Silvio Lancellotti Aconteceu a lógica, o Bayern e a Juve vão às oitavas da Champions

Aconteceu a lógica, o Bayern e a Juve vão às oitavas da Champions

Com vitórias incontestáveis, atuações brilhantes de Lewandowski e, principalmente, de Paulo Dybala, o craque da rodada, garantiram as suas vagas. E o CR7, de novo, salvou o United nos acréscimos.

Paulo Dybala, da Juventus, o craque da terça-feira

Paulo Dybala, da Juventus, o craque da terça-feira

@ChampionsLeague

Como já se imaginava, nesta terça-feira, dia 2 de Novembro, pela rodada de número 4 da fase de chaves da Champions League da Europa, temporada de 2021/2022, duas das 16 agremiações possíveis garantiram, com a antecedência de duas partidas, as suas vagas na etapa de oitavas de final da competição. No Grupo E, o Bayern, ao bater o Benfica por 5 X 2. E no H, a Juventus, ao sobrepujar o Zenit por 4 X 2. Essas duas equipes atuaram em seus gramados e, na pior das hipóteses, asseguraram uma segunda posição em suas chaves respectivas. Agora, nesta quarta-feira, dia 3, acontecerão os oito combates restantes da jornada e ao menos outros dois clubes poderão visar seus passaportes. No Grupo B, o Liverpool. E no C, o Ajax. Eis as sínteses dos oito combates realizados nesta terça.


GRUPO E
Bayern (Alemanha) – 12pg
Barcelona (Espanha) – 6pg
Benfica (Portugal) – 4pg
Dinamo Kiev (Ucrânia) – 1pg

Gnabry, do Bayern, um golaço de letra

Gnabry, do Bayern, um golaço de letra

@ChampionsLeague

BAYERN 5 X 2 BENFICA
Munique, Allianz Arena, 70.000 lugares
Público: 50.000
Árbitro: Szymon Marciniak (Polônia)

Gols: Lewandowski/3, Gnabry, Sané X Morato, Nuñez

Mais do que esperado, um triunfo absolutamente básico, de cartilha. Sempre infernais, Lewandowski aos 26’, e Gnabry, sensacional e de letra aos 32, definiram os três pontos e a classificação dos “Bávaros”. Indesculpável, de todo modo, a acomodação que facilitou, aos 38, o “golo” de Morato. Na sua porfia de número 100 na Champions, o Lewy ainda marcaria mais dois tentos e alcançaria um total de 80, por enquanto. Incólume, até então, a defesa do Bayern engoliu dois gols num só prélio. Que lhe sirva de bom aviso.

Ansu Fati, do Barcelona

Ansu Fati, do Barcelona

@ChampionsLeague

DYNAMO KIEV 0 X 1 BARCELONA
Kiev, NSC Olimpiskiy, 70.050 lugares
Público: 31.378
Árbitro: Ovidiu Hategan (Romênia)

Gol: Fati

Num sufoco tremendo o elenco “Blaugrana” ao menos sobreviveu nesta fase de chaves da ChL de 2021/2022. E isso graças ao garoto Ansu Fati, apenas 19 de idade, Aos 75’, esperto, aceso, soube como desfrutar um cruzamento de Mingueza. Bayern à parte, porém, este Grupo E ainda apresentará muito drama, enorme tensão, até o final das chaves.

Jogos já realizados:
BARCELONA 0 X 3 BAYERN
DYNAMO KIEV 0 X 0 BENFICA
BENFICA 3 X 0 BARCELONA
BAYERN 5 X 0 DYNAMO KIEV
BARCELONA 1 X 0 DYNAMO KIEV
BENFICA 0 X 4 BAYERN

Jogos do dia 23 de Novembro:
DINAMO KIEV X BAYERN
BARCELONA X BENFICA

Jogos do dia 8 de Dezembro:
BAYERN X BARCELONA
BENFICA X DINAMO KIEV


GRUPO F
Manchester United (Inglaterra) – 7pg
Villarreal (Espanha) – 7pg
Atalanta (Itália) – 5pg
Young Boys (Suíça) – 3pg

Detalhe do primeiro gol de Cristiano Ronaldo

Detalhe do primeiro gol de Cristiano Ronaldo

@ChampionsLeague

ATALANTA 2 X 2 MANCHESTER UNITED
Bérgamo, Gewiss Stadium, 21.000 lugares
Público: 14.443
Árbitro: Slavko Vincic (Eslovênia)

Gols: Ilicic, Zapata X Cristiano Ronaldo/2

Depois de conceder uma imperdoável virada no cotejo de ida, na Inglaterra, quando chegou a pespegar 2 X 0 nos “Red Devils”, a “Deusa” de Bérgamo, dentro da sua casa, decidiu não se distrair. Conseguiu 1 X 0 logo aos 11’, por Ilicic, e não parou de investir no ataque. Bem, não parou até os acréscimos do primeiro tempo quando deixou que Bruno Fernandes tabelasse com  Cristiano Ronaldo e, livre, na cara do arqueiro Musso, o CR7 cravasse 1 X 1. Era muito melhor a Atalanta, porém. E tal superioridade se atestou, justamente, aos 56’, quando Palomino lançou a Zapata no miolo da zaga rubra e o tanque colombiano marcou, 2 X 1. A “Deusa”, de todo modo, uma outra vez receberia um castigo terrível, já com o tempo regulamentar esgotado, e por sua exclusiva responsabilidade. Aos 91, permitiu que Greenwood cruzasse exatamente na testa dele, o CR7. Ao invés de assumir a liderança do Grupo, desceu ao terceiro lugar e, agora, corre o risco de não passar às oitavas.

Capoue, do Villarreal

Capoue, do Villarreal

@ChampionsLeague

VILLARREAL 2 X 0 YOUNG BOYS
Villarreal, Estádio de la Cerámica, 23.500 lugares
Público: 14.890
Árbitro: Serdar Goezubuyk (Neerlândia)

Gols: Capoue, Danjuma

Um resultado protocolar, que manteve o Villarreal com a possibilidade de se qualificar já na próxima peleja, diante do United, em seus domínios. Fundamental que controle o CR7, o autor de cinco dos oito tentos dos “Red Devils”.

Jogos já realizados:
YOUNG BOYS 2 X 1 MANCHESTER UNITED
VILLARREAL 2 X 2 ATALANTA
ATALANTA 1 X 0 YOUNG BOYS
MANCHESTER UNITED 2 X 1 VILLARREAL
MANCHESTER UNITED 3 X 2 ATALANTA
YOUNG BOYS 1 X 4 VILLARREAL

Jogos do dia 23 de Novembro:
VILLARREAL X MANCHESTER UNITED
YOUNG BOYS X ATALANTA

Jogos do dia 8 de Dezembro:
ATALANTA X VILLARREAL
MANCHESTER UNITED X YOUNG BOYS


GRUPO G
RB Salzburg (Áustria) – 7pg
Lille (França) – 5pg
Wolfsburg (Alemanha) – 5pg
Sevilla (Espanha) – 5pg

David, do Lille

David, do Lille

@ChampionsLeague

SEVILLA 1 X 2 LILLE
Sevilha, Estádio Ramón Sánchez-Pizjuán, 43.883 lugares
Público: 29.369
Árbitro: István Kovács (Romênia)

Gols: Ocampos X David/pen, Ikoné

Impactante o sucesso do Lille em visita à Espanha. De mero rabeira na tabela do Grupo G, subitamente se tornou um candidato a vaga nas oitavas de final.

Nmecha, do Wolfsburg

Nmecha, do Wolfsburg

@ChampionsLeague

WOLFSBURG 2 X 1 RB SALZBURG
Wolsburg, Volkswagen Arena, 26.000 lugares
Público: 16.112
Árbitro: Arthur Soares Dias (Portugal)

Gols: Baku, Nmecha X Woeber

O tento do ala Ridle Baku, tedesco de origem congolesa, logo aos 3’, depressa comprometeu a fantasia do elenco visitante que precisava obrigatoriamente dos três pontos para consolidar a sua qualificação. Não adiantou Woeber igualar, ainda na etapa inicial, aos 30’. O Wolsfburg não desistiu, fez 2 X 1 com Nmecha aos 60’, abiscoitou uma vitória importantíssima e embolou de novo o Grupo G.

Jogos já realizados:
SEVILLA 1 X 1 RB SALZBURG
LILLE 0 X 0 WOLFSBURG
RB SALZBURG 2 X 1 LILLE
WOLFSBURG 1 X 1 SEVILLA
LILLE 0 X 0 SEVILLA
RB SALZBURG 3 X 1 WOLFSBURG

Jogos do dia 23 de Novembro:
SEVILLA X WOLFSBURG
LILLE X RB SALZBURG

Jogos do dia 8 de Dezembro:
WOLFSBURG X LILLE
RB SALZBURG X SEVILLA

GRUPO H
Juventus (Itália) – 12pg
Chelsea (Inglaterra) – 9pg
Zenit (Rússia) – 3pg
Malmoe (Suécia) – 0pg

Ziyech, do Chelsea

Ziyech, do Chelsea

@ChampionsLeague

MALMOE 0 X 1 CHELSEA
Malmoe, Eleda Stadion, 21.500 lugares
Público: 19.551
Árbitro: Felix Brych (Alemanha)

Gol: Ziyech

Mesmo desfalcadíssimo o time campeão da Champions League imediatamente anterior soube como, no mínimo, preservar a posse de bola, 74%, e manter incólume a sua meta. Jorginho, uma outra vez, mandou no jogo e coordenou o lance que mobilizou três de seus companheiros, Hudson-Odoy, Havertz e Ziyech, antes da finalização do marroquino-neerlandês aos 56’ de combate. Detalhe: o Chelsea, de todo modo, não poderá perder da Juventus o seu duelo de 23 de Novembro. Caso sucumba, em 8 de Dezembro precisará, compulsoriamente, no mínimo de um empate com o Zenit, em São Petersburgo.

Juventus, o alívio, o triunfo, fim da crise

Juventus, o alívio, o triunfo, fim da crise

@ChampionsLeague

JUVENTUS 4 X 2 ZENIT
Turim, Allianz Stadium, 41.507 lugares
Público: 20.063
Árbitro: Alejandro Hernández Hernández (Espanha)

Gols: Dybala/2/1pen, Chiesa, Morata X Bonucci/con, Azmoun

Num recurso extremo para escapulir da crise causada por duas derrotas sucessivas no “Nazionale” da Velha Bota, o treinador Massimiliano Allegri pediu socorro a um certo Giuseppe Vercelli, habitual psicólogo da Juve em tempos ariscos. Deve ter sido proveitoso. A “Senhora” apertou o Zenit em sua área já a partir do apito inaugural do árbitro ibérico de pai e mãe de mesmo sobrenome. Apenas entre os 8 e os 10’ desfrutou uma sucessão de escanteios e, aos 11’, Dybala abriu o placar com um voleio indefensável.

Chiesa, da Juventus

Chiesa, da Juventus

@ChampionsLeague

Infortúnio da Juve que, aos 29’, num lance que nem o Dr. Freud evitaria, o cocuruto de Bonucci desviou contra a  própria meta um alçamento despretensioso de Karavaev, 1 X 1. A equipe de Vercelli, perdão, de Allegri, teria que principiar de novo a sua pressão. Ao psicólogo, também, caberia explicar por que motivo Morata fica mais impedido do que anota gols. Pena, porque Dybala, numa jornada magistral, merecia uma parceria melhor.

O momento da finalização de Morata, gol e alívio

O momento da finalização de Morata, gol e alívio

@JuventusFC

A suprema ironia da pugna ocorreu aos 58. Chiesa sofreu um penal claríssimo que o mediador sequer necessitou do VAR para indicar. Dybala cobrou fora do arco. O árbitro, porém, registrou uma invasão de área e a “Joya” enfim se aliviou, “rete”, Juve 2 X 1. Chiesa consolidaria o sucesso da “Senhora” com um golaço, na individualidade, aos 74. Morata, enfim, aos 82 espantaria a crise da equipe e a sua depois de receber um passe espetacular de Dybala e fazer 4 X 1. Foi, disparadamente, o craque da peleja o platino. Da peleja e, convenhamos, de toda a terça-feira, dia 2. Só valeu como consolo o gol de Azmoun, nos acréscimos, na milionésima falha da defesa da Juve nesta “stagione”;


Jogos já realizados:
CHELSEA 1 X 0 ZENIT
MALMOE 0 X 3 JUVENTUS
ZENIT 4 X 0 MALMOE
JUVENTUS 1 X 0 CHELSEA
ZENIT 0 X 1 JUVENTUS
CHELSEA 4 X 0 MALMOE

Jogos do dia 23 de Novembro:
CHELSEA X JUVENTUS
MALMOE X ZENIT

Jogos do dia 8 de Dezembro:
ZENIT X CHELSEA
JUVENTUS X MALMOE


As chaves com jogos do dia 3 de Novembro:

GRUPO A
Brugge (Bélgica)
Manchester City (Inglaterra)
PSG (França)
RB Leipzig (Alemanha)

A classificação do Grupo A

A classificação do Grupo A

@ChampionsLeague

Jogos do dia 3 de Novembro:
RB LEIPZIG X PSG
Leipzig, RB Arena, 42.600 lugares
Árbitro: Andreas Ekberg (Suécia)

MANCHESTER CITY X CLUB BRUGGE
Manchester, Etihad Stadium, 53.400 lugares
Árbitro: Antonio Mateu Lahoz (Espanha)

Jogos anteriores:
MANCHESTER CITY 6 X 3 RB LEIPZIG
CLUB BRUGGE 1 X 1 PSG
RB LEIPZIG 1 X 2 CLUB BRUGGE
PSG 2 X 0 MANCHESTER CITY
CLUB BRUGGE 1 X 5 MANCHESTER CITY
PSG 3 X 2 RB LEIPZIG

Jogos do dia 24 de Novembro:
MANCHESTER CITY X PSG
CLUB BRUGGE X RB LEIPZIG

Jogos do dia 7 de Dezembro
RB LEIPZIG X MANCHESTER CITY
PSG X CLUB BRUGGE


GRUPO B
Atlético de Madrid (Espanha)
Liverpool (Inglaterra)
Milan (Itália)
Porto (Portugal)

A tabela do Grupo B

A tabela do Grupo B

@ChampionsLeague

Jogos do dia 3 de Novembro:
MILAN X PORTO
Milão, Stadio di San Siro, 75.923 lugares
Árbitro: Clément Turpin (França)

LIVERPOOL X ATLÉTICO DE MADRID
Liverpool, Anfield Road, 53.394 lugares
Árbitro: Danny Makkelie (Neerlândia)

Jogos anteriores:
LIVERPOOL 3 X 2 MILAN
ATLÉTICO DE MADRID 0 X 0 PORTO
MILAN 1 X 2 ATLÉTICO DE MADRID
PORTO 1 X 5 LIVERPOOL
ATLÉTICO DE MADRID 2 X 3 LIVERPOOL
PORTO 1 X 0 MILAN

Jogos do dia 24 de Novembro:
LIVERPOOL X PORTO
ATLÉTICO DE MADRID X MILAN

Jogos do dia 7 de Dezembro:
PORTO X ATLÉTICO DE MADRID
MILAN X LIVERPOOL


GRUPO C
Ajax (Neerlândia)
Besiktas (Turquia)
Borussia Dortmund (Alemanha)
Sporting Lisboa (Portugal)

A tabela do Grupo C

A tabela do Grupo C

@ChampionsLeague

Jogos do dia 3 de Novembro:
BORUSSIA DORTMUND X AJAX
Dortmund, Signal Iduna Park, 65.829 lugares
Árbitro: Michael Oliver (Inglaterra)

SPORTING X BESIKTAS
Lisboa, Estádio José Alvalade, 50.095 lugares
Árbitro: Sergei Karasev (Rússia)

Jogos anteriores:
BESIKTAS 1 X 2 BORUSSIA DORTMUND
SPORTING 1 X 5 AJAX
AJAX 2 X 0 BESIKTAS
BORUSSIA DORTMUND 1 X 0 SPORTING
BESIKTAS 1 X 4 SPORTING
AJAX 4 X 0 BORUSSIA DORTMUND

Jogos do dia 24 de Novembro:
BESIKTAS X AJAX
SPORTING X BORUSSIA DORTMUND

Jogos do dia 7 de Dezembro:
AJAX X SPORTING
BORUSSIA DORTMUND X BESIKTAS


GRUPO D
Internazionale (Itália)
Real Madrid (Espanha)
Shakhtar Donetsk (Ucrânia)
Sheriff (Moldávia)

A tabela do Grupo D

A tabela do Grupo D

@ChampionsLeague

Jogos do dia 3 de Novembro:
REAL MADRID X SHAKHTAR DONETSK
Madrid, Santiago Bernabéu, 81.044 lugares
Árbitro: Benoît Bastien (França)

SHERIFF X INTERNAZIONALE
Tiraspol, Sheriff Stadium, 12.746 kugares
Árbitro: Felix Zwayer (Alemanha)


Jogos anteriores:
SHERIFF 2 X 0 SHAKHTAR DONETSK
INTERNAZIONALE 0 X 1 REAL MADRID
SHAKHTAR DONETSK 0 X 0 INTERNAZIONALE
REAL MADRID 1 X 2 SHERIFF
SHAKHTAR DONETSK 0 X 5 REAL MADRID
INTERNAZIONALE 3 X 1 SHERIFF

Jogos do dia 24 de Novembro:
INTERNAZIONALE X SHAKHTAR DONETSK
SHERIFF X REAL MADRID

Jogos do dia 7 de Dezembro:
SHAKHTAR DONETSK X SHERIFF
REAL MADRID X INTERNAZIONALE


Criada em 1955 pela Uefa, a entidade que administra o futebol no Velho Continente, a Champions então levava outra nomenclatura, Copa dos Campeões, e somente abrigava ganhadores dos campeonatos nacionais. Para os efeitos enciclopédicos, esta é a sua edição de número 67. Em 1993, porém, a Uefa a reformulou. De acordo com um ranking razoavelmente complicado, que considera os cotejos dos interclubes da Europa nas cinco temporadas anteriores, passou a admitir também outros times e a denominou Liga dos Campeões, ou Champions League, ou ChL, agora já no seu 30º aniversário.

Os distintivos dos 32 clubes das fases de chaves da Champions

Os distintivos dos 32 clubes das fases de chaves da Champions

Reprodução

Esta edição principiou com 80 agremiações, advindas de 54 das 55 afiliadas da Uefa. A única exceção, Liechtenstein, de sete clubes que participam dos campeonatos da Suíça. Desde o seu começo, no dia 22 de junho, aliás, esta foi uma competição absurda. Por exemplo, preservou 26 times de ranking superior e depositou os restantes 54 num moedor de eliminatórias de modo que sobrevivessem apenas seis. Nas eliminatórias, houve 93 duelos em que se registraram 245 tentos, a média de 2,63. Até aqui, nas chaves, em 56 duelos se registraram 172 gols, a média de 3,07. No global acumulado, em 149 combates, 417 tentos, média de 2,80. Público desta fase, até aqui: 1.738.635 espectadores, média de 31.047. Decisão em 25/5/2022,  um sábado, no Krestovsky de São Petersburgo, Rússia.


Gostou? Clique num dos ícones do topo para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, seja cauteloso e seja solidário, use máscara, por favor. E fique com o abraço virtual do Sílvio Lancellotti! Obrigadíssimo!

Últimas