Silvio Lancellotti Os dois empatam e o Napoli continua líder à frente do Milan

Os dois empatam e o Napoli continua líder à frente do Milan

Invictos, o "Burro" da Terra da Pizza e o "Diavolo" da Lombardia não passam por Verona e Inter, ambos os jogos no 1 X 1. Agora, o Italiano se interrompe por causa das Eliminatórias do Qatar/2022.

Detalhe da camisa do Napoli, que lembra um ano da morte de Maradona

Detalhe da camisa do Napoli, que lembra um ano da morte de Maradona

@SSCNapoli

Por volta de 20h00, na Velha Bota, cerca de 16h00 cá no Brasil, uma vitória do líder Napoli sobre o Verona, um intermediário na classificação, preservaria o “Burro” da Terra da Pizza no comando da tabela do “Nazionale” de 2021/2022. Sequer valeu, todavia, a estreia de uma nova camisa, com a efígie do ídolo Dieguito Maradona, morto um ano antes, em 25 de Novembro de 2020. O amuleto não funcionou. O resultado, 1 X 1, aumentou para doze jogos a sua invencibilidade no princípio do campeonato. Mas, ao invés dos ansiados 35 pontos, só levou o Napoli aos 32 e amplificou o temor dos seus torcedores em relação ao que sucederia com a primeira colocação do Italiano que não sustentam desde 1990.

Kessié X Dzeko

Kessié X Dzeko

@Serie A Calcio

Dependeria da performance do Milan, logo em seguida, no “Derby della Madonnina” da capital da Lombardia, contra a sua rivalíssima Internazionale. A “Biscione”, a serpente mitológica azul-e-preta, simplificou a questão, porém, ao se igualar ao “Diavolo” rubro-negro por 1 X 1. Uma semana ingrata para o Milan, que empacou frente o Porto, 1 X 1, na quarta jornada das chaves da Champions League, e com um só ponto em 12 disponíveis já parece absolutamente sem mais chances na grandiosa competição continental.

Eis todos os cotejos desta rodada #12 do Italiano.

Lautaro e Calhanoglu celebram o gol da Inter

Lautaro e Calhanoglu celebram o gol da Inter

@Serie A Calcio

MILAN 1 X 1 INTER
Milão, Stadio di San Siro
Árbitro: Daniele Doveri

Gols: De Vrij/con X Calhanoglu

A clássica “Lei do Ex” se impôs logo aos 11’ do prélio quando Calhanoglu, recém-saído do Milan, se enroscou em Kessié e o mediador Doveri apontou a marca da cal. Um lance de checagem obrigatória pelo VAR, que levou tensos 120 segundos até confirmar a indicação. O mesmo Calhanoglu converteu, a “Biscione” com 1 X 0. Demorou quase nada, contudo, a reação do “Diavolo”. Logo aos 17 Tonali cobrou uma infração, em diagonal, sobre o miolo da área da Inter. Jogada ensaiada para a testa de Tomori. Três becões da azul-e-preta, entretanto, se anteciparam. E De Vrij cravou contra, no canto na meta de Handanovic.

O desvio de De Vrij no tento de empate do Milan

O desvio de De Vrij no tento de empate do Milan

@Serie A Calcio

Um outro ex, o lateral Matteo Darmian, se envolveu no que poderia se tranformar na “rete” da vantagem da Inter. Aos 25’ se infiltrou pela direita e acabou derrubado por Ballo-Touré, novo penal, desta vez sem a necessidade do VAR. Sabe-se lá por quê Lautaro Martinez se elegeu para bater, ao invés de Calhanoglu. Cobrou pessimamente, de tornozelo, murcho, ao alcance do salto de Tatarosanu. E aos 45’ Lautaro ainda desperdiçaria a possibilidade dos 2 X 1 ao mirar fora, o arco do Milan escancarado, um tiro ginasiano de dez metros.

A defesa de Tatarosanu, no penal mal batido por Lautaro

A defesa de Tatarosanu, no penal mal batido por Lautaro

@ACMilan

Apagados os principais goleadores, Dzeko da “Biscione”, Ibrahimovic do “Diavolo”, o duelo se desenrolou morno na etapa derradeira, a Inter mais agressiva. O claudicante Lautaro e o nervosinho Vidal perderam boas chances. E o Milan pareceu acomodado à igualdade. Só melhorou nos últimos dez minutos, quando a azul-e-preta subcumbiu à falta de fôlego. Aos 89’, Saelemaeker acertou um petardo num poste de Handanovic e, na rebatida, Kalulu mandou a bola à linha de fundo. No balanço geral das contas, adequado o placar de 1 X 1. Lautaro, de todo modo, não conseguirá se perdoar pelo penal mal aproveitado.

Osimhen, do Napoli

Osimhen, do Napoli

@ChampionsLeague

NAPOLI 1 X 1 VERONA
Nápoles, Stadio Diego Armando Maradona
Árbitro: Giovanni Ayroldi

Gols: Di Lorenzo X Siomeone

Demorou até propiciar um mínimo de sorte ao Napoli a nova camisa com o rosto do “Pibe de Oro”. Numa falha grotesca do seu ala Mario Rui, aos 13’ o impetuoso Barak investiu junto à linha de fundo e cruzou. No meio da área pequena o “Cholito” Simeone se antecipou à hesitação do zagueiro Rrahmani e do arqueiro Ospina e registrou o seu nono gol só nas últimas cinco partidas do seu time. O Verona, todinho, acumula 25.

Simeone, do Verona, nove gols em cinco partidas

Simeone, do Verona, nove gols em cinco partidas

@Serie A Calcio

Logo aos 18, com a razoável ajuda de Montipó, ocorreu o empate, numa confusão na área maior dos visitantes, depois de uma infração cobrada por Insigne e no desfrute de Di Lorenzo, que bateu entre as pernas do arqueiro. O restante da pugna, daí, foi de muito sufoco, e sofrimento. O Napoli, simplesmente, não conseguiu invadir a sólida muralha que o treinador Igor Tudor, ex-líbero de enorme qualidade, construiu na proteção da meta de Montipó. E nem as expulsões de Bessa e Kalinic, ambos nos minutos derradeiros e ambos por dupla admoestação, permitiram que o “Burro” arrebatasse os três pontos tão ansiados. Na retomada do Campeonato, dia 20 de Novembro, o Milan visitará a Fiorentina. O Napoli, no dia 21, porém, pegará um adversário muitíssimo mais perigoso, a Inter, em Milão.

VENEZIA 3 X 2 ROMA
Veneza, Stadio Pier Luigi Penzo
Árbitro: Gianluca Aureliano

Gols: Caldara. Aramu/pen, Okereke X Shomurodov, Abraham

LAZIO 3 X 0 SALERNITANA
Roma, Stadio Olìmpico
Árbitro: Antonio Rapuano

Gols: Immobile, Pedro, Luís Alberto

UDINESE 3 X 2 SASSUOLO
Ùdine, Dacia Arena
Árbitro: Federico Dionisi

Gols: Deulofeu, Frattesi/con, Beto X Berardi, Frattesi

SAMPDORIA 1 X 2 BOLOGNA
Gênova, Stadio Luigi Ferraris
Árbitro: Gianluca Manganiello

Gols: Thorsby X Svanberg, Arnautovic


Jogos anteriores, sexta-feira dia 5 de Novembro:

O momento do penal que Criscito converteu para o Genoa

O momento do penal que Criscito converteu para o Genoa

@Serie A Calcio

EMPOLI 2 X 2 GENOA
Empoli, Stadio Carlo Castellano
Árbitro: Luca Pairetto

Gols: Di Francesco, Zurkowski X Criscito/pen, Junior Bianchi


Sábado, dia 6 de Novembro

SPEZIA 1 X 0 TORINO
La Spezia, Stadio Alberto Picco
Árbitro: Daniele Orsato

Gol: Sala

CAGLIARI 1 X ATALANTA 2
Cagliari, Stadio Unipol Domus
Árbitro: Marco Piccinini

Gols: João Pedro X Pasalic, Zapata

Sem ângulo, o tento solitário de Cuadrado, já nos acréscimos

Sem ângulo, o tento solitário de Cuadrado, já nos acréscimos

@JuventusFC

JUVENTUS 1 X 0 FIORENTINA
Turim, Allianz Stadium
Árbitro: Simone Sozza

Gol: Cuadrado


Inaugurada em 21 de Agosto e com seu desfecho previsto para o dia 22 de Maio de 2022, esta edição da Série A do Futebol da Velha Bota, a 120ª na História do Calcio, a 90ª desde a implantação do campeonato de pontos corridos e em turno e returno, até agora exibiu 120 partidas e 367 gols, média de 3,06. Os principais artilheiros: Immobile, da Lazio, 10 tentos. Simeone, do Verona, 9. Vlahovic, da Fiorentina, 8. Com 7, Edin Dzeko, da Inter; João Pedro, do Cagliari; e Duván Zapata, da Atalanta. Com 6, Mattia Destro, do Genoa.

O "cannoniero" Ciro Immobile, da Lazio

O "cannoniero" Ciro Immobile, da Lazio

@ciroimmobile

O Campeonato, agora, momentaneamente se interrompe até o sábado dia 20 de Novembro. No interregno haverá as rodadas decisivas da etapa de chaves das Eliminatórias da Europa à Copa do Qatar/2022. Dez seleções garantirão as suas vagas e outras dez se qualificarão aos mata-matas. No Grupo C, a Itália e a Suíça já somam 14 pontos mas a “Azzurra” lidera graças ao saldo de tentos superior, 11 a 9. No dia 12 devem solucionar a pendenga no confronto direto, em Roma. Caso ocorra um empate, a situação da Itália poderá se complicar. Enquanto que, no dia 15, à Suíça caberá hospedar a eliminada Bulgária, em Lucerna, a Itália precisará preservar a sua folga de gols em viagem, contra a Irlanda do Norte, no venerando alçapão do Windsor Park de Belfast,

Cartaz que anuncia Itália X Suíça, pelas eliminatórias do Qatar/2022

Cartaz que anuncia Itália X Suíça, pelas eliminatórias do Qatar/2022

@Azzurri

Eis a classificação do “Nazionale”:

32pg, 1º: NAPOLI – 12j/10v-2e-0d (24gp/4gc)
32pg, 2º: MILAN – 12j/10v-2e-0d (26gp/11gc)
25pg, 3ª: INTER – 12j/7v-3e-1d (29gp/13gc)
22pg, 4º: ATALANTA – 12/6v-4e-2d (22gp/15gc)
21pg, 5º: LAZIO – 12j/6v-3e-3d (25gp/19gc)
19pg, 5º: ROMA – 12j/6v-1e-5d (21gp/15gc)
18pg, 7º: FIORENTINA – 12j/6v-0e-6d (16gp/14gc)
18pg, 8º: JUVENTUS – 12j/5v-3e-4d (16gp/15gc)
18pg, 9º: BOLOGNA – 12j/5v-3e-4d (19gp/23gc)
16pg, 10º: VERONA – 12j/4v-4e-4d (25gp/21gc)
16pg, 11º: EMPOLI – 12/5v-1e-6d (18gp/23gc)
14pg, 12º: TORINO – 12j/4v-2e-6d (15gp/12gc)
14pg, 13º: SASSUOLO – 12j/4v-2e-6d (17gp/18gc)
14pg, 14º: UDINESE – 12j/3v-5e-4d (15gp/18gc)
12pg, 15º: VENEZIA – 12j/3v-3e-6d (11gp/19gc)

11pg, 15º: SPEZIA – 12j/3v-2e-7d (13gp/26gc)
09pg, 17º: GENOA – 12j/1v-6e-5d (17gp/24gc)
09pg, 18º: SAMPDORIA – 12/2v-3e-7d (15gp/25gc)
07pg, 19º: SALERNITANA – 12j/2v-1e-9d (10gp/26gc)
06pg, 20º: CAGLIARI – 12j/1v-3e-8d (13gp/26gc)


Gostou? Clique num dos ícones do topo para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, seja cauteloso e seja solidário, use máscara, por favor. E fique com o abraço virtual do Sílvio Lancellotti! Obrigadíssimo!

Últimas