Campeonato Carioca Organizada do Botafogo protesta contra arbitragem da semifinal

Organizada do Botafogo protesta contra arbitragem da semifinal

Alvinegro irá enfrentar o Fluminense na próxima segunda-feira (21) pela partida de ida do mata-mata do Cariocão

Torcedores repudiaram escala de arbitragem para a semifinal do Cariocão

Torcedores repudiaram escala de arbitragem para a semifinal do Cariocão

Vitor Silva/Botafogo

Definida a escala de arbitragem da semifinal do Cariocão 2022, Grazziani Maciel será o responsável por apitar a partida entre Botafogo e Fluminense, na próxima segunda-feira (21). O árbitro comandou a partida do Glorioso contra o Flamengo e não assinalou um suposto pênalti a favor do Alvinegro, o que causou revolta por parte dos torcedores quando sua presença foi divulgada no Clássico Vovô.

Uma das organizadas mais tradicionais, a Torcida Jovem do Botafogo se posicionou contra a participação de Grazziani Maciel Rocha na primeira partida da semifinal. Classificando o árbitro como "assoprador de apito" e "despreparado", a uniformizada relembrou, em nota, as polêmicas recentes envolvendo o profissional.

No clássico contra o Flamengo, no fim de fevereiro, Grazziani não marcou um suposto pênalti para o Botafogo após toque de mão em Pedro e também gerou revolta ao não expulsar o zagueiro Fabrício Bruno, que deu entrava violenta em Chay. Na ocasião, o Glorioso perdeu por 3 a 1 e o árbitro registrou em súmula objetos que foram arremessados em sua direção.

Isso, inclusive, foi um dos pontos abordados pela torcida organizada do clube. A "TJB" foi punida - assim como outras - por 90 dias devido aos objetos arremessados no gramado. Os botafoguenses da uniformizada ainda questionaram a Federação do Rio de Janeiro sobre o motivo e não terem advertido Grazziani pelos supostos erros no clássico.

Melhor jogador de todos os tempos voltará aos gramados da NFL; veja sete destaques esportivos
 

Últimas