberg (Suécia) e
Robert Lewandowski (Polônia)

Árbitro que mais apitou:
3 jogos – Antonio Mateu Lahoz (Espanha)


Caso deseje, clique num dos ícones do topo para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião sobre este meu texto no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, seja cauteloso e seja solidário, use máscara, por favor. E fique com o meu abraço virtual! Obrigadíssimo!

Últimas