R7 Só Esportes Barcelona retira medalhas de ditador espanhol Francisco Franco

Barcelona retira medalhas de ditador espanhol Francisco Franco

Homenagens foram concedidas no período em que 'generalíssimo' governou a Espanha, de 1938 a 1973. Assembléia deve anular medalhas

barcelona, ditadura

Vítimas do regime de Franco ainda são lembradas

Vítimas do regime de Franco ainda são lembradas

REUTERS/Susana Vera/File Photo - 11.02.19

O Barcelona decidiu, em Assembléia Geral com o presidente do clube, Josep Maria Bartomeu, retirar as homenagens feitas ao general Francisco Franco em 1971 e 1974. A iniciativa vai ao encontro de decisão de retirar referências ao período ditatorial de 656 cidades espanholas.

Com a decisão, o clube tenta dissociar sua imagem ao do ditador nascido na Galícia. 

"Tomámos essa decisão depois de rever o caso e as suas provas documentais. Lembro que o mesmo se arrasta há muito tempo e que foi levantado em 2003, tendo, desde então, sido discutido em momentos diferentes da vida do Barcelona”, afirmou Josep Vives, porta-voz do time da Catalunha.

Francisco Franco recebeu as honrarias em 1971 pela inauguração do ginásio multiuso Palau Blaugran, hoje frequentemente utilizado pela equipe de futsal. Em 1974, foi outorgada a medalha de ouro pelas bodas de platina do clube. Na época, uma norma não escrita dizia que toda nova distinção criada pelo time da Catalunha tinha que ser outorgada a Franco em primeiro lugar. 

Ao longo dos anos, o general recebeu outras homenagens das mãos dos representantes do clube catalão, como Agustí Montal i Costa, presidente do Barça na época. 

* Estagiário do R7, sob supervisão de Adalberto Leister Filho

Curta a página R7 Esportes no Facebook

Clubes pelo mundo homenageiam o Flamengo após tragédia

    Access log