Silvio Lancellotti O garoto Rodrygo, ex-Santos, salva o Real Madrid da última colocação

O garoto Rodrygo, ex-Santos, salva o Real Madrid da última colocação

Quando o jogo contra a Inter, na Espanha, parecia se encaminhar ao empate, de fora da área, 15' depois de entrar, ele fez 3 X 2 e aliviou Zizou Zidane

Rodrygo, ex-Santos, entrou no jogo e, em 15', livrou a equipe "Meregue" da rabeira

Rodrygo, ex-Santos, entrou no jogo e, em 15', livrou a equipe "Meregue" da rabeira

@realmadrid

Principiou nesta terça-feira, 3 de Novembro, com as oito partidas do Grupo A até o Grupo D, a terceira jornada da etapa de chaves da Liga dos Campeões da Europa. Ainda continua uma competição atribulada, de novo ameaçada pela Covid-19, pelejas em estádios vazios, outras com as suas arquibancadas submetidas aos rigores da segurança e do combate à pandemia. Nas oito pugnas ocorreram 35 tentos, média de 4,38. O total da fase já ostenta 40 pelejas e 129 tentos, a média excelente de 3,23. Neste dia 4 acontecerão as oito pugnas do Grupo E ao Grupo F. As restantes 64 se distribuirão, então, por outras três rodadas, em 24-25 ainda neste mês, e em 1-2 e 8-9 de Dezembro.

Eis as sínteses das porfias da terça, 3 de Novembro:


GRUPO A

A alegria da Lokomotiv, em Moscou

A alegria da Lokomotiv, em Moscou

@Lokomotiv

LOKOMOTIV 1 X 1 ATLÉTICO DE MADRID
RZD Arena, Moscou, 27.084 lugares
Plateia: 8.147
Árbitro: Benoit Bastien (Franca)

Gols: Miranchuk/pen X Gimenez

Era a chance derradeira de a Lokomotiv se manter acesa na briga por uma vaga nas oitavas ou para se preservar, no mínimo, rumo a uma repescagem da Liga Europa. E a possibilidade pareceu se esvair aos 18’ num cruzamento bem despretensioso de Herrera que Gimenez desviou de cocuruto e Guilherme, incrédulo, deixou entrar a mais de metro do ângulo direito. Só que mediador Benoit Bastien, aos 25’, contribuiria veementemente para a igualdade no marcador. Num chute de Smolov, a pelota bateu na testa de Herrera e resvalou num braço, encostado ao corpo, e o francês, mesmo após consultar a tela do VAR, apontou o penal, que Miranchuk converteu. Para o alívio de Diego Simeone, o treinador dos “Colchoneros”, em Moscou uniformizados em um azul integral, o placar não mais se movimentaria.

A celebração do Bayern, em Salzburgo

A celebração do Bayern, em Salzburgo

@FCBayern

RB SALZBURG 2 X 6 BAYERN
EM-Stadion, Wals-Siezenheim, 31.895 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Danny Makkelie (Neerlândia)

Gols: Berisha X Lewandowski/pen, Kristensen/con

Em algum lugar, em algum momento, deveria se encerrar a sequência formidável de treze vitórias dos “Bávaros” na LC – e uma sequência ainda enriquecida pelo seu sucesso diante do Sevilla na Supercopa da UEFA. E os austríacos bem que tentaram e, cedinho, aos 4’, realizaram 1 X 0 em uma pelota rebatida que Berisha aproveitou. Todavia, aos 21’, Mueller desferiu um drible de Futsal em Mwepu que o derrubou na área, um ostensivo penal, batido, claro, por Lewandowski, 1 X 1, a sua 13ª cobrança precisa em série. E a fantasia do Salzburg começaria a se esgarçar aos 44’, num lance de Mueller pela direita e o desvio azarado de Kristensen, contra a meta de Stankovic. O segundo tempo se desenrolou em ritmo de treino. Destaque para mais um gol de Lewandowski, que agora já soma 70 em sua linda história na UEFA.

Classificação:
BAYERN MUENCHEN (Alemanha)
9pts – 3vit/0emp/0der – 12gp/3gc
ATLÉTICO DE MADRID (Espanha)
4ts – 1vit/1emp/1der – 4gp/7gc
LOKOMOTIV MOSCOU (Rússia)
2pts – 0vit/2emp/1der – 4gp/5gc
RB SALZBURG (Áustria)
1pts – 0vit/1emp/2der – 6gp/11gc

Jogos do dia 25:
BAYERN X RB SALZBURG
Allianz Arena, Munique, 70.000 lugares
ATLÉTICO DE MADRID X LOKOMOTIV
Wanda Metropolitano, 68.456 lugares


GRUPO B

Pléa, três gols nos 6 X 0 do Borussia Moenchengladbach em Kiev

Pléa, três gols nos 6 X 0 do Borussia Moenchengladbach em Kiev

@ChampionsLeague

SHAKHTAR DONETSK 0 X 6 BORUSSIA M’GLADBACH
NSC Olympiyskiy, Kiev, 70.050 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Serdar Gozubuyuk (Neerlândia)

Gols: Pléa/3, Bondar/con, Bensebaini, Stindl

Quem poderia apostar que os pupilos de Marco Rose se desvencilhariam dos líderes ucranianos e assumiriam a liderança do Grupo B? Ou, quem poderia pensar que tal façanha se desenharia, absurdamente, antes mesmo de os times buscarem os vestiários para o seu descanso regular? Pois aconteceu, 4 X 0 no primeiro tempo, com direito a um golaço em particular, o do francês Alassane Pléa, o seu segundo no prélio, o terceiro da equipe, um lance de raro fulgor, um petardo fenomenal de 25 metros, com um efeito insidioso, no meio de um exército de zagueiros. No tempo derradeiro, através de Stindl e de novo Pléa, os alemães completariam a humilhação dos seu hospedeiros. Um detalhe: foi o prélio da estréia internacional de Pléa, que já tem 27 de idade.

Rodrygo, entrou e em 15' de ação livrou o Real da rabeira

Rodrygo, entrou e em 15' de ação livrou o Real da rabeira

@realmadrid

REAL MADRID 3 X 2 INTERNAZIONALE
Alfredo di Stefano, 6.000 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Clément Turpin (França)

Gols: Benzema, Sérgio Ramos, Rodrygo X Lautaro Martínez, Perisic

Companheiros de meio-de-campo da Juventus, cerca de duas décadas atrás, enfim se reencontraram, mas como treinadores, o hoje “Merengue” Zinedine Zidane e o hoje “Nerazzurro” Antonio Conte. E quem imaginaria que se trataria de um duelo de desesperados? Pois mesmo sem público acabou por se transformar num belíssimo desafio. Aos 25’, Benzema desfrutou uma falha da retaguarda da Inter e anotou o seu 67º tento numa LC, só atrás de Raúl, 71, na lista de artilheiros do Real. Daí, aos 33’, numa jogada típica, de testa, Sérgio Ramos dobrou, o seu centésimo gol com a camisa “Merengue”.

Sérgio Ramos, 100 gols com a camisa "Merengue"

Sérgio Ramos, 100 gols com a camisa "Merengue"

@realmadrid

A Inter, incansável na reação, encurtou a vantagem aos 35’, tento de Lautaro Martínez, aos trancos e barrancos. Pois foi o mesmo Lautaro que, aos 68’, municiou Perisic, 2 X 2. Zidane, no entanto, teria sorte ao substituir Asensio pelo brasileiro Rodrygo, aos 64’. O garoto de Osasco/SP, ex-Santos, 19 de idade, aos 80’, de fora da área, cerca de 20 metros, com a devida frieza acertou o canto da meta do excelente Handanovic. Festa do Real. Drama na Inter, fora, inclusive, do consolo da repescagem na LE. O clube “Merengue”, de todo modo, permanece atrás do Shakhtar pelo critério do confronto direto: dentro de Madrid, os russos já sobrepujaram os ibéricos por 3 X 2.

Classificação:
BORUSSIA MOENCHENGLADBACH (Alemanha)
5pts – 1vit/2emp/0der – 10gp/4gc
SHAKHTAR DONETSK (Ucrânia)
4pts – 1vit/1mp/1der – 3gp/8gc
REAL MADRID (Espanha)
4pts – 1vit/1emp/1der – 7gp/7gc
INTERNAZIONALE (Itália)
2pts – 0vit/2emp/1der – 4gp/5gc

Jogos do dia 25:
BORUSSIA M’GLADBACH X SHAKHTAR DONETSK
Borussia-Park, Moenchengladbach, 46.249 lugares
INTERNAZIONALE X REAL MADRID
Giuseppe Meazza, Milão, 78.275 lugares


GRUPO C

Gabriel Jesus, um dos três tentos do City sobre o Olympíacos

Gabriel Jesus, um dos três tentos do City sobre o Olympíacos

@ManCity

MANCHESTER CITY 3 X 0 OLYMPÍACOS
Etihad Stadium, 53.000 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Carlos del Cerro Grande (Espanha
)
Gols: Ferrán Torres, Gabriel Jesús, João Cancelo

Indubitáveis, como favoritos, os “Citizens”. No entanto, a visita dos helênicos lhes propiciou mais sobressaltos do que alegrias. Ferrán Torres fez 1 X 0 logo aos 12’, depois de uma linda movimentação de De Bruyne. Petulante, de todo modo, o elenco de Pep Guardiola abusou das firulas e sofreu até realizar o gol da folga, aos 80’, Gabriel Jesús, e enfatizar o triunfo, João Cancelo, aos 90’.

A euforia do Porto pelo triunfo sobre o Marseille, 3 X 0

A euforia do Porto pelo triunfo sobre o Marseille, 3 X 0

@FCPorto

PORTO 3 X 0 MARSEILLE
Estádio do Dragão, 50.033 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Antonio Mateu Lahoz (Espanha)

Gols: Marega, Sérgio Oliveira, Luís Díaz

Com integral tranqüilidade os lusitanos despacharam de vez os seus adversários gauleses e se consolidaram como candidatos à segunda vaga do Grupo C às oitavas. Logo aos 4’, numa barbeiragem descomunal da retaguarda do Marseille, Corona capturou a pelota e colocou a Marega, diante da meta vazia. Bastaria, tal se provou a diferença de qualidade entre os dois clubes. Os franceses, contudo, cometeriam um penal, aos 28’, Amavi em Corona, tento de Sérgio Oliveira na cobrança. E, aos 69’, de calcanhar, Corona, o melhor do prélio, disparadamente, armaria o gol de Luís Díaz.

Classificação:
MANCHESTER CITY (Inglaterra)
9pts – 3vit/0emp/0der – 9pg/1gc
PORTO (Portugal)
6pts – 2vit/0emp/1der = 6gp/3gc
OLYMPÍACOS (Grécia)
3pts – 1vit/0emp/2der = 1gp/5gc
MARSEILLE (França)
0pts = 0vit/0emp/3der – 0gp/7gc

Jogos do dia 25:
OLYMPÍACOS X MANCHESTER CITY
Georgios Karaiskakis, 32.115 lugares
MARSEILLE X PORTO
Stade Vélodrome, 67.894 lugares


GRUPO D

Antony, no centro, o seu orimeiro gol pelo Ajax

Antony, no centro, o seu orimeiro gol pelo Ajax

@AFCAjax

MIDTJYLLAND 1 X 2 AJAX
MCH Arena, Herning, 11.432 lugares
Plateia: 132
Árbitro: Bobby Madden (Escócia)

Gols: Dryer X Antony, Tadic

Em menos de 60” o brasileiro Antony, ex-São Paulo, na sua segunda peleja pelos neerlandeses na LC, anotou o seu primeiro tento num certame da UEFA e, basicamente, anunciou que viria, depois, uma vitória fácil. De fato, aos 13’, numa jogada ensaiada, toque de Promes, petardo de Tadic, o Ajax dobrou o resultado e encaminhou o seu 46º triunfo seguido na competição depois de abrir o placar. O elenco danês, porém, não se submeteu tão facilmente e já aos 18 diminuiu a diferença com Dryer, um belo chute de direita, cruzado. Um jogo complicado para os "Filhos dos Deuses", mas com resultado salvador.

Diogo Jota, do Liverpool, três gols na Atalanta, em Bérgamo

Diogo Jota, do Liverpool, três gols na Atalanta, em Bérgamo

@LFC

ATALANTA 0 X 5 LIVERPOOL
Atleti Azzurri d’Italia, 21.300 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Ovidiu Hategan (Romênia)

Gols: Diogo Jota/3, Salah, Mané

Não havia se apresentou nada bem a “Deusa” nas suas duas últimas pelejas. E foi desastradamente pior nesta data, exatamente quanto tinha a chance ótima de subir à liderança do Grupo D. Com seis tentos anotados em dois cotejos, tinha um ataque melhor do que todos os seus três rivais juntos e depararia com um Liverpool de retaguarda dizimada por contusões. Patética, perdeu por 0 X 5. E só o português Diogo Jota, 23 de idade, que deixou Roberto Firmino no banco, uma alteração audaciosíssima do treinador Juergen Klopp, perpetrou três tentos na impressionante devastação da hospedeira.

Classificação:
LIVERPOOL (Inglaterra)
9pts – 3vit/0emp/0der – 8gp/0gc
AJAX (NEERLÂNDIA)
4pts – 1vit/1emp/1der – 4gp/4gc
ATALANTA (Itália)
4pts – 1vit/1emp/1der – 6gp/7gc
MIDTJYLLAND (Dinamarca)
0pts – 0vit/0emp/3der – 1gp/8gc

Jogos do dia 3:
LIVERPOOL X ATALANTA
Anfield Road, 53.394 lugares
AJAX X MIDTJYLLAND
Johan Cruijff Arena, Amsterdam, 55.500 lugares

As porfias da quarta, 4 de Novembro:


GRUPO E

Sevilla

Sevilla

Reprodução Alphapapers

SEVILLA X KRASNODAR
Ramón Sánchez Pizjuán, 43.883 lugares
Árbitro: Felix Brych (Alemanha)

Difícil imaginar uma não-vitória dos ibéricos.
CHELSEA X RENNES
Stamford Bridge, Londres, 40.834 lugares
Árbitro: Feliz Zwayer (Alemanha)

Difícil imaginar uma não vitória dos londrinos.

Classificação:
CHELSEA (Inglaterra)
4pts – 1vit/1emp/0der – 4gp/0gc
SEVILLA (Espanha)
4pts – 1vit/1emp/0der – 1gp/0gc
KRASNODAR (Rússia)
1pts – 0vit/1emp/1der – 1gp/5gc
RENNES (França)
1pts – 0vit/1emp/1der – 1gp/2gc

Jogos do dia 24:
KRASNODAR X SEVILLA
Krasnodar Stadium, 35.074 lugares
RENNES X CHELSEA
Roazhon Park, 29.778 lugares


GRUPO F

Zenit

Zenit

Reprodução Alphapapers

ZENIT X LAZIO
Krestovsky Stadium, São Petersburgo, 67.000 lugares
Arbitro: Artur Soares Dias (Portugal)

A “Águia” romana sofreu para sobrepujar o Torino no certame da Bota. Os seus “tifosi”, porém, esperam que tenha guardado fôlego e Futebol.
CLUB BRUGGE X BORUSSIA DORTMUND
Jan Breydel Stadion, Bruges, 29.062 lugares
Árbitro: Damir Skomina (Eslovênia)

Até aqui surpreendentes, os belgas têm a oportunidade extraordinária de abrir quatro pontos de vantagem sobre os tedescos, que eram os favoritos.

Classificação:
LAZIO (Itália)
4pts – 1vit/1emp/0der – 4gp/2gc
CLUB BRUGGE (Bélgica)
4pts – 1vit/1emp/0der – 3gp/2gc
BORUSSIA DORTMUND (Alemanha)
3pts – 1vit/0emp/1der – 3gp/3gc
ZENIT SAINT PETERSBURG (Rússia)
0pts – 0vit/0emp/2der – 1gp/4gc

Jogos do dia 24:
BORUSSIA DORTMUND X CLUB BRUGGE
Westfalenstadion, 65.829 lugares
LAZIO X ZENIT
Stadio Olìmpico, Roma, 70.634 lugares


GRUPO G

Ferencvarós

Ferencvarós

FTC

BARCELONA X DYNAMO KYIV
Camp Nou, 99.354 lugares
Árbitro: Michael Oliver (Inglaterra)

Mesmo com problemas de política interna e instabilidade no seu elenco, o “Blaugrana” deve manter os seus 100%.
FERENCVARÓS X JUVENTUS
Puskás Arena, Budapeste, 67.215 lugares
Árbitro: Orel Grinfeld (Israel)

Bastou que Cristiano Ronaldo retornasse ao time para que a “Senhora” voltasse a se exibir fluente e agressiva, 4 X 1 sobre o Spezia no “Nazionale”. Probabilíssimo que ignore os magiares mesmo na Arena Ferenc Puskás, que o Ferencváros escolheu de última hora para substituir a ex-Florian Albert, ou Groupama. Questões de patrocínio.

Classificação:
BARCELONA (Espanha)
6ts – 2vit/0emp/0der – 7gp/1gc
JUVENTUS (Itália)
3pts – 1vit/0emp/1der – 2gp/2gc
DYNAMO KYIV (Ucrânia)
1pts – 0vit/1emp/1der – 2gp/4gc
FERENCVARÓS (Hungria)
1pts – 0vit/1emp/1der – 3gp/7gc

Jogos do dia 24:
JUVENTUS X FERENCVARÓS
Allianz Stadium, Turim, 41.507 lugares
DYNAMO KYIV X BARCELONA
NSC Olympiyskiy, Kiev, 70.050 lugares


GRUPO H

Istanbul Basaksehir

Istanbul Basaksehir

@Istanbul Basaksehir

ISTAMBUL BASAKSEHIR X MANCHESTER UNITED
Fatih Terim Stadyumu, Istambul, 17.156 lugares
Árbitro: Dàvide Massa (Itália)

Impensável acreditar que os otomanos, incapazes de um só tento em duas partidas, possam assustar os britânicos.

RB LEIPZIG X PSG
Red Bull Arena, 42.959 lugares
Árbitro: Szymon Marciniak (Polônia)

Quem diria: responsabilidade gigantesca dos “Parisiens” este duelo direto contra os germânicos. Duelo arriscado.

Classificação:
MANCHESTER UNITED (Inglaterra)
6pts – 2vit/0emp/0der – 7gp/1gc
PARIS SAINT-GERMAIN (França)
3pts – 1vit/0emp/1der – 3gp/2gc
RB LEIPZIG (Alemanha)
3pts – 1vit/0emp/1der – 2gc/5gc
ISTAMBUL BASAKSEHIR (Turquia)
0pts – 0vit/0emp/2der – 0gp/4gc

Jogos do dia 24:
PSG X RB LEIPZIG
Parc des Princes, Paris, 47.929 lugares
MANCHESTER UNITED X ISTAMBUL BASAKSEHIR
Old Trafford, 74.140 lugares

Os 32 clubes do Grupo A ao Grupo H

Os 32 clubes do Grupo A ao Grupo H

Reprodução BT Sport

A etapa de chaves qualificará o seu líder e o seu vice às oitavas de final. E os terceiros colocados se consolarão na repescagem da Liga Europa. Daí, no dia 14 de Dezembro um sorteio definirá os emparceiramentos das oitavas, por enquanto marcados para 16-17 e 23-24 de Fevereiro, nos jogos de ida, e 9-10 e 16-17 de Março de 2021 nos jogos de volta. Um novo bingo, em 19 de Março, determinará os cotejos das quartas, sempre em ida e volta, 6-7 e 13-14 de Abril, e das duas semis, 27-28 de Abril e 4-5 de Maio. A UEFA programou sua final para 29 de Maio, pugna única no Ataturk Olympic, Istambul, Turquia.

Detalhe da traça da LC

Detalhe da traça da LC

UEFA

Agora na sua 66ª edição, a 29ª desde que trocou de nome na temporada de 1992/93,  e deixou de ser a antiga Copa dos Campeões, esta Liga, ou a “Champions League”, se inaugurou no dia 8 de Agosto com 79 equipes de 54 das suas 55 federações afiliadas. Uma única, curiosa exceção: Liechtenstein, cujos times participam de campeonatos da Suíça. Antes da atual fase de chaves, ocorreram 51 mata-matas de eliminação, nos quais se registraram 142 tentos, a média de 2,78. E acumuladas, até aqui, já transcorreram 91 pelejas com a marcação de 271 tentos e com a média bastante boa de 2,98.


Gostou? Clique num dos ícones para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião sobre este meu texto no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, use máscara. E fique com o meu abração virtual! Obrigadíssimo!

Últimas