Cosme Rímoli Santos usa os garotos. Supera a Covid e o ex-líder Inter

Santos usa os garotos. Supera a Covid e o ex-líder Inter

Totalmente desfalcado por conta da pandemia, o Santos não queria nem jogar contra o Inter. Mas colocou seus meninos. E derrubou o primeiro do Brasileiro

  • Cosme Rímoli | Do R7

Os garotos santistas celebram. Vitória da superação contra o líder do Brasileiro

Os garotos santistas celebram. Vitória da superação contra o líder do Brasileiro

Santos

São Paulo, Brasil

João Paulo, Lucas Veríssimo, Madson, Diego Pituca, Jobson, Jean Mota, Alison, Sandry, Ângelo e Alex.

Todos com Covid-19.

Assim como o treinador Cuca e seu irmão e auxiliar, Cuquinha. 

Soteldo na Seleção Venezuelana.

Mesmo com todos esses desfalques, o Santos, repleto de garotos, venceu a pandemia e também o então líder do Brasileiro.

Ganhou do Internacional, na Vila Belmiro, por 2 a 0

O que foi ótimo para o Atlético Mineiro, o Flamengo, São Paulo, equipes que perseguem o primeiro lugar.

O Santos saltou para a quarta colocação.

O time de Abel Braga segue sua decadência na competição nacional.

Já com Coudet, o time não vencia há duas rodadas.

Hoje completou três jogos estagnado.

Sua diretoria até pressionou a CBF para que não aceitasse o pedido de adiamento da partida, feito pelo Santos, por conta de seus desfalques pela Covid.

Ivonei, 18 anos, celebra o seu gol diante do Inter. Dedicou ao pai

Ivonei, 18 anos, celebra o seu gol diante do Inter. Dedicou ao pai

Santos

O Internacional de Abel Braga até que teve a iniciativa do jogo.

Tentou marcar a saída de bola santista.

Pressionou.

Mas o jovem goleiro John Victor se destacou.

Fez pelo menos três defesas excelentes.

Galhardo foi muito bem marcado. O sistema defensivo santista parou o artilheiro

Galhardo foi muito bem marcado. O sistema defensivo santista parou o artilheiro

Internacional

O clube gaúcho teve um jogador responsável pela derrota.

Rodnei.

Ele foi o ponto fraco, para os contragolpes, escolhido pelo treinador santista Márcio Fernandes.

Foi inaceitável o fato de Abel não enxergar essa preferência para o desafogo santista, e proteger o lado direito de sua zaga.

O experiente lateral fez uma falta desnecessária e violenta em Lucas Braga.

Ivonei bateu forte, a bola foi fechada e Lomba acabou enganado por seus zagueiros e os atacantes adversários.

Santos 1 a 0, aos 13 minutos do segundo tempo.

Aos 21 minutos, Rodnei foi ainda mais infeliz.

Ao tentar recuar a bola de cabeça, ele pôs pouca força.

Marinho dividiu e arrancou sozinho, ele tentou tocar na saída de Lomba, mas o goleiro conseguiu defender com os pés. A bola sobrou para Arthur Gomes, que bateu forte, o goleiro outra vez evitou o gol. Mas só que Kaio Jorge cabeceou para as redes. 2 a 0.

Partida decidida.

Derrota que atiça a briga pela liderança do Brasileiro.

Abala o Internacional.

Os jogadores sentiram demais a saída do Coudet.

O time perdeu sua forte pegada no meio-campo.

Com Abel Braga, dá espaço aos contragolpes adversários.

É preciso seu sistema de recomposição, excelente com o ex-treinador argentino, está mais do que falho.

Com a derrota e a vitória do Atlético Mineiro sobre o Corinthians, perdeu a liderança do Brasileiro.

O resultado reanima o Santos.

Com seus jovens guerreiros.

Eles mostraram.

O clube, mesmo com o foco de Covid, tem direito a sonhar...

Últimas