Será que o "monstro" vai voltar?

Thiago Silva não descarta possibilidade de retornar ao Fluminense

O passe dele está avaliado em 6 milhões de euros (R$ 33,9 milhões).

O passe dele está avaliado em 6 milhões de euros (R$ 33,9 milhões).

Lance! Galerias

Pra quem não lembra do Thiago Silva com a camisa do Fluminense, pode não saber que ele é um dos grandes ídolos da história recente do tricolor.

Zagueiro raçudo e que acreditava em todas as bolas, ele era mortal também no jogo aéreo. Foi assim que ele ajudou o clube a conquistar a Copa do Brasil de 2007, quebrando um jejum de 23 anos sem um título de nível nacional. Foram 146 jogos e 14 gols marcados pelo time carioca.

Claro que ele é uma unanimidade nas Laranjeiras. Dez em cada dez torcedores do Fluminense tem o sonho de que um dia ele pode voltar. Parece que esse sonho não está tão distante assim.

Ele já declarou algumas vezes que gostaria de encerrar a carreira no clube. Segundo relato do próprio zagueiro, além de ter sido criado no Flu, o clube abriu as portas para ele num dos momentos mais difíceis da carreira do jogador, que está com 35 anos.

O "monstro" como a torcida gosta de chamá-lo, tem sido destaque na imprensa francesa porque seu contrato com o PSG está nos últimos dias. Depois de oito anos no clube, sua passagem pelo time parisiense pode estar chegando ao fim.

Existe a chance dele renovar com o PSG, já que o zagueiro não descarta uma renovação. Mas a possibilidade de voltar ao futebol brasileiro, reacendeu a esperança dos tricolores. 

O Fluminense tem seus trunfos na manga. O presidente Mario Bittencourt conhece bem o jogador e tem o contato dele, já que os dois se davam muito bem na época em que o dirigente era advogado do clube. Além disso, Marcão é amigo pessoal de Thiago e pode usar sua influência para convencê-lo a voltar.

O problema é a falta de grana. O clube até faria um grande esforço para aumentar o teto de salário do elenco e ele teria a promessa que não passaria pelo problema de atrasos de salário. Mas é muito difícil o Fluminense cobrir o que ele ganha na Europa, até pelo problema de câmbio. O próprio Thiago já foi informado de que ele não ganharia a mesma coisa no Fluminense.

Nesse aspecto, crescem as chances de outros clubes europeus entrarem na briga pra ter o zagueiro. Quem já se mostrou interessado é o Milan da Itália. Vários jornais italianos publicaram que ele é um antigo desejo do clube.

Além da parte financeira, outra questão que pode pesar para Thiago Silva permanecer no velho continente é a vontade de jogar a Copa de 2022. Apesar dos seus 35 anos de idade, ele sabe que dois anos até a convocação final não é tanto tempo assim.

Apesar da fama que ele ganhou de chorão, o zagueiro sabe que Tite é fã do seu futebol e pode querer contar com a experiência e a liderança dele no Catar.

Por isso mesmo, o jogador sabe que as chances dele aumentam muito se estiver atuando por um time de ponta do futebol europeu.

Diante desses fatos, eu não queria aqui desanimar a torcida tricolor, mas acho que não será dessa vez que o "monstro" vai voltar às origens.

Quem sabe depois da Copa de 2022, já com seus 37 anos e realmente no fim da carreira?

Até a próxima.