Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Jorginho destaca torcida por resultados, mas garante acesso do Vasco

Técnico lamentou a derrota em casa para o Sampaio Corrêa, que adiou o sonho do retorno à Série A

Futebol|Do Live Futebol BR

Vasco perdeu em casa para o Sampaio Corrêa e precisa torcer por resultados
Vasco perdeu em casa para o Sampaio Corrêa e precisa torcer por resultados Vasco perdeu em casa para o Sampaio Corrêa e precisa torcer por resultados

O Vasco foi derrotado pelo Sampaio Corrêa pelo placar de 3 a 2 dentro de São Januário em partida válida pela 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e agora precisa torcer por uma combinação de resultados nesta sexta-feira para poder garantir seu retorno à Série A.

Em entrevista coletiva concedida após o duelo, o técnico Jorginho lamentou o resultado e destacou a torcida por um cenário positivo nos duelos que interessam. Uma vitória na Colina Histórica colocaria o Cruzmaltino na elite do futebol nacional.

"Sabemos que vamos aguardar até amanhã, mas já temos que estar começando a preparar a mente e o coração para uma decisão. Claro que vamos estar amanhã torcendo para que as coisas aconteçam bem lá em Londrina. Como profissional precisamos estar preparados para isso", disse Jorginho.

Leia também

Caso o Ituano vença o Londrina no Estádio do Café, a última rodada será decisiva para o Vasco, que visita o Galo de Itu no Estádio Novelli Júnior. O comandante cruzmaltino já imaginou um cenário em que sua equipe precise alcançar o objetivo fora de casa.

Publicidade

"Se por acaso acontecer uma vitória do Ituano amanhã a gente vai para trazer o acesso no campo deles. Sabemos que vai ser muto difícil, vai ser uma batalha literalmente. Mas acredito muito no elenco. Ao mesmo tempo que a gente perdeu o primeiro jogo em casa no ano, a gente não tinha uma virada há mais de 400 dias, viramos um fora de casa e um fora. Esse é o futebol, a gente tem que acreditar sempre, colocar a coisa para cima. A gente sente muito a derrota, mas ela nos ensina."

O contexto da derrota deixou o elenco do Vasco abatido. Após empatar aos 51 minutos, com gol de Andrey Santos, a zaga não conseguiu parar o zagueiro Joécio, do Sampaio, que subiu para fechar o marcador em 3 a 2 aos 55 minutos. Atletas deixaram o gramado imediatamente e sequer falaram com jornalistas.

Publicidade

"Não é questão de abalar confiança, é a realidade. Se não sentir uma dor dessa, ainda mais da forma como aconteceu. Por exemplo, nós tomarmos o terceiro gol com uma superioridade numérica pelo lado, deveria ter diminuído o espaço, teriam que ter saído três jogadores e não dois, para dificultar justamente uma bola na área, é uma coisa que dói muito. Mas a gente entende que não adianta ficar cabisbaixo, o que nos resta, situações que já passei na minha vida, é acreditar. Esse grupo tem demonstrado isso, que consegue se superar, e nós vamos superar essa situação."

"Faz o M!": Botafogo renova contrato com a joia Matheus Nascimento

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.