Futebol Com Rony e Endrick, Palmeiras volta a treinar focado no Brasileirão

Com Rony e Endrick, Palmeiras volta a treinar focado no Brasileirão

Atacantes estão recuperados de lesões e poderão ser utilizados por Abel na sequência do ano; Weverton fala de marcas atingidas

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Resumindo a Notícia

  • Depois de empate na Libertadores, Palmeiras volta a treinar visando o Brasileirão
  • Verdão enfrentará o Goiás, neste domingo (7), às 16h no Allianz Parque
  • Rony e Endrick participaram integralmente da atividade no CT; Weverton fala de marcas
  • Alviverde lidera a competição com 42 pontos; mais de 36 mil ingressos foram vendidos
Rony domina a bola durante atividade do Palmeiras visando o Goiás pelo Brasileirão no Allianz

Rony domina a bola durante atividade do Palmeiras visando o Goiás pelo Brasileirão no Allianz

CESAR GRECO/SITE OFICIAL DO PALMEIRAS (05.08.2022)

O Palmeiras voltou aos treinos na Academia de Futebol depois de ter um dia livre com o empate conquistado no Mineirão, pelas quartas de final da Libertadores, contra o Atlético-MG, já nos acréscimos. O Verdão já foca no Campeonato Brasileiro, onde lidera com 42 pontos. Rony e Endrick voltaram de lesões e participaram integralmente da atividade.

A equipe palmeirense enfrentará neste domingo (7), pela 21ª rodada, o Goiás, no Allianz Parque, que já tem mais de 36 mil ingressos vendidos. Duelo está marcado para acontecer às 16h (de Brasília).

Weverton, que tem sido titular do Verdão nas últimas 15 partidas, falou sobre a marca atingida no duelo contra os atleticanos, em Minas Gerais, ficando apenas atrás do ex-goleiro e ídolo Marcos.

"É motivo de muito orgulho. Sabemos o quanto é difícil fazer 50 jogos em uma equipe como o Palmeiras e ainda ganhar duas Libertadores, é algo histórico para mim. Por toda minha trajetória, nunca imaginei que ia chegar aonde cheguei. Sei que isso me custa muita renúncia, sacrifício, muito trabalho", afirmou.

Trabalhamos muito porque sabemos como é pesada essa camisa, a nossa responsabilidade. Ainda mais na posição de goleiro, a história aqui é muito forte, tem muita identificação, grandes ídolos vestiram essa camisa. Tento ser o mais profissional possível, me dedicar bastante porque dentro de campo a responsabilidade é muito grande. Mas também um grande prazer andar em qualquer lugar do Brasil e do mundo e ser reconhecido pela história que está sendo escrita", adicionou o camisa 21 do Alviverde.

Com a possibilidade de aumentar diferença sobre o segundo colocado da competição, o Weverton falou do Palmeiras se manter concentrado mesmo com a disputa contra o Atlético-MG, na semana seguinte.

"É manter essa parte mental, sabemos o quanto é difícil o Brasileiro. Não existe jogo fácil. O segundo turno é ainda mais, não dá para recuperar mais pontos. Sabemos que mais uma vez o torcedor vai lotar o estádio, vai nos apoiar como sempre tem feito e tem tudo para ser mais um grande jogo".

"O Goiás vem crescendo na competição, não vai nos dar nada de graça. Temos de fazer por merecer, competir, se dedicar muito, porque será um jogo duro. Esperamos que domingo todos estejam 100%, no nível de concentração máximo e possam fazer o que o Abel pede sempre: dar o nosso melhor dentro de campo, cada um nas suas tarefas, focado no que têm de fazer", concluiu o goleiro.

Sobre o meio-campista Raphael Veiga, o jogador que saiu chorando no duelo da última quarta-feira (3), fez exames e não foi diagnosticada nenhuma lesão pelo departamento médico, que seguirá observando o atleta.

Quantos pênaltis seu time teve no Brasileirão? Confira o ranking

Últimas