Futebol Esfacelado, Palmeiras perde para o Goiás com gol nos acréscimos

Esfacelado, Palmeiras perde para o Goiás com gol nos acréscimos

Alviverde perde Luiz Adriano (lesionado) e Mayke (expulso), mas segurou empate até os 47, mas foi derrotado neste sábado (21) pelo Brasileirão

  • Futebol | Do R7

Meia Marcelinho, de 17 anos, ganha chance no Palmeiras neste sábado (21)

Meia Marcelinho, de 17 anos, ganha chance no Palmeiras neste sábado (21)

HEBER GOMES/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO - 21.11.2020

Esfacelado pelos desfalques em função dos casos de contaminação pelo novo coronavírus no elenco, somado à expulsão de Mayke e à lesão de Luiz Adriano ainda no primeiro tempo, o Palmeiras foi castigado com uma derrota por 1 a 0 após sofrer o gol nos acréscimos do segundo tempo contra o Goiás, neste sábado (21), no estádio da Serrinha, em Goiânia, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time alviverde paulista se manteve com 34 pontos ocupa provisoriamente a sexta posição na tabela, mas pode ser ultrapassado na rodada por Grêmio e Fluminense, que ainda jogam no domingo. Por outro lado, o Goiás permanece na lanterna do Brasileirão, agora com 15 pontos.

Leia também: Fla vence Coritiba por 3 a 1 e 'dorme' na liderança do Brasileirão

O Palmeiras teve um bom início e tentou pressionar o time da casa nos minutos iniciais e teve duas boas chances com o atacante Luiz Adriano. Depois, o jogo ficou um pouco truncado.

Mas, aos 19 minutos, o jovem meia-atacante Marcelinho, de 17 anos, que entrou na equipe em razão dos muitos desfalques, invadiu a área pela esquerda e chutou forte. A bola passou bem perto da trave direita do goleiro Tadeu, que apenas acompanhou e a bola saiu pela linha de fundo.

Já aos 22 minutos, Luiz Adriano sentiu a coxa esquerda durante uma corrida. Pouco depois, ele caiu em campo e foi substituído pelo atacante Fabrício — que fez a sua estreia no time profissional do Palmeiras.

Leia também: Athletico-PR bate reservas do Santos e obtém 3ª vitória consecutiva

O time paulista ainda sofreria mais uma perda no primeiro tempo. Aos 37 minutos, o lateral Mayke fez uma falta violenta e foi advertido com o cartão amarelo. No entanto, o árbitro Bruno Arleu de Araujo foi acionado pelo VAR para rever o lance. Após analisar a jogada, ele decidiu retirar o amarelo e expulsar o palmeirense.

Após a saída do lateral, o Goiás tentou pressionar o Palmeiras em busca do gol e criou duas boas chances. Em uma delas, o goleiro Weverton fez uma grande defesa após chute de Keko e evitou a abertura do placar no estádio da Serrinha, em Goiânia. Porém, o lance havia sido anulado por uma marcação de impedimento do ataque.

Diante de todos os problemas e com um homem a menos em campo, o técnico português Abel Ferreira decidiu fazer algumas substituições para reposicionar a equipe em campo.

Lucas Lima e o garoto Marcelinho deixaram o gramado para as entradas de Lucas Esteves e Gabriel Menino, respectivamente, este último liberado durante a semana após se recuperar da covid-19.

No segundo tempo, a partida ficou ainda mais tensa e com muitas faltas. O técnico do Goiás também promoveu algumas trocas na equipe para tentar uma vitória que diminuiria a diferença deixar a última posição da tabela.

Aos 14 minutos, o atacante Fernandão recebeu cruzamento na área e tentou vencer Weverton de cabeça, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Confira a página do R7 Esportes no Facebook

Dez minutos depois, o Palmeiras teve uma boa oportunidade de abrir o placar em uma falta frontal que foi bem batida pelo volante Patrick de Paula. A bola passou perto da trave superior do goleiro Tadeu.

Em seguida, o Goiás errou uma saída de bola e o time paulista contra-atacou, mas Ramires chutou fraco da entrada da área e Tadeu conseguiu fazer a defesa em dois tempos. Organizado na defesa, o Palmeiras passou a arriscar um pouco mais no ataque.

E o time palmeirense teve a melhor chance do jogo em outra cobrança de falta de Patrick de Paula, aos 35 minutos. Desta vez, o goleiro Tadeu espalmou para evitar o gol e teve que correr para evitar o escanteiro.

Nos minutos finais, o Palmeiras procurou valorizar a posse de bola e trocar passes para garantir um ponto importantíssimo devido aos vários desfalques que sofreu. Porém, aos 47 minutos, o volante Miguel Ferreira arriscou de longe e acertou o ângulo de Weverton com um lindo chute: 1 a 0.

Próximos jogos

O Palmeiras estreia nas oitavas de final da Copa Libertadores em jogo contra o Delfín-EQU, na quarta-feira (25), em Manta. Já o Goiás voltará a campo novamente pelo Brasileirão na quinta-feira (26), às 20h, contra o Fortaleza, no Castelão.

Real e Bayer empatam e City perde no Inglês; veja a rodada na Europa:

Últimas