Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Marcos Braz deixa o shopping escoltado pela polícia após briga com torcedor; assista ao vídeo

Centenas de torcedores e curiosos acompanharam a saída do dirigente rubro-negro, que se envolveu em confusão

Fora de Jogo|Do R7


Marcos Braz também é vereador no
Rio de Janeiro
Marcos Braz também é vereador no Rio de Janeiro

Após ter se envolvido em uma briga com um torcedor em um shopping na zona sul do Rio de Janeiro, o vice-presidente do Flamengo Marcos Braz teve que deixar o local escoltado por policiais militares.

Centenas de pessoas acompanharam a cena nos corredores, e torcedores hostilizaram o dirigente.

Após ter ficado quase uma hora em uma loja, sob portas fechadas, com medo de sofrer agressões, Braz deixou o local diretamente para uma delegacia.

O caso

Publicidade

O dirigente rubro-negro se envolveu em uma briga corporal com um torcedor flamenguista que o reconheceu no shopping, na tarde desta terça-feira (19).

Segundo informações do Lance!, após ter sido agredido verbalmente por um torcedor, que pelos vídeos alega pertencer a uma torcida organizada, Braz esperou o flamenguista dar as costas para, junto com seus seguranças, agredir o rapaz. 

Publicidade

Em um vídeo publicado pelo jornalista Venê Casagrande, o dirigente rubro-negro deixa o local depois da confusão, mas retorna para dentro da loja após a escalada dos fatos.

Ainda segundo o torcedor agredido, Marcos Braz o teria mordido na perna durante a confusão.

Publicidade

O Flamengo não se pronunciou oficialmente sobre o caso.

Cinco finais perdidas, brigas e clima tenso: entenda a crise do Flamengo em sete atos

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.