Futebol 'Não é terra arrasada', diz Diniz após novo tropeço do São Paulo

'Não é terra arrasada', diz Diniz após novo tropeço do São Paulo

Técnico viu Tricolor com mais chances de conseguir a vitória contra o Athletico-PR. Antes, time perdeu de Bragantino e Santos

Lance
Fernando Diniz acredita que seu time mostrou evolução na segunda etapa

Fernando Diniz acredita que seu time mostrou evolução na segunda etapa

Lance

Embora não tenha comemorado o empate em 1 a 1 contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba, neste domingo (17), pela 30ª rodada do Brasileirão, o técnico do São Paulo, Fernando Diniz, avaliou positivamente o desempenho do seu time, no qual enxerga evolução.

Com o resultado obtido, o Tricolor chegou ao seu terceiro jogo seguido sem vencer e, mesmo que siga líder do Brasileirão, agora com 57 pontos, vê Internacional e Atlético-MG se aproximando.

"Não é questão de comemorar, tem que comemorar a vitória. O Athletico vive o melhor momento na competição, jogar aqui, por conta das várias condições, a dificuldade do gramado, o time bem treinado, acostumado a jogar aqui... o Athletico, dos últimos cinco jogos, foi tomar gol hoje, tentou de tudo para garantir a vitória. Soubemos empatar e buscamos a vitória até o último minuto. Time mostrou evolução do que vinha fazendo. É seguir evoluindo para dar alegria ao torcedor", disse Diniz em coletiva virtual após a partida.

Ainda que tenha visto o time bem contra o Furacão, o técnico acredita que o São Paulo foi melhor nos 45 minutos finais: "O rendimento do time no segundo tempo melhorou. No primeiro tempo, jogamos abaixo, mas o jogo estava muito travado, tanto para nós, quanto para o Athletico. Time difícil de jogar aqui, tivemos a bola, mas eles tiveram duas linhas de quatro próximas dificultando o jogo", pontuou o treinador.

"Segundo tempo, tanto na mudança tática, quanto de peças, a gente teve uma melhora, jogamos com linhas longas, inversão de jogo, time melhorou e foi melhor que o Athletico. Segundo tempo a gente teve mais próximo de ganhar do que o Athletico", acrescentou.

Momento
Fernando Diniz admitiu que o São Paulo está longe do seu melhor momento, mas prefere avaliar o desempenho do time como um todo, além dos resultados: "Não é terra arrasada, mas a gente avalia resultado, não jogo. Se a gente for analisar o jogo contra o Fluminense, no ano passado, a gente ganhou, mas não jogou bem, contra o Sport a gente ganhou de 1 a 0, mas fomos bem, contra o Vasco, no momento de euforia, fomos mal, 0 a 0 em casa", seguiu o técnico.

"Jogamos contra um time que há cinco jogos não tomava gol, time bem treinado, no segundo tempo jogamos bem, contra o Santos jogamos bem, e a equipe ficou mais perto de ganhar", completou.

Na liderança do Brasileirão, o São Paulo tem 57 pontos e busca voltar a levantar o caneco depois de 12 anos, já que a última conquista do Nacional pelo Tricolor foi em 2008. O próximo jogo é contra o Internacional, na quarta-feira.

Alex Zanardi fala pela primeira vez desde grave acidente de bicicleta

Últimas