R7 Só Esportes Goleiro do Paraná tenta dar chutão, falha e sofre gol bizarro

Goleiro do Paraná tenta dar chutão, falha e sofre gol bizarro

Na derrota de 2 a 0 diante do Athletico, Bruno Grassi recebeu bola na fogueira do zagueiro e não conseguiu afastar o perigo

Quem pede o fim dos estaduais é porque não vê o charme em lances como o do goleiro Bruno Grassi, do Paraná. No jogo de ida das quartas de final do Paranaense, contra o Athletico-PR, o arqueiro recebeu recuo da zaga e tentou dar o chutão para frente, mas a bola acabou atingindo o adversário e entrando contra o próprio gol. 

A tentativa de chutão de Bruno Grassi acabou rebatendo em Léo Cittadini

A tentativa de chutão de Bruno Grassi acabou rebatendo em Léo Cittadini

DU CANEPPELE/O FOTOGRÁFICO/ESTADÃO CONTEÚDO

O Paraná acabou perdendo a partida de 2 a 0 para o Furacão. O gol bizarro foi marcado por Léo Cittadini. "Foi um gol diferente, o primeiro assim em toda minha carreira. Acabei indo pressionar o goleiro e dei um pouco de sorte de a bola ter batido em mim e entrado", disse o jogador do Athletico.

Grassi, por outro lado, lamentou o azar no lance e disse que agora vai buscar trabalhar no erro, para não voltar a cometê-lo. "Situação difícil, a bola chegou difícil pra mim. A gente pensa que poderia ter feito algo diferente, e deveria. É uma coisa a ser trabalhada", afirmou o goleiro.

Flamengo se torna maior campeão entre grandes no século; veja lista

Últimas