Médico diz que caso de Dybala é normal e namorada nega infecção

Médico de hospital de Turim afirma que tempo de recuperação varia de uma pessoa para outra, mas Oriana Sabatini conta que não foi feito novo exame

 
Dybala está em isolamento com namorada

Dybala está em isolamento com namorada

Reprodução Instagram

A namorada de Paulo Dybala, da Juventus, negou a informação de que o quarto teste do jogador tenha dado positivo. Em entrevista ao “Canal 9”, da Argentina, Oriana Sabatini disse que o resultado do último exame ainda não saiu. 

- Não é verdade que Paulo está positivo de novo, ele só precisa esperar. Ele precisa fazer os últimos testes e ver qual é a resposta. Não sabemos de onde vieram as notícias que ele ainda está infectado.

Leia mais:
Rakitic sobre volta: 'Eu quero jogar. Também quero assumir esse risco'
Ministro do Esporte da Itália diz que campeonato pode ser cancelado
Jogadores da Premier League vão usar máscara quando voltar futebol

Oriana também ficou com a covid-19 e já está recuperada. Mas não é raro o caso do atacante ainda estar doente. O tempo de recuperação do novo coronavírus varia de pessoa para pessoa, como explica Giovanni Di Perri, chefe de Doenças Infecciosas do hospital Amedeo di Savoia de Turim, ao site de notícias italiano “Tuttosport”.

- É normal. O intervalo de tempo para cura varia de oito a 37 dias, com uma média de 20. Mas também há pacientes que esperam dois meses para testar negativo. Dybala, portanto, não é um caso estranho, acontece mais do que se pensa. Cerca de 20% das pessoas infectadas estão bem, mas ainda são positivas e, as vezes, não podemos dispensá-las dos hospitais porque elas não têm condições de fazer quarentena em casa.

O atacante foi confirmado com a covid-19 no dia 21 de março e, embora tenha tido sintomas, como os problemas respiratórios, atualmente o camisa 10 se sente bem e já treina dentro de casa com normalidade.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook.

Quais personagens dos Vingadores seriam os grandes craques da bola?