Campeonato Carioca Com Júnior Lopes, Audax chega na última rodada mirando a Taça Rio

Com Júnior Lopes, Audax chega na última rodada mirando a Taça Rio

Técnico chegou na rodada passada, quando time venceu o Madureira e escapou do rebaixamento; domingo pega o Botafogo

Técnico Junior Lopes é filho do ex-treinador Antonio Lopes

Técnico Junior Lopes é filho do ex-treinador Antonio Lopes

Twitter/Angra Audax

O Angra Audax voltou a vencer depois de três jogos e com um novo integrante, o técnico Júnior Lopes. Em entrevista à reportagem, o treinador que estreou diante do Madureira, pela 10ª rodada, com vitória por 3 a 1 no último domingo (6), falou sobre a dificuldade do primeiro compromisso, mas elogiou a atuação e a entrega de seus comandados em campo.

Para ele, o time fez um bom jogo e segue em busca de mais uma vitória para beliscar uma vaga na Taça Rio, que reúne do 5º ao 8º colocados. A equipe vai para a última rodada do estadual, neste fim de semana, na nona colocação, com 10 pontos.

"Foi muito difícil. Pegar um time como Madureira, bem treinado com um ritmo forte, na casa deles, o próprio horário do jogo (11h), um pouco atípico. O nosso time não tinha feito nenhuma partida nesse horário, então, foi um jogo muito difícil. Porém, os treinamentos da semana, apesar de eu tenho trabalhado só 3 dias, nos deram a confiança de que faríamos uma boa partida", disse Junior Lopes.

"Peguei um grupo muito aberto para as minhas ideias e para o meu trabalho. O Audax vinha de três derrotas consecutivas e eu via um grupo muito aflito com essa situação, mas querendo muito vencer. Trabalhamos o lado psicológico do elenco, e conseguimos o resultado, não só de performance, mas também o resultado em si. Acho que a performance foi muito boa. No primeiro tempo, que acabou 1 a 0, já poderíamos ter tido uma vantagem no placar e, no segundo, o Madureira veio para cima, onde acabou criando mais espaço para as nossas investidas e fomos felizes", falou.

Ao ser perguntado do próximo jogo, contra o Botafogo, o técnico afirmou que sabe da dificuldade, mas tem a certeza de que o Audax vai em busca de um bom resultado.

"Será um jogo muito difícil. O Botafogo é uma bela equipe, que vem de um título da Série B, com um astral bom. Essa questão toda do entorno está motivando bastante não só o clube, mas também seus torcedores. Com um novo investidor, está motivando o clube como um todo e o elenco também. Dentro de campo é um time com jogadores de muitas qualidades, somando juventude com experiência. Nós sabemos que será um jogo muito difícil, mas vamos nos preparar para um novo grande resultado diante de uma equipe tão forte como a do Botafogo", analisou Junior Lopes.

Sem correr mais o risco de rebaixamento, a disputa agora é por uma vaga na Taça Rio. "Estamos tentando tirar o foco disso. Quando nós assumimos, antes do jogo do Madureira, muita se falava sobre a questão do rebaixamento e eu tentei tirar isso trabalhando o lado psicológico e emocional deles (equipe). Sabíamos que tínhamos dois jogos muito difíceis, contra o Madureira fora de casa, e o Botafogo com nosso mando de campo, e havia um temor, uma possibilidade de rebaixamento. Graças a Deus e a competência dos atletas nós tivemos a vitória contra o Madureira que nos livrou do rebaixamento e, a partir disso, a gente já ouve falar do próximo passo que é uma busca na vaga da Taça Rio", explicou.

"Nós sabemos que uma vitória diante do Botafogo vai nos dar essa vaga, que com um empate vamos ficar dependendo de outros resultados, e com uma derrota sabemos que a vaga não virá, então a gente vai focar em ter a melhor performance possível e como qualquer jogo a gente vai em busca dos três pontos", finalizou o técnico.

O confronto entre Angra Audax e Botafogo, será neste domingo (13), às 16h, no Estádio Jair Toscano, em Angra dos Reis, sendo o último jogo do fim de semana.

Confira quais jogadores de Ucrânia e Rússia já entraram na mira de clubes brasileiros após aval da Fifa
 

Últimas