O vexame do Vasco na temporada

Mal treinado e com salários atrasados, time dá pouca esperança para o torcedor

Abel Braga deve deixar o cargo até o final da semana

Abel Braga deve deixar o cargo até o final da semana

Lance! Galerias

Nesse domingo, jogando em Volta Redonda, o Vasco deu mais uma prova de que o ano de 2020 vai ser dureza.

A equipe empatou sem gols contra o time da casa e deixou escapar as chances de se classificar para a semifinal da Taça Rio, segundo turno do campeonato carioca.

Matematicamente a equipe ainda pode brigar por uma classificação, mas nem mesmo o técnico Abel Braga acredita nisso.

Sim, o próprio Abel, depois de mais uma péssima apresentação, deixou claro que com o que a equipe vem jogando, não dá pra encarar o Goiás de igual pra igual.

Ele se refere ao confronto da próxima quinta, pela Copa do Brasil, que acontece em São Januário.

Abatido e sem reação, ele praticamente descartou uma classificação para a próxima fase da competição.

A tristeza de Abel Braga é facilmente explicada.

Dos times da primeira divisão disputando os estaduais por todo o Brasil, o Vasco é o que vem apresentando o pior futebol.

A equipe só marcou oito gols em doze jogos na temporada.

No estadual, o aproveitamento é pífio.

Somente duas vitórias em oito jogos, e a nona colocação no geral.

Números impressionantes para uma equipe da grandeza do Vasco.

Até o início do campeonato, o Vasco era considerado a segunda força, na frente de Fluminense e Botafogo.

Mas, diante de atuações tão ruins, rapidamente foi rebaixado para a quarta força.

Por falar em rebaixamento, o ano do Vasco se resume a brigar pra não cair no brasileirão.

Se permanecer na série A, a torcida já vai respirar aliviada.

Com Abel Braga no comando, acho uma tarefa muito difícil.

Ele vem acumulando fracassos como treinador.

Foi assim ano passado no Flamengo e no Cruzeiro.

Mas não é só culpa dele.

Não podemos esquecer, que fatores externos tem atrapalhado muito.

São dois meses e meio de salários atrasados.

Sem falar na divisão política que existe atualmente no clube.

Diante de tudo isso, provavelmente o time não vai chegar em nenhuma semifinal de turno no estadual.

E vai ter que se preocupar mesmo em fazer um brasileirão pelo menos razoável.

E digo mais.

Se não ganhar do Goiás em casa pela Copa do Brasil na quinta, e perder o clássico para o Fluminense no próximo domingo, vai ter que procurar outro técnico no mercado.

Até a próxima.