Campeonato Paulista Capitão no clássico, Raphael Veiga fala da importância do técnico Abel

Capitão no clássico, Raphael Veiga fala da importância do técnico Abel

Camisa 23 do Palmeiras acertou seu 19º pênalti consecutivo. Verdão fará outro clássico na quinta (17), contra o Corinthians

Raphael Veiga comemora gol da vitória contra o Santos, no Allianz Parque, pelo Paulistão

Raphael Veiga comemora gol da vitória contra o Santos, no Allianz Parque, pelo Paulistão

CESAR GRECO/SITE OFICIAL DO PALMEIRAS

O Palmeiras venceu mais um clássico na temporada e segue invicto no Paulistão. A vítima da vez foi o Santos, neste domingo (13), no Allianz Parque. O único gol no 1 a 0 foi marcado pelo meio-campista Raphael Veiga, que converteu seu 19º pênalti consecutivo e, de quebra, foi escolhido como capitão para o jogo.

"Acredito que o Abel e todos os jogadores estão se sentindo importantes, parte do processo. Todo mundo tem jogado, competido, e tem dado resultado dentro de campo. A cada dia que passa, o Palmeiras constrói um elenco forte, que confia, independentemente do adversário", disse o meia.

"Os resultados estão aparecendo e podemos levar o Palmeiras sempre para um lugar maior. O Abel é um cara fantástico, não sei quanto tempo mais vai ficar aqui, espero que muito, tem ajudado muito a gente, conquistado títulos. Sempre quero estar perto dos melhores, ele tem me ajudado muito a crescer, então quero que fique mais muito tempo", completou.

Veiga salientou sobre o trabalho do técnico português no Palmeiras por conta das recentes sondagens europeias, de Benfica (Portugal) e Granada (Espanha), na busca de contar com o seu trabalho de forma imediata.

O Verdão agora se prepara para o dérbi contra o Corinthians, na próxima quinta-feira (17), às 20h30, para tentar fechar a trinca de clássicos na primeira fase do Paulistão, com três vitórias - antes do jogo deste domingo, havia vencido o São Paulo, também por 1 a 0. A partida contra o time do Parque São Jorge é atrasada da sexta rodada e será, também, no Allianz Parque.

Últimas