Cosme Rímoli Jogadores e Paulo Sousa venceram. Não haverá reunião para 'dar satisfações' aos torcedores do Flamengo

Jogadores e Paulo Sousa venceram. Não haverá reunião para 'dar satisfações' aos torcedores do Flamengo

Comissão técnica, jogadores e conselheiros pressionaram o vice-presidente Marcos Braz. E a reunião com os membros das organizadas, marcada para hoje, foi cancelada. Ou melhor, 'adiada'

  • Cosme Rímoli | Do R7

Os jogadores não queriam "dar satisfações" aos torcedores. Braz percebeu e "adiou" reunião

Os jogadores não queriam "dar satisfações" aos torcedores. Braz percebeu e "adiou" reunião

Alexandre Vidal/Flamengo

São Paulo, Brasil

Jogadores, Paulo Sousa, conselheiros e até membros da diretoria se posicionaram.

Foram absolutamente contra a reunião articulada pelo vice-presidente Marcos Braz entre o time e a comissão técnica do Flamengo e chefes das torcidas organizadas.

Os flamenguistas queriam "satisfações" sobre o porquê do fraco futebol do time. Detalhar os motivos da perda da final do Carioca para o limitado rival Fluminense.

E ainda expor uma lista de jogadores dispensáveis.

Diego Ribas, Diego Alves, Renê, Everton Ribeiro e Willian Arão.

Além de exigir de Sousa que Pedro seja titular.

Reuniões desse tipo são mais comuns do que parecem. Mas costumam ser feitas de maneira sigilosa. E só depois se tornam públicas.

O encontro, no entanto, foi anunciado pelos próprios torcedores na segunda-feira.

David Luiz, Diego Ribas e Gabigol seriam os representantes dos jogadores. Havia a pressão para que o técnico português Paulo Sousa participasse, o que ele não aceitou.

Familiares dos atletas deixaram escapar a jornalistas cariocas que não aceitavam a reunião, que aconteceria no CT Ninho do Urubu.

Aconteceria. O encontro, pelo menos dessa maneira, não acontecerá mais.

Marcos Braz se viu na linha de fogo.

Conselheiros exigiram uma reunião ontem com ele, para recriminar o espaço dado às organizadas. O vice de futebol cancelou, não quis se encontrar com os conselheiros. Porque sabia que seria recriminado.

O "apoio" que Andreas recebeu dos chefes das organizadas foi um desestímulo para jogadores

O "apoio" que Andreas recebeu dos chefes das organizadas foi um desestímulo para jogadores

Reprodução/Instagram

O presidente Rodolfo Landim percebeu o desgaste público do Flamengo.

E optou pelo cancelamento do encontro com as organizadas.

Braz também já se havia decidido pelo mesmo caminho.

E teve de voltar atrás, depois de ter se comprometido.

Os chefes das organizadas do Flamengo são próximos do dirigente.

Alguns inclusive apoiaram publicamente sua candidatura e eleição a vereador do Rio de Janeiro.

A atitude da direção do Flamengo de cancelar a reunião não foi bem recebida pelos torcedores.

Já antecipando a reação dos torcedores, com a negativa dos atletas e da comissão técnica de dar explicações, Marcos Braz decidiu avisar aos chefes das organizadas que a reunião tinha sido "adiada". Não acontecerá mais hoje, como estava programada.

Os atletas ficaram aliviados.

Os torcedores, não.

Prometem aumentar a cobrança ao time, que não consegue jogar bom futebol sob o comando de Paulo Sousa.

A reunião "adiada" foi uma grande vitória dos jogadores...

Camisa usada por Maradona no gol 'la mano de Dios' será leiloada por R$ 24 milhões

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas