Jogada 10 Palmeiras define meia de criação como prioridade no mercado

Palmeiras define meia de criação como prioridade no mercado

Verdão busca um jogador para revezar com Raphael Veiga, quando necessário, para fechar seu elenco para a próxima temporada

Jogada 10
Foto: Cesar Greco/Palmeiras

Foto: Cesar Greco/Palmeiras

Jogada 10

Forte no mercado de transferências, o Palmeiras passa a ver o time com uma base bem estruturada, mas acredita que um setor precisa ganhar reforços: o meio de campo. Especificamente, um jogador de criação. Afinal, no momento, o Verdão conta com Raphael Veiga, craque do time, mas que não tem um jogador a altura para substitui-lo quando necessário.

Atualmente, o clube conta apenas com o Jhon Jhon, de 21 anos, que fez 31 partidas no ano passado. Contudo, por ainda estar no começo de carreira e ter pouca experiência, o Alviverde entende que ele não seria esse nome para substituir Veiga quando necessário. O clube tem “alguns nomes bem definidos” como alvo de interesse, mas não há negociação encaminhada até agora.

Quem mais se assemelhava com as características buscadas pelo Palmeiras para ser a  sombra de Veiga era Cauly. O Verdão mostrou-se disposto a investir quase R$ 24 milhões na contratação, mas o Grupo City não está interessado em negociar o atleta. Assim, as tratativas não avançaram.

Até aqui, o Palmeiras acertou as chegadas do volante Moreno, do atacante Bruno Rodrigues e do lateral/ponta Caio Paulista. O Alviverde tem mais dois meses para concluir a contratação do meio-campista desejado. Afinal, a janela de transferências do primeiro semestre se encerra no dia 7 de março.

Caso o meia tão sonhado chegue, o Verdão deve entender que não precisará mais se reforçar no mercado. A diretoria só voltaria a ficar ativa na janela de transferência caso uma peça muito importante deixe o clube.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas