Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Com taça e despedida de Scarpa, Palmeiras vence América-MG de virada

Jogo pela 37ª rodada do Brasileirão foi o último do Verdão em 2022 atuando no Allianz Parque; Alviverde lidera com 81 pontos

Futebol|Do Live Futebol BR

O Palmeiras já está com o 11º título do Campeonato Brasileiro garantido desde o último jogo. A equipe paulista enfrentou o América-MG na noite desta quarta-feira (9), no Allianz Parque, em jogo válido 37ª rodada do torneio e, de virada, venceu por 2 a 1.

Gustavo Scarpa, de pênalti, e Murilo, na etapa final marcaram para o Palmeiras. Benítez havia aberto placar para os mineiros.

Com o triunfo diante do rival, o Alviverde chegou a 81 pontos na competição - recorde da instituição nos pontos corridos, além de chegar a 22 partidas de invencibilidade no torneio.

GUSTAVO SCARPA, COMEMORAÇÃO GOL, PALMEIRAS E AMÉRIC-MG, BRASILEIRÃO 200
GUSTAVO SCARPA, COMEMORAÇÃO GOL, PALMEIRAS E AMÉRIC-MG, BRASILEIRÃO 200 GUSTAVO SCARPA, COMEMORAÇÃO GOL, PALMEIRAS E AMÉRIC-MG, BRASILEIRÃO 200

Fim da temporada

Publicidade

Palmeiras e América-MG vão para a última rodada do Brasileirão com objetivos diferentes ao fim da temporada. Enquanto o Verdão vai fechar o nacional fora de casa, diante do Internacional, às 16h, no Beira-Rio, no próximo domingo (13), tentando ser o único campeão invicto como visitante nos pontos corridos, o Coelho receberá o Atlético-GO, no estádio Independência, no mesmo dia e horário, buscando sacramentar sua vaga para a Libertadores de 2023.

Brasileirão imponente com taça para o Verdão

Publicidade

A equipe palmeirense recebeu um Coelho muito empenhado em atrapalhar o jogo da entrega da taça para o Verdão. Tanto que, depois de assustar com um chute de fora da área, Benítez abriu o placar aos 14 minutos da primeira etapa em uma bela cobrança de falta contra o convocado da seleção brasileira, Weverton, que nada pôde fazer. Depois disso, o Palmeiras foi para cima, mas encontrou dificuldades em superar o goleiro adversário.

Porém, antes do intervalo, aos 40 minutos, Sávio Sampaio, árbitro de campo, marcou uma falta em Marcos Rocha. Posteriormente, o VAR (árbitro de vídeo) comunicou que tinha sido dentro da área. O pênalti foi cobrado e convertido por Gustavo Scarpa, que estava se despedindo da torcida no Allianz, já que está de malas prontas para a Inglaterra.

Publicidade

A etapa final seguiu com o Alviverde melhor e dominando as ações ofensivas. Em uma falta da entrada da área, Scarpa acertou a trave do rival. Zé Rafael também quase marcou, mas Matheus Cavichioli espalmou a bola no travessão.

A trinca do Palmeiras acertando o poste do América-MG aconteceu com Rony. Após o cruzamento do camisa 14 palmeirense, o atacante, que é o artilheiro da equipe na temporada, com 23 gols, desviou de cabeça, mas parou na trave.

De tanto tentar, o Verdão conseguiu transformar a pressão em gol. Aos 35 minutos, Gabriel Menino, que substituiu Zé Rafael, puxou para a esquerda e cruzou na cabeça do zagueiro Murilo. O defensor marcou seu 11º gol na temporada, igualando recorde de Gustavo Gómez em um mesmo ano. Dessa forma, o time chegou aos 81 pontos na liderança e já campeão do nacional.

FICHA TÉCNICA

Palmeiras 2 x 1 América-MG

Local: Allianz Parque, São Paulo

Data e hora: quarta-feira (9), às 21h30

Público e Renda: 28.721 / R$ 2.025.716,76

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)

Auxiliares: Leila Naiara Moreira da Cruz (DF) e Daniel Henrique da Silva Andrade (DF)

Quarto árbitro: Pietro Dimitrof Stefanelli (SP)

VAR: Wagner Reway (PB)

Cartões amarelos: Benítez, aos 40' 1º/T, Juninho, aos 41' 1º/T (América-MG); Marcos Rocha, aos 3' 2º/T, Zé Rafael, aos 22' 2º/T, Mayke, aos 38' 2º/T e Gustavo Gómez, aos 46' 2º/T (Palmeiras)

Gols: Benítez, aos 14' 1º/T (América-MG); Gustavo Scarpa, de pênalti, aos 42' 1º/T, Murilo, aos 35' 2º/T (Palmeiras)

PALMEIRAS: Weverton; Gustavo Gómez, Murilo e Vanderlan; Marcos Rocha (Mayke), Danilo, Zé Rafael (Gabriel Menino) e Gustavo Scarpa (Atuesta); Dudu (Breno Lopes), Endrick (Bruno Tabata) e Rony. Técnico: Abel Ferreira.

AMÉRICA-MG: Cavichioli; Raúl Cáceres (Patric), Conti, Éder e Marlon (Danilo Avelar); Alê, Juninho e Benítez (Wellington Paulista); Felipe Azevedo (Matheusinho), Everaldo e Henrique Almeida (Mastriani). Técnico: Vagner Mancini.

Palmeiras campeão brasileiro; confira os principais destaques do título

" gallery_id="6359e98019d224dfe40002bc" url_iframe_gallery="esportes.r7.com/futebol/com-taca-e-despedida-de-scarpa-palmeiras-vence-america-mg-de-virada-09112022"]

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.