Silvio Lancellotti A Inglaterra se destaca no domingo da Liga das Nações da Europa

A Inglaterra se destaca no domingo da Liga das Nações da Europa

Ganha da Bélgica, 2 X 1, e assume a liderança do Grupo 2 na competição. Nas outras chaves, pouquíssimos tentos e quase nenhuma alteração na tabela.

Inglaterra 2 X 1 Bélgica, o destaque do domingo na LN

Inglaterra 2 X 1 Bélgica, o destaque do domingo na LN

@UEFA

Prosseguiu neste domingo, 11 de Outubro de 2020, com mais seis combates da sua Divisão A, a segunda edição da Liga das Nações, a “Nations League”, disputa bianual entre seleções que a UEFA, a entidade que rege o Futebol na Europa, idealizou para envolver as suas 55 federações em partidas oficiais e não aquelas triviais caça-níqueis de ocasião. Uma análise dos seis cotejos.

Bonucci X Lewandowski, 0 X 0

Bonucci X Lewandowski, 0 X 0

@UEFA

GRUPO 1

POLÔNIA 0 X 0 ITÁLIA
Stadion Energa Gdansk, Gdansk

Árbitro: José María Sánchez Martinez (Espanha)
Liberada a entrada de 12.000 torcedores, mascarados e espalhados pelos 41.620 lugares do Energa, todos, claro, esperavam uma atuação excelente de Rob Lewandowski, recém-eleito craque da Europa. A “Squadra Azzurra”, por sua vez, fantasiava a possibilidade de segurar uma série invicta, até então, de 17 partidas, nas quais apenas havia cedido seis tentos. Mesmo sem o decano Giorgio Chiellini, que o treinador Roberto Mancini manteve no banco, a defesa da Itália cumpriu a sua missão. Faltava, no entanto, melhorar o seu ataque. Embora a líder do seu Grupo 1, escassíssimos dois tentos em duas pugnas.

Chiesa, numa das inúmeras chances queimadas pela "Azzurra" na Polônia

Chiesa, numa das inúmeras chances queimadas pela "Azzurra" na Polônia

@UEFA

Na verdade, o ataque existiu mas a “Azzurra” cansou de invadir, inutilmente, a grande área das “Águias Brancas” de Jerzy Brzeczek. Sempre através da linha de fundo, jamais na meta de Lukasz Fabianski, ao menos em treze chances, só na etapa derradeira. E no banco de Mancini, por quê?, pairava o artilheiro Ciro Immobile. Exausto, o Lewi pediu a sua substituição aos 82’. Só havia a Itália no gramado. Ao invés de Immobile, o “mister” da “Azzurra” se arriscou, todavia, com um garoto, Moise Kean, e com um quase veterano, Ciccio Caputo. E bateu, e beteu, só que não perfurou a retaguarda solidérrima das “Águias”.

De Jong X Planic, outro 0 X 0

De Jong X Planic, outro 0 X 0

@OnsOrange

BÓSNIA-HERZEGOVINA 0 X 0 NEERLÂNDIA
Stadion Bilino Polje, Zenica

Árbitro: István Kovács (Rússia)
Exibição decepcionante da ex-gloriosa Laranja Mecânica das décadas de 80 e 90, vice na primeira edição da LC. Muito bem retrancada pelo seu treinador Dusan Bajevic, um antigo atacante ao estilo-tanque, a Bósnia literalmente impediu que a equipe do recém-empossado  Frank De Boer se movimentasse conforme aprecia. Fez muita falta a esperteza do lesionado Memphis Depay.

CLASSIFICAÇÃO
Itália (8)

5pg – 1vit-2emp-0der – 2gp/1gc
Neerlândia (2)
4pg – 1vit-1emp-1der – 1gp/1gc
Polônia (14)
4pg – 1vit-1emp-1der – 2gp/2gc
Bósnia-Herzegovina (9)
2pg – 0vit-2emp-1der – 2gp/3gc

Dia 14 de Outubro:
ITÁLIA X NEERLÃNDIA
Stadio Atleti Azzurri d’Italia, Bergamo
POLÔNIA X BÓSNIA-HERZEGOVINA
Stadion Miejski, Wroclaw

Rashford, logo após faze Inglaterra 1 X 1 Bélgica

Rashford, logo após faze Inglaterra 1 X 1 Bélgica

@NationLeague

GRUPO 2

ING LATERRA 2 X 1 BÉLGICA
Wembley, Londres

Árbitro: Tobias Stieler (Alemanha)
Gols: Rashford/pen, Mount X Lukaku/pen
O atacante Yannick Carrasco, dos “Diabos Vermelhos”, jamais se esquecerá desta sua aparição no templo sagrado do Futebol. Embora em um esporte coletivo não seja nada justo distribuir culpas individuais, foram patéticas as três chances de gol que desperdiçou diante da meta de Jordan Pickford. Particularmente porque a sua Bélgica abriu o resultado aos 16’, quando Romelu Lukaku converteu um penal cometido por Dyer precisamente nele mesmo. Na lateral, o treinador Gareth Southgate se descabelava.

Mason Mount, o seu primeiro gol em Wambley

Mason Mount, o seu primeiro gol em Wambley

@NationLeague

É. E como diz a frase velhíssima : quem não faz, toma. Principalmente quando se comete um penal boboca como o de Meunier em Henderson, aos 39’, um absurdo puxão de camisa diante dos olhos de Tobias Stieler. Rashford cobrou impecavelmente, 1 X 1. Então, apesar de Lukaku se esfalfar para compensar os erros de Carrasco, aos 65’ o azar supremo. Quase no bico esquerdo da área da Bélgica o discreto Mason Mount tentou um tiro especulativo que desferiu uma curvinha estranha ar e encobriu o perplexo Mignolet. O primeiro gol de Mount em Wembley. E, lá, o 20º sucesso de Southgate em 22 combates.

O momento do gol gontra de Sugurjónsson

O momento do gol gontra de Sugurjónsson

@DFB_Team

ISLÂNDIA 0 X 3 DINAMARCA
Laugardalsvoellur, Reykjavyk
Árbitro: Bojan Pandzic (Suécia)
Gols: Sugurjónsson/com, Eriksen, Skov

A equipe estóica de Eric Hamrén dominou integralmente a etapa inicial e no entanto não conseguiu vazar a meta do excelente Kasper Schmeichel. Muito pior, já aos 45’, Hannes Haldórsson, o arqueiro dos insulares, espalmou majestosamente a pelota cabeceada por Kjaer depois de um escanteio lenvantado por Eriksen. Só que a traiçoeira pelota se chocou contra as costas de Runár Sugurjónsson e voltou contra as redes. Muitíssimo pior, mal as seleções retornaram do intervalo, logo aos 46’, Eriksen escapuliu e cravou os 2 X 0. Skov fez 3 X 0 aos 61. Daí, a temperatura cadente congelou o placar.

CLASSIFICAÇÃO
Inglaterra (3)

7pg – 2vit-1emp-0der – 3gp/1gc
Bélgica (5)
6pg – 2vit-0emp-1der – 8gp/3gc
Dinamarca (11)
4pg – 1vit-1emp-1der – 3gp/2gc
Islândia (16)
0pg – 0vit-0emp-3der – 1gp/9gc

INGLATERRA X DINAMARCA
Wembley, Londres
ISLÃNDIA X BÉLGICA
Laugardalsvoellur, Reykjavyk

Pogba X CR7, no 0 X 0, uma camisa linda de Portugal diante da França

Pogba X CR7, no 0 X 0, uma camisa linda de Portugal diante da França

@UEFA

GRUPO 3

FRANÇA 0 X 0 PORTUGAL
Stade de France, Saint-Denis

Árbitro: Carlos del Cerro Grande (Espanha)
Dúvida até as vésperas da subida das equipes ao campo da equipe de Didier Deschamps, a campeã do planeta na Rússia/2018, o CR7, Cristiano Ronaldo, com 101 tentos pela seleção de Portugal, a campeã da Liga das Nações de 2018/2019, ainda não havia anotado um único gol contra a França, em quatro oportunidades anteriores. Portugal, aliás, se exibiu em Saint-Denis com um novo uniforme, e um uniforme lindíssimo. Insuficiente, todavia, para levar as “Cinco Quinas” ao triunfo. Quanto aos anfitriões, “Les Bleus” de Deschamps, amargaram uma péssima atuação. Problemas à vista na próxima jornada, quando Portugal recebe a lanterna Suécia e a França visita a Croácia, sim, a Croácia ansiosa por se vingar da derrota na decisão da Rússia/2018.

A celebração do triunfo da Croácia

A celebração do triunfo da Croácia

@HNS_CFF

CROÁCIA 2 X 1 SUÉCIA
Stadion Maksimir, Zagreb

Árbitro: John Beaton (Escócia)
Gols: Vlasic, Kramaric X Berg
Debaixo de uma chuvinha irritante, porque bastante fria, a equipe da camisa quadriculada conseguiu se safar da rabeira da tabela e, por enquanto, da ameaça da queda à Divisão B. Num duelo medíocre, ao menos foi belíssimo o gol de abertura da Croácia, aos 32’, uma triangulação entre Modric, Perisic e Berkalo e a finalização de Vlasic. A Suécia realizou 1 X 1 aos 65’, numa contra-ofensiva isolada que Lustig puxou e Berg finalizou. Mas, ironicamente, apesar de toda a pressão dos hospedeiros, a vitória surgiu numa falha infantil de Jansson, que não conseguiu cortar um chutão desesperado. Arisco. esperto, Perisic capturou a sobra e propiciou os 2 X 1 ao isolado Kramaric.

CLASSIFICAÇÃO
Portugal (1)

7pg – 2vit-1emp-0der – 6gp/1gc
França (6)
7pg – 2vit-1emo-0der – 5gp/2gc
Croácia (13)
3pg – 1vit-0emp-2der – 5gp/9gc
Suécia (12)
0pg – 0vit-0emp-3der – 1gp/5gc

Dia 14 de Outubro:
CROÁCIA X FRANÇA
Stadion Maksimir, Zagreb
PORTUGAL X SUÉCIA
Estádio José Alvalade, Lisboa

A Esánha que bateu a Suíça por 1 X 0

A Esánha que bateu a Suíça por 1 X 0

@SeFutebol

GRUPO 4

ESPANHA 1 X 0 SUÍÇA
Estádio Alfredo di Stefano, Madrid

Árbitro: Ali Palabıyık, Turquia
Gol: Oyarzabal

UCRÂNIA 1 X 2 ALEMANHA
NSC Olympiyskiy Stadium, Kiev

Árbitro: Orel Grinfeld, Israel
Gols: Malinovsky/pen X Ginter, Goretzka

CLASSIFICAÇÃO
Espanha (número 7 no ranking)

7pg – 2vit-1emp-0der – 6gp/1gc
Alemanha (15)
5pg – 1vit-2emp-0der – 4gp/3gc
Ucrânia (10)
3pg – 1vit-0emp-2der – 3gp/7gc
Suíça (4)
1pg – 0vit-1emp-2der – 2gp/4gc

A Alemanha que bateu a Ucrânia por 2 X 1

A Alemanha que bateu a Ucrânia por 2 X 1

@DieMannschaft

Prélios do dia 13 de Outubro:
ALEMANHA X SUÍÇA
RheinEnergieStadion, Colônia

Árbitro: Ruddy Buquet (França)
UCRÂNIA X ESPANHA
NSC Olympiyskiy Stadium, Kiev

Árbitro: Pawel Gil (Polônia)

De acordo com o ranking resultante da Liga das Nações de 2018/2019, sucesso de Portugal, a UEFA colocou 16 equipes na Divisão A, 16 na B e 16 na C, cada qual com quatro chaves de quatro. A Divisão D, que abriga as sete últimas do ranking, ostenta um grupo de quatro equipes e outro de três. Desabam quatro da A para a B e quatro da B para a C. Na C, um mini-torneio entre as quatro últimas colocadas definirá duas que cairão à Divisão D e cederão espaço aos dois ganhadores das chaves subseqüentes.

Cena do dia do sorteio das chaves da Liga das Nações

Cena do dia do sorteio das chaves da Liga das Nações

UEFA

Haverá mais 16 pelejas entre 14 e 18 de Novembro. Em Outubro de 2021, com as datas ainda não estabelecidas, os ganhadores de cada Grupo disputarão, em mata-matas de porfia única, emparceiramentos decididos por sorteio, as semifinais. Daí se realizará a decisão. Todos esses prélios se desenrolarão num único país, definido entre os quatro participantes. Somadas todas as séries, todas as chaves, se anotaram 160 tentos em 71 pugnas, média baixa de 2,25. Para os efeitos de acesso ou descenso, no caso de igualdade em pontos, se obtém o desempate pelo saldo de tentos, pelo maior número de tentos a favor e, então, no/s respectivo/s confronto/s direto/s, pelos mesmos critérios.


Gostou? Clique num dos ícones para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião sobre este meu texto no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, use máscara. E fique com o meu abração virtual! Obrigadíssimo!

Últimas