Lance Nome que esteve no Sport em 2021, Betinho acerta com a Chapecoense

Nome que esteve no Sport em 2021, Betinho acerta com a Chapecoense

Restam os trâmites burocráticos relacionados a exames médicos e assinatura contratual para a oficialização do reforço

Lance
Lance

Lance

Lance

De acordo com informação publicada pelo 'Portal Roma News', o meio-campista Betinho está próximo de ser oficializado como reforço da Chapecoense para a temporada.

>Receba as principais notícias com o novo canal do LANCE! no Telegram

A chegada do atleta de 29 anos de idade se dá quase que em caráter "surpresa" já que, nos últimos dias, o atleta que é formado no Remo esteve em conversas avançadas (com direito a uma viagem para a cidade de Belém agendada) onde assinaria contrato com o Paysandu.

Porém, como indicou o veículo em questão, a Chape fez uma abordagem ao staff do atleta que preferiu optar por uma equipe que disputará, no segundo semestre, a Série B do Campeonato Brasileiro.

Betinho teve como sua última equipe o Sport, onde atuou nas temporadas 2020 e 2021 por 44 oportunidades, não tendo maior continuidade, em muito, por conta do afastamento compulsório para tratar de um problema cardíaco.

Portador da síndrome de Wolff-Parkinson-White, ele foi submetido a um procedimento cirúrgico de correção em outubro de 2021 onde uma via elétrica extra causava batimentos cardíacos acelerados. A síndrome em questão, na época da cirurgia, foi detalhada pelo responsável médico, Alberto Nicodemos, como algo que não deve atrapalhar a sequência da carreira (ou mesmo da vida) do jogador.

- A síndrome acontece muito em pessoas do sexo masculino e costuma aparecer no adulto jovem. É um fio elétrico a mais que causa a taquicardia, que é o coração acelerado. Só em 20% das pessoas que tem isso aparecem sintomas. Essa taquicardia pode aparecer em qualquer época da vida. Porque só apareceu agora, a ciência ainda não sabe explicar. O bom é que é um dos poucos que cura. Hipertensão nunca deixa de tomar remédio, diabetes também. O procedimento é pouco invasivo, porque não abre o tórax. Faz através de um cateter pela veia da perna. Ele vai até o coração, localiza o fio elétrico e queima. Ele está curado - disse o profissional em palavras ao 'ge'.

Últimas