Jogada 10 Flamengo terá dias decisivos para tentar renovar com Everton Ribeiro

Flamengo terá dias decisivos para tentar renovar com Everton Ribeiro

Meio-campista tem contrato até 31 de dezembro e ainda não renovou, porém há otimismo em ambas as partes para a conclusão do negócio...

Jogada 10
- Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

- Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

Jogada 10

Restam apenas 12 dias para o fim de 2023, e o Flamengo terá pela frente dias decisivos para tentar renovar com Everton Ribeiro, que tem contrato até dia 31. Assim, no momento, ambas as partes ainda não entraram em um acordo, porém a expectativa é que a negociação chegue ao fim nesta semana. A tendência é que o clube carioca se reúna com o jogador nos próximos dias para tentar chegar a um denominador comum para a permanência do atleta.

Nas últimas semanas, o foco do Rubro-Negro foi a negociação com  De La Cruz em uma longa reunião, que selou acordo com o jogador uruguaio. De volta ao Rio de Janeiro, Marcos Braz, vice-presidente de futebol, e Bruno Spindel, diretor executivo, aguardam a chegada do camisa 7 para retomar as negociações.

O impasse ainda é o tempo de contrato, visto que o Flamengo deseja que a renovação aconteça por apenas um ano. Por outro lado, o meio-campista quer uma extensão de dois anos. Mesmo assim, há otimismo de ambas as partes para que o acerto aconteça nos próximos dias.

Meia quer permanecer

No fim de outubro, o jogador citou o anseio de prosseguir no Flamengo em uma carta publicada no The Players Tribune. No texto, o jogador, de 34 anos, contou como foram as negociações com o clube carioca em 2017 para retornar ao Brasil. Mesmo com toda identificação com o Cruzeiro, onde foi bicampeão brasileiro em 2013 e 2014, Ribeiro acredita que sua história no futebol não seria completa se não tivesse tomado a decisão de atuar no Rubro-Negro.

“A minha história no futebol nunca seria tão bem contada se eu ficasse naquela equação tranquila à beira mar. Mesmo depois de ter sido bicampeão brasileiro com o Cruzeiro, que me deu projeção nacional e me abriu as portas da seleção, o Flamengo era minha chance de um desafio único, de construir mais lembranças boas para as pessoas que eu amo e para a maior torcida do mundo. Até que finalmente eu falei pra Marília: “Amor, está decidido. Eu vou pro Flamengo. Vou ser campeão e fazer história”. frisou, antes de contar o encontro que teve com uma criança no estacionamento do CT.

“Caraca! Só uma criança pra fazer uma pergunta dessas (sobre seu maior sonho). Meio desprevenido, eu respondi de bate-pronto, sem pensar muito, de coração aberto: “Meu sonho é continuar vencendo com o Mengão”. O garotinho me deu um abraço, foi embora sorrindo e, mais tarde, pensando a respeito desse instante tão bonito, eu me senti um pouco aquele menino. Ficou clara a alegria que esse clube traz pra mim e pros meus filhos. Parece resenha, mas quem é pai sabe do que eu tô falando. Os filhos da gente são tudo”, acrescentou.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.
Últimas