Cosme Rímoli Daniel Alves precisa seguir jogando em 2021. No Brasil, só Atlético e Flamengo são opções reais

Daniel Alves precisa seguir jogando em 2021. No Brasil, só Atlético e Flamengo são opções reais

Daniel Alves não tem por acaso só seis partidas no Brasileiro. A direção do São Paulo e o jogador sabiam que não poderia atuar o sétimo jogo e ficar sem possibilidade de atuar por outra equipe, ainda em 2021

  • Cosme Rímoli | Do R7

Daniel Alves, livre. Como no Palmeiras, não joga, restam Fla e Atlético com dinheiro para bancá-lo

Daniel Alves, livre. Como no Palmeiras, não joga, restam Fla e Atlético com dinheiro para bancá-lo

Reprodução/Instagram

São Paulo, Brasil

Ingenuidade não cabe no futebol.

O impasse entre Daniel Alves e São Paulo se arrastava há meses e irritava os dois lados.

O jogador não abria mão de seus direitos.

Dos mais de R$ 11 milhões que tem a receber.

A diretoria queria um acordo para baixar os valores, alegando que não foi ela quem fez o acerto altíssimo, R$ 1,5 milhão a cada 30 dias.

O máximo que a cúpula, presidida por Julio Casares fazia, era pagar o salário deste ano. A dívida do inseguro ex-presidente Leco, não.

O clima ficou pesado nos dois lados.

E, depois do fechamento do mercado europeu, só havia uma situação possível.

Que facilitaria a rescisão amistosa com Daniel Alves.

Não deixá-lo completar sete partidas com a camisa do São Paulo.

Para que pudesse ir para um outro clube brasileiro.

Se ele entrasse em campo contra o Juventude, no dia 29 de agosto, seria criado um enorme obstáculo. Ficaria vetada sua transferência. E o São Paulo seguiria ainda relutando em pagar os mais de R$ 11 milhões. 

A busca por uma vaga na Copa do Mundo de 2022 ficaria muito mais difícil, com três meses sem jogar futebol.

Daí, a direção resolver pela folga do atleta, logo após a eliminação da Libertadores, pelo Palmeiras.

O jogador percebeu a estratégia.

E aceitou.

Não é por acaso que Daniel Alves tem seis jogos no Campeonato Nacional.

E está livre para atuar em qualquer clube deste país.

Mas para pagar seu salário milionário, em dia, só há três equipes.

Flamengo, Atlético Mineiro e Palmeiras.

Para o clube paulista, rival do São Paulo, seria muito difícil ele jogar.

Nas redes sociais, os atleticanos estão mais empolgados.

As diretorias dos três clubes silenciam.

O problema é que o lateral já atuou na Libertadores e Copa do Brasil.

No Exterior, Arábia Saudita e Catar ainda têm janelas abertas.

Mas pessoas ligadas ao jogador garantem.

Ele não quer e não vai ficar parado até o fim de 2021...

Messi chora ao comemorar título da Copa América com torcida

Últimas