Silvio Lancellotti Um resumo da Liga Europa 2020/21, seus números e suas curiosidades

Um resumo da Liga Europa 2020/21, seus números e suas curiosidades

Os episódios mais marcantes da competição nesta temporada tão complexa de 2020/21, alguns recordes insólitos, várias situações inusitadas, e os cotejos que determinaram a sua fase de 16 de final

A base da taça da Liga Europa, ex-Copa da UEFA

A base da taça da Liga Europa, ex-Copa da UEFA

UEFA

Apesar de todos os desarranjos provocados pela Covid-19, mesmo entre trancos e barrancos, nesta temporada de 2020/21, a Liga Europa da UEFA, segunda competição mais representativa do Ludopédio do Velho Continente, deverá desembarcar, entre 18 e 25 de Fevereiro, na fase dos mata-matas correspondentes às 16 de final. Trata-se, esta, da sua edição de número 50 desde que nasceu, em 1971/72, como Copa UEFA, e a de número 12 desde que recebeu, em 2009, o seu batismo atual. Conquistador do título de 2019/20, o Sevilla da Espanha mereceu o direito de, nesta temporada, disputar a Liga dos Campeões.

O Sevilla, campeão de 2019/20

O Sevilla, campeão de 2019/20

@SevillaFC

Iniciada em 18 de Agosto, esta LE originalmente contou com 205 clubes das 55 federações da UEFA. Times que se obrigaram a superar, em oito etapas eliminatórias, 157 partidas nas quais registraram 485 tentos, com a média de 3,09. Sobreviveram a tal odisseia 48 agremiações, então separadas em 12 chaves de quatro cada, mini-torneios de turno e returno, ou mais 144 prélios em que se realizaram 442 gols, média de 3,07. Um acumulado de 301 pelejas e de 927 tentos em 16 semanas. Daí, aos 12 ganhadores e aos 12 vices de cada grupo se agregaram os oito terceiros da fase de chaves da “Champions”. A seguir, você pode conferir os cotejos das 16 de final e ainda uma bem interessante coletânea das suas curiosidades mais variadas, inclusive numéricas, sobre a competição de agora.


WOLFSBERGER (Aus) X TOTTENHAM (Ing)
DYNAMO KYIV (Ucr) X CLUB BRUGGE (Bel)
REAL SOCIEDAD (Esp) X MAN. UNITED (Ing)
BENFICA (Por) X ARSENAL (Ing)
CRVENA ZVEZDA (Ser) X MILAN (Ita)
ROYAL ANTWERP (Bel) X RANGERS (Esc)
OLYMPÌACOS (Gre) X PSV EINDHOVEN (Ned)
RED BULL SALZBURG (Aus) X VILLAREAL (Esp)
SLAVIA PRAHA (Tch) X LEICESTER (Ing)
BRAGA (Por) X ROMA (Ita)
KRASNODAR (Rus) X DINAMO ZAGREB (Cro)
YOUNG BOYS (Sui) X BAYER LEVERKUSEN (Ale)
MOLDE (Nor) X HOFFENHEIM (Ale)
GRANADA (Esp) X NAPOLI (Ita)
MACCABI (Isr) X SHAKHTAR DONETSK (Ucr)
LOSC LILLE (Fra) X AJAX (Ned)
OLYMPÌACOS (Gre) X PSV EINDHOVEN (Ned)

O Dundalk que iniciou o jogo em que não cometeu uma só infração

O Dundalk que iniciou o jogo em que não cometeu uma só infração

UEFA

0
Embora eliminado já na fase de grupos, o Dundalk, da Irlanda, inscreveu o seu nome de forma espetacular nas antologias da LE. Em 20 de Outubro, perdeu por 0 X 3 do Arsenal, no Emirates Stadium, em Londres, mas saiu do gramado, airosamente, sem cometer uma só infração, fato que jamais aconteceu na história da competição.

3
Yusuf Yazıcı, avante do Lille, se tornou o primeiro atleta na história das Copas do continente a realizar três tentos em viagem, duas vezes, numa mesma competição. Neste caso, os três contra o Sparta Praha da República Tcheca e também os três contra o Milan.

4
Antes dos seus 4 X 2, visitante, sobre o Lech Poznan, da Polônia, na fase de grupos, só uma única vez em 115 jogos o Benfica de Lisboa havia registrado tantos gols em viagem.

A festa do Arsenal pelos 100% de aproveitamento

A festa do Arsenal pelos 100% de aproveitamento

@europaleague

9
O Arsenal se tornou o nono clube, em toda a história da Liga Europa, a fechar a fase de grupos com 100% de aproveitamento, ou 18 pontos em 18 disponíveis. Longe ainda das três vezes do RB Salzburg, porém igual a Zenit São Petersburgo (2010/11), a Anderlecht (2011/12), Tottenham (2013/14), Dinamo Moskva (2014/15), Napoli (2015/16), a Shakhtar Donetsk (2016/17) e a Eintracht Frankfurt (2018/19).

9
O LASK da Áustria também se tornou um nono, entretanto de forma negativa. Embora tenha somado 10 pontos, não ultrapassou a fase de grupos – como Birmingham City (2011/12), Paris Saint-Germain (2011/12), Tottenham (2011/12), Young Boys (2012/13), Lokeren (2014/15), Sparta Praha (2014/15), Milan (2018/19) e Standard Liège (2018/19). Na sua chave, ficou atrás do Antwerp (12), do Tottenham (13), e à frente do Ludogorets (0).

21
Ao anotar 21 tentos como líder da sua chave, 15 pontos advindos de cinco vitórias e uma derrota, o Leverkusen superou em três gols a melhor marca de qualquer time da Alemanha em tal fase da LE. Abaixo, porém, do primado do Napoli, 22 tentos em 2015/16.

25
Na Liga Europa, o Benfica estendeu para 25 partidas a sua série invicta em Lisboa.

27
O Granada se tornou a 27ª agremiação da Espanha a conseguir classificação para participar de ao menos uma das duas grandes copas do Velho Continente.

Kemar Roofe, de barba, comemora o seu gol de 50 metros

Kemar Roofe, de barba, comemora o seu gol de 50 metros

@europaleague

56
No dia 22 de Outubro, aos 92’ do combate Standard Liège 0 X 2 Rangers, o avante Kemar Roofe, em campo apenas desde os 74’, estabeleceu um recorde na história da LE ao encobrir o arqueiro Muleka com um tiro de 50 metros e anotar o segundo gol do time da Escócia. Durou uma semana, porém, o seu primado. No dia 29, aos 29’ de Omonoia 1 X 2 PSV Eindhoven, em Nicosia, Chipre, o volante Jordi Gomez, do elenco dono da casa, desferiu um petardo de ainda mais longe, o absurdo de 56 metros.

Jordi Gomez, de barba, comemora o seu gol de 56 metros

Jordi Gomez, de barba, comemora o seu gol de 56 metros

@europaleague

93
Com 24 cotejos, o dia 5 de Novembro se eternizou nas enciclopédias ao testemunhar a feitura de 93 tentos, 12 mais do que qualquer outra data na história da LE.

200
Dia glorioso, aliás, o mesmo 5 de Novembro, para Harry Kane, o capitão e artilheiro do Tottenham. Na boa vitória do seu time, 3 X 1, sobre o Ludogorets, em Razgrad, na Bulgária, ele festejou a sua presença de número 300 com a camisa do clube londrino e anotou o seu gol de número 200. O seu centésimo, a exata metade, como visitante.


Gostou? Clique num dos ícones para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião sobre este meu texto no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, use máscara. E fique com o meu abração virtual! Obrigadíssimo!

Últimas