Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Fábio Santos diz que jogo desta quarta é o 'mais importante no ano'

Em casa, Corinthians precisa reverter derrota de 2 a 0 contra o Atlético-GO para chegar à semifinal da Copa do Brasil

Futebol|Do Live Futebol BR

Eliminado nas quartas de final da Libertadores pelo Flamengo e mais distante do líder Palmeiras após a derrota em casa para o rival no Brasileirão, o Corinthians precisa reverter a boa vantagem do Atlético-GO para seguir até a semifinal da Copa do Brasil.

Na noite desta quarta-feira (17), o Timão tem que vencer o jogo de volta das quartas por três gols de diferença para avançar no tempo normal. Uma vitória por dois gols leva a decisão para os pênaltis, sendo que o Dragão avança com empate ou até mesmo com uma derrota por um gol de diferença.

Fábio Santos em treino do Timão
Fábio Santos em treino do Timão Fábio Santos em treino do Timão

“A gente não vê a hora de entrar em campo para tentar a virada. É chover no molhado pedir o apoio do torcedor, mas a gente vai tentar deixar tudo dentro de campo para buscar essa classificação que a gente sabe que é a coisa mais importante que a gente tem no ano”, destacou o lateral Fábio Santos à Corinthians TV.

O experiente jogador admitiu que a eliminação na Libertadores e a derrota para o Palmeiras foram sentidas pelo grupo, mas reforçou que agora o foco é buscar a virada contra o Atlético-GO.

Publicidade

“É natural, quando você perde jogos, jogos importantes, classificação, clássico, que a gente fique chateado, mas no futebol, infelizmente ou felizmente você não tem muito tempo para reclamar ou comemorar e a gente já tem uma batalha pela frente. Então é focar 100% das energias no Atlético-GO, porque a gente vai tentar, de qualquer maneira, buscar essa classificação”, disse o camisa 26.

Corinthians e Atlético-GO se enfrentam nesta quarta-feira (17) a partir das 21h30. Quem passar enfrentará na semifinal o vencedor de Fortaleza X Fluminense, que jogam mais cedo, às 20h, no Maracanã – no jogo de ida o Fluzão venceu por 1 a 0 fora de casa.

Brasileirão chega a 14 técnicos demitidos em 22 rodadas

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.