Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Fifa anuncia suspensão de cartola espanhol Luis Rubiales por beijo forçado em jogadora da seleção

Dirigente da federação espanhola agarrou rosto de Jenni Hermoso e a obrigou ao gesto na entrega da medalha de ouro do Mundial

Copa do Mundo|

Rubiales está suspenso de atividades do futebol
Rubiales está suspenso de atividades do futebol Rubiales está suspenso de atividades do futebol

A Fifa (Federação Internacional de Futebol) anunciou neste sábado (26) a suspensão provisória do presidente da RFEF (Real Federação Espanhola de Futebol), Luis Rubiales, que beijou sem consentimento a jogadora Jenni Hermoso no último domingo (20), após a final da Copa feminina. 

"Hoje decidimos a suspensão provisória do senhor Luis Rubiales de todas as atividades relacionadas com o futebol em nível nacional e internacional", afirmou o órgão dirigente do futebol mundial em comunicado, explicando que a suspensão durará um período inicial de 90 dias "e enquanto tramitar o processo disciplinar aberto".

'Ações legais' por 'mentiras' de Hermoso

Mais cedo, a Federação Espanhola de Futebol tinha qualificado de "mentiras" as últimas acusações da jogadora da seleção de futebol do país Jenni Hermoso contra o presidente da entidade, Luis Rubiales, pelo beijo forçado.

O episódio aconteceu quando a Espanha recebeu as medalhas de ouro por ganhar da Inglaterra por 1 a 0 no último domingo (20), na final da Copa do Mundo. A entidade máxima do futebol espanhol anunciou "ações legais".

Publicidade

"A RFEF e o sr. presidente demonstraram cada uma das mentiras que se difundem, seja por alguém em nome da jogadora ou, se for o caso, pela própria atleta", disse o órgão em um comunicado na madrugada deste sábado, depois de Hermoso ter dito que se sentia "vítima de uma agressão" pelo beijo de Rubiales na boca.

Leia também

De forma inesperada e apesar da pressão, o dirigente máximo do futebol espanhol se recusou a deixar o cargo na assembleia geral extraordinária da federação, que ocorreu em Las Rozas, na periferia de Madri.

No cargo desde 2018, Rubiales, que foi zagueiro quando profissional, empreendeu um contra-ataque às acusações, afirmando que o beijo foi "mútuo" e "consentido" e contou com a autorização da atleta. Ele aproveitou para atacar o "falso feminismo".

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.