Cosme Rímoli 'Vou te dar tapas na cara, vagabundo.' Cuca pode ser suspenso por 120 dias

'Vou te dar tapas na cara, vagabundo.' Cuca pode ser suspenso por 120 dias

O técnico do Atlético ameaça e ofende Leandro Vuaden, depois da derrota para o Ceará. Tudo foi gravado e relatado na súmula do árbitro. Suspensão poderá ser muito pesada

  • Cosme Rímoli | Do R7

Cuca xingou, ameaçou Vuaden. E corre o risco de ficar quatro meses suspenso

Cuca xingou, ameaçou Vuaden. E corre o risco de ficar quatro meses suspenso

Reprodução/Premiere

São Paulo, Brasil

"Você me dá azar na vida."

"Ainda bem que vou largar para não precisar conviver com pessoas como você."

"Tenho nojo."

"Você é um gaveteiro, sem vergonha"

"Se eu cruzar com você na rua te dou umas tapas na cara."

"Vagabundo, vagabundo."

"Vai ter CPI hoje, porque você me pediu voto para a sua esposa".

Completamente descontrolado, Cuca ofendeu, ameaçou o árbitro Leandro Vuaden, ontem à noite. O juiz não só relatou suas palavras, após ter expulsado o técnico, depois da derrota do Atlético Mineiro para o Ceará, em Fortaleza, por 2 a 1.

Vuaden foi claro. Afirmou que o treinador precisou ser contido fisicamente por membros da comissão técnica do Atlético e jogadores do próprio Ceará.

Cuca tem 37 anos de futebol. Sabe que corre o risco de uma grande punição pela atitude relatada na súmula, por Vuaden. 

O técnico pode ser denunciado pelo artigo 243-C, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, (ameaçar alguém, por palavra, escrito, gestos ou por qualquer outro meio, a causar-lhe mal injusto ou grave), com pena de multa de R$ 100 a R$ 100 mil, e suspensão de 30 a 120 dias.

E também pelo artigo 243-F (ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto), com a mesma multa, e suspensão de uma a seis partidas.

A súmula de Vuaden não deixa dúvidas

A súmula de Vuaden não deixa dúvidas

Reprodução

O treinador deu seu ponto de vista sobre o que aconteceu ontem no Castelão.

"A arbitragem hoje foi muito desfavorável a nós, muito desfavorável. O Vuaden foi muito mal. No primeiro tempo, tive que acalmar os jogadores. Foram cinco minutos, os jogadores reclamando: 'Ele não dá falta em mim, está ameaçando'."

"E eu: 'Calma, calma'. Para depois falar da parte tática e técnica. E no final, quando eu fui falar com ele algumas coisas, da falta de critério no jogo, ele me expulsou."

"E depois a gente perde a cabeça. Quando você é expulso, da maneira como ele me expulsou, de uma maneira indevida, você acaba xingando, falando coisa até que não devia. Mas, pelo menos, eu pus para fora."

A diretoria do Atlético Mineiro está preocupada.

As ameaças e as ofensas de Cuca a Vuaden foram gravadas.

O treinador poderá ser punido severamente.

Situação que seria péssima para o elenco de R$ 140 milhões...

CR7 fica de fora da lista dos atacantes mais caros da Eurocopa

Últimas