Campeonato Paulista Goleiro do Água Santa projeta volta difícil contra o Palmeiras e se derrete por Mezenga: 'Rei do gol'

Goleiro do Água Santa projeta volta difícil contra o Palmeiras e se derrete por Mezenga: 'Rei do gol'

Ygor Vinhas foi destaque do Netuno no primeiro jogo da final, vencida pelo Netuno por 2 a 1

Resumindo a Notícia

  • Ygor Vinhas fez grandes defesas e foi destaque do Água Santa no jogo da ida da final
  • 'Nós somos merecedores de tudo que estamos vivendo', disse o goleiro após a vitória
  • Água Santa surpreende e vence o Palmeiras por 2 a 1 na Arena Barueri
  • Jogo da volta acontece no próximo domingo (9), no Allianz Parque
Ygor Vinhas comemora o primeiro gol marcado pelo Água Santa na final contra o Palmeiras

Ygor Vinhas comemora o primeiro gol marcado pelo Água Santa na final contra o Palmeiras

Edu Garcia/R7 - 02.04.2023

Assim como já vinha sendo nos jogos anteriores de mata-mata, o goleiro Ygor Vinhas foi um dos grandes destaques do Água Santa no primeiro jogo da final do campeonato paulista neste domingo (2), contra o Palmeiras.

Após a vitória no jogo da ida, por 2 a 1, que dá ao clube de Diadema a vantagem de apenas empatar na volta para se sagrar campeão, o goleiro admitiu que a "ficha ainda está caindo" em relação à campanha do Água no estadual.

"Nós somos merecedores de tudo que estamos vivendo porque desde que começamos a preparação confiamos no projeto apresentado, à gente se dedicou ao máximo, nos preparamos muito bem psicologicamente, técnico e taticamente e hoje estamos colhendo tudo o que plantamos", declarou.

Na partida, o jogador do Netuno fez um total de sete defesas. A principal, ainda no primeiro tempo, em chute de fora da área de Breno Lopes, em que ele, com muita envergadura, conseguiu tirar a bola, que tinha o gol como endereço.

"Foi uma boa defesa. Imaginei que ele fosse chapar a bola, mas ele virou o pé e bateu à meia altura. A bola ainda quicou no chão e consegui alcançar e espalmar".

O artilheiro Bruno Mezenga também foi pauta da entrevista de Ygor, que teceu muitos elogios ao atacante, que marcou os dois gols do time e ainda revelou o apelido carinhoso dado ao camisa nove dos Aquáticos.

"O Bruno representa muita coisa, e hoje mostrou isso mais uma vez, a gente brinca e chama ele de 'Rei do gol', mas é um cara que merece tudo que está vivendo e viveu na carreira, não é atoa que está vivendo este grande momento pelo profissional que ele é, e está nos ajudando muito", disse.

Apesar da natural empolgação com o resultado, o goleiro ressaltou que o jogo da volta, no Allianz Parque, "será muito difícil", mas que o grupo vai usar a semana para descansar e continuar a preparação. A decisão do estadual acontece no próximo domingo, no dia 9 de abril.

"O objetivo inicial, não só meu como de toda a equipe, era terminar a competição da melhor forma possível, de preferência com o título. Mas tudo foi acontecendo de forma natural e, o que é importante, é que estávamos preparados", completa o confiante jogador.

Água Santa vence por 2 a 1 contra o Palmeiras na primeira final do Paulistão 2023; veja fotos

Últimas