McGregor é preso após ser acusado de agressão sexual na França

Irlandês, um dos grandes astros do UFC, aparentava estar bêbado em um bar e cometeu atos de exibicionismo e tentativa de abuso. Ele já foi liberado

McGregor aparentava estar bêbado na hora em que foi detido

McGregor aparentava estar bêbado na hora em que foi detido

Reprodução/Instagram

O irlandês Conor McGregor, astro do UFC, foi detido na ilha da Córsega, na França, acusado de agressão sexual, segundo confirmou neste sábado o Ministério Público de Bastia, em comunicado.

"Após o recebimento de uma queixa apresentada em 10 de setembro, alegando atos que poderiam ser qualificados como tentativa de agressão sexual e exibicionismo, o sr. Conor Anthony Mac Gregor foi interrogado pela polícia em regime de detenção", indicou o órgão.

De acordo com o jornal francês "Le Parisien", os fatos que geraram a acusação na madrugada da última segunda-feira, quando o irlandês, que passava férias na cidade de Balagne, no departamento de Alta Córsega, estava em um bar, em estado de embriaguez.

LEIA MAIS: COI lamenta execução de lutador no Irã

Não foram divulgados detalhes sobre o que consta exatamente na denúncia contra o lutador.

Segundo o "Le Parisien", McGregor já foi colocado em liberdade durante a tarde deste sábado (hora local), embora vá seguir sendo investigado pela polícia local.

Através de suas redes sociais, o atleta ainda não se manifestou sobre o caso, mas, segundo o TMZ, ele negou as acusações.

Até boate? Mansão de R$ 28 mi virou o 'parque de diversões' de Neymar