Silvio Lancellotti No Calcio, a Juventus cresce e o apitador auxilia a Internazionale

No Calcio, a Juventus cresce e o apitador auxilia a Internazionale

Graças a mais um gol de Manuel Locatelli a "Senhora" bate o Torino no "Derby della Mole". E graças a um erro crucial do árbitro Luca Pairetto a "Biscione" da Lombardia sobrepuja o Sassuolo por 2 X 1.

Locatelli, mais uma vez o salvador da Juve

Locatelli, mais uma vez o salvador da Juve

@Serie A Calcio

Com os seus 167 metros de altura, encravada no melhor cenário do centro histórico de Turim, erigida entre 1863 e 1897, originalmente destinada a abrigar uma sinagoga mas entregue pela comunidade hebraica à administração da cidade, a Mole Antonelliana, com todo o respeito, não serviu para nada. Funcionou como um mirante ou como cenário de filmes de mistério e de terror, se transformou na sede do Museu do Cinema, mas jamais substituiu, como símbolo da Arquitetura do Piemonte, os 18km de calçadas cobertas que fascinam um visitante capaz de passear protegido mesmo debaixo de chuva ou de neve.

A Mole intrometida e a paisagem linda de Turim

A Mole intrometida e a paisagem linda de Turim

Reprodução de cartão postal

Ironicamente, de todo modo, a coisa intrometida batizou o super-clássico do Calcio local, o duelo entre o Torino, o “Toro Granata”, e a Juventus, a “Vecchia Signora”, que neste sábado, 2 de Outubro, pelo “Nazionale” de 2021/2022, protagonizaram o seu “Derby della Mole” de número 203. A Juve ostentava a vantagem de 89 triunfos a 56, nos tentos a folga de 302 a 241. Mais, a “Senhora” não perdia desde Abril de 2015, a sua única derrota nas últimas 30 porfias. E desde o mesmo 2015, lá então no mês de Outubro, as duas agremiações não se igualavam em pontos na tabela, agora no patamar meramente intermediário dos 8.

Os rivais do "Derby della Mole"

Os rivais do "Derby della Mole"

Reprodução

Para complicar o desafio, ambas entraram no gramado do estádio do time “Granata” com desfalques lastimáveis em seus ataques. O Torino sem Pjaca/2 e Andrea Belotti/1, os responsáveis por mais de um terço dos seus 8 tentos. E a Juve sem Morata/2, Dybala/2 e Leo Bonucci/1, os autores de metade dos seus 10. Eis as fichas técnicas e as sínteses dos prélios do sábado, as partidas de domingo e segunda-feira, mais a tabela de pontos.


Sábado, dia 2 de Outubro

A vibração de Locatelli pelo gol aos 86'

A vibração de Locatelli pelo gol aos 86'

@Serie A Calcio

TORINO 0 X 1 JUVENTUS
Turim, Stadio Olimpico Grande Torino
Árbitro: Paolo Valeri

Gol: Locatelli

No airoso panteão de heróis enciclopédicos da “Senhora”, com certeza existe um lugar muitíssimo bem guardado para Giorgio Chiellini, ao lado de antológicos como Boniperti, Cabrini e Del Piero. Na quarta-feira, 29 de Setembro, na Champions League, quando a Juve batia o Chelsea por 1 X 0 e mais penava para segurar o resultado, o Chiello entrou no prélio, aos 83’, e comandou a muralha de proteção. Neste “Derby” de agora, entrou no jogo como titular e capitão, provou-se o líder da defesa nos momentos de pressão do “Toro”, puxou contra-ataques, desferiu lançamentos, e começou o lance que, aos 86’, originou o gol do triunfo, um tiro de impressionante consciência de Locatelli bem no cantinho da meta de Milinkovic-Savic, depois de um toque lateral de Chiesa. Foi o segundo gol de Locatelli em duas partidas seguidas. Aliás, esse é um outro que parece predestinado ao panteão.

A vibração de Lautaro Martínez pelos 2 X 1 da Inter, aos 78'

A vibração de Lautaro Martínez pelos 2 X 1 da Inter, aos 78'

@Serie A Calcio

SASSUOLO 1 X 2 INTER
Sassuolo, MAPEI Stadium
Árbitro: Luca Pairetto

Gols: Berardi/pen X Dzeko, Lautaro Martinez/pen

O mediador Luca Pairetto, filho do polêmico Pieluigi, um torinês que chegou a vice no departamento das arbitragens da UEFA, acertou ao marcar um penal de Skriniar em Boga, aos 22’ da peleja, conversão e gol de Berardi. Falhou clamorosamente, no entanto, aos 45, quando ignorou uma infração clara do arqueiro Handanovic em Defrel, depois de um bola pessimamente atrasada por De Vrij. A falta ocorreu fora da grande área, o que redundaria num cartão vermelho para o esloveno. Equívoco fatal. A Inter empataria aos 58’, bom cruzamento de Perisic e testada de Edin Dzeko. E viraria aos 78, quando Pairetto apontou uma penalidade máxima numa trombadaça do arqueiro Consigli em Dzeko, equivalente à anterior, embora pouco adiante da lateral da área. Lautaro Martínez bateu bem, 2 X 1.

A festa da Salernitana pela primeira vitória em sete cotejos

A festa da Salernitana pela primeira vitória em sete cotejos

@Serie A Calcio

SALERNITANA 1 X 0 GENOA
Salerno, Stadio Airechi
Árbitro: Maurizio Mariani

Gol: Djuric

Enfim, o primeiro sucesso da Salernitana no certame, aos 66’, um  escanteio levantado por Kastanos e a testada firme de Djuric, que acabara de subir ao gramado. Um bom augúrio para o invicto Napoli, vizinho geográfico da Salernitana, com 18 pontos em 18 disponíveis. Na quinta-feira, e dentro de casa, depois de inaugurar o placar aos 7”, incrivelmente o “Burro” cedeu a virada ao Spartak Moscou, 2 X 3, e caiu à triste terceira colocação no Grupo C da Liga Europa. Agora, neste domingo, visita a Fiorentina e, muito pior, corre o enorme risco de também perder o combate e assim desperdiçar os seus 100% de aproveitamento.


Domingo, dia 3 de Outubro

BOLOGNA X LAZIO
Bolonha, Stadio Renato Dall’Ara
Árbitro: Davide Massa

SAMPDORIA X UDINESE
Gênova, Stadio Luigi Ferraris
Árbitro: Daniele Orsato

VERONA X SPEZIA
Verona, Stadio Marcantonio Bentegodi
Árbitro: Giacomo Camplone

Osimhnen, do Napoli

Osimhnen, do Napoli

@Serie A Calcio

FIORENTINA X NAPOLI
Florença, Stadio Artemio Franchi
Árbitro: Simone Sozza

ROMA X EMPOLI
Roma, Stadio Olimpico
Árbitro: Giovanni Ayroldi

ATALANTA X MILAN
Bérgamo, Gewiss Arena
Árbitro: Marco Di Bello

Realizado na sexta-feira, dia 1º de Outubro

CAGLIARI 1 X 1 VENEZIA
Cagliari, Unipol Domus
Árbitro: Manuel Volpi

Gols: Keita Baldé X Busio


Inaugurada em 21 de Agosto e com seu desfecho previsto para o dia 22 de Maio de 2022, esta edição da Série A do Futebol da Velha Bota, a 120ª na História do Calcio, a 90ª desde a implantação do campeonato de pontos corridos e em turno e returno, até agora apresentou 64 partidas, com 201 tentos registrados, a média de 3,14. A classificação:

18pg, 1: NAPOLI – 6j/6v-0e-0d (16gp/2gc)
16pg, 3º: MILAN – 6j/5v-1e-0d (12gp/3gc)
17pg, 2ª: INTER – 7j/5v-2e-0d (22gp/8gc)
12pg, 4º: ROMA – 6j/4v-0e-2d (14gp/8gc)
12pg, 5º: FIORENTINA – 6j/4v-0e-2d (9gp/9gc)
11pg, 6º: LAZIO – 6j/3v-2e-1d (15gp/9gc)
11pg, 7º: ATALANTA – 6j/3v-2e-1d (8gp/6gc)

11pg, 8º: JUVENTUS – 7j/3v-2e-2d (11gp/10gc)
9pg, 9º: EMPOLI – 6/3v-0e-3d (9gp/10gc)
8pg, 10º: BOLOGNA – 6j/2v-2e-2d (9gp/14gc)
8pg, 11º: TORINO – 7j/2v-2e-3d (9gp/7gc)
7pg, 12º: UDINESE – 6j/2v-1e-3d (6gp/8gc)
7pg, 13º: SASSUOLO – 7j/2v-1e-4d (7gp/9gc)
5pg, 14º: VERONA – 6j/1v-2e-3d (11gp/14gc)
5pg, 15º: SAMPDORIA – 6j/1v-2e-3d (7gp/10gc)
5pg, 16º: GENOA – 7j/1v-2e-4d (10gp/16gc)
5pg, 17º: VENEZIA – 7j/1v-2e-4d (5gp/12gc)
4pg, 18º: SPEZIA – 6j/1v-1e-4d (8gp/15gc)
4pg, 19º: SALERNITANA – 7j/0v-1e-6d (5gp/15gc)
3pg, 20º: CAGLIARI – 7j/0v-3e-4d (8gp/16gc)

Manuel Locatelli, da Juve, o craque do sábado no Calcio

Manuel Locatelli, da Juve, o craque do sábado no Calcio

@Serie A Calcio

Gostou? Clique num dos ícones do topo para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, seja cauteloso e seja solidário, use máscara, por favor. E fique com o abraço virtual do Sílvio Lancellotti! Obrigadíssimo!

Últimas