Campeonato Carioca Abel Braga vai em busca do segundo título contra o Flamengo

Abel Braga vai em busca do segundo título contra o Flamengo

Bastante criticado pela torcida, técnico pode se redimir ao ser campeão em cima do rival; primeiro jogo da final é nesta quarta

Abel Braga pode vencer mais uma final, a sua segunda em cima do Flamengo, neste Carioca

Abel Braga pode vencer mais uma final, a sua segunda em cima do Flamengo, neste Carioca

Mailson Santana/Fluminense FC

Quando se fala em Abel Braga, muitas vezes se lembra do Fluminense. A relação entre treinador e clube tem mais de 50 anos, desde a época em que era jogador. O técnico retornou ao futebol brasileiro neste ano para defender o Tricolor em sua quarta passagem e chegou à final do Campeonato Carioca contra o maior rival, o Flamengo, nesta que será a segunda decisão de Abelão diante do Rubro-Negro.

Em 2017, o experiente comandante chegou à primeira e única final de Fla-Flu, até o momento. Na época, o regulamento da Taça Guanabara era diferente do atual, e os quatro classificados disputavam a semi e a final. Fluzão e Mengão fizeram uma partida eletrizante, em um empate épico por 3 a 3, levando a disputa para as penalidades. Venceu o Fluminense, por 4 a 2, sem desperdiçar nenhuma cobrança.

Agora, Abel terá a chance de se redimir com a torcida do Flu, que anda desacreditada. Contra o Rubro-Negro, clube do qual também foi treinador em 2004 e 2019, Abel vai disputar sua segunda final, podendo vencer mais uma vez. Nas partidas iniciais do Estadual deste ano, o Flu já venceu o Fla por 1 a 0, e com gol de Jhon Arias no final do segundo tempo.

Em caso de derrota na decisão, a situação vai ficar muito complicada. A diretoria tricolor demonstra confiança no trabalho do técnico, mas a torcida não. Se houver derrota para o Flamengo na final, pelo terceiro ano seguido, após eliminação na competição mais importante, atuações dos jogadores criticadas e vaias para o treinador nas últimas partidas, Abel poderá viver mais uma despedida nas Laranjeiras.

O Fluminense fez um planejamento e montou um time forte, dificilmente visto nos últimos anos. Bastante criticado na sua chegada, em janeiro, Abel emplacou 12 vitórias seguidas, após iniciar perdendo para o Bangu. Por pouco, não teve a honra de entrar para a história e colocar a maior sequência de vitórias do clube sob seu comando, faltando apenas uma partida ganha.

Abelão foi campeão da Taça Guanabara, faltando uma partida para o término. Na última rodada, empatou com o Boavista por 0 a 0 e foi a partir desse momento que o futebol desandou para o Tricolor. A partida seguinte foi a trágica eliminação na pré-Libertadores, em uma virada no agregado que parecia difícil. Depois, duas partidas contra o Botafogo abaixo do nível que poderia apresentar, quase sendo eliminado do Carioca.

O início da redenção com a torcida tricolor já está próximo. Nesta quarta-feira (30) com transmissão da Record TV Rio, do R7 e PlayPlus, às 21h40, no Maracanã, Fla e Flu vão dar início ao primeiro jogo da grande decisão. A segunda partida está marcada para o sábado (2), às 18h. 

Veja craques do futebol mundial que já não têm mais chances de ir para a Copa do Mundo

Últimas