Diego Cerri recusa convite para ser diretor de futebol do Palmeiras

Dirigente era o favorito para a vaga deixada por Alexandre Mattos, mas afirmou ter compromissos com Bahia e informou a Verdão que continuará no clube de Salvador

Dirigente era o favorito para a vaga deixada por Alexandre Mattos, mas afirmou ter compromissos com Bahia e informou a Verdão que continuará no clube de Salvador

Lance

Lance

Lance

Diego Cerri não será o diretor de futebol do Palmeiras. O dirigente era o favorito para a posição vaga desde a demissão de Alexandre Mattos, na semana passada, mas informou ao Verdão que continuará no Bahia.

A recusa tornou-se pública na noite desta terça-feira. O Palmeiras tinha a expectativa de anunciá-lo nesta semana, mas Cerri alegou ter compromissos firmados com o clube de Salvador e, mesmo agradecendo o interesse alviverde, afirmou que segue na equipe nordestina.