Cosme Rímoli Renato se vingou de Jesus, o homem que fechou as portas do Flamengo

Renato se vingou de Jesus, o homem que fechou as portas do Flamengo

O treinador do Grêmio revelou que Jorge Jesus telefonou para Everton Cebolinha. E pediu para que o atacante não jogasse o Grenal. Constrangedor

  • Cosme Rímoli | Do R7

Renato Gaúcho se vingou de Jorge Jesus. Revelou ligação para Everton Cebolinha

Renato Gaúcho se vingou de Jorge Jesus. Revelou ligação para Everton Cebolinha

Grêmio

São Paulo, Brasil

Jorge Jesus deu a desculpa perfeita.

Renato Gaúcho foi o treinador brasileiro que mais perdeu prestígio com a passagem do português pelo país.

Ele sempre foi, há anos, objeto de desejo do Flamengo.

O treinador também sonha em comandar o clube da Gávea.

Mas Jorge Jesus mudou os parâmetros.

Com a conquista da Libertadores, do Brasileiro, do Carioca, da Recopa, da Supercopa do Brasil, revolucionou o futebol do país.

Bastaram 11 meses.

Teve mais conquistas do que derrotas.

Na Gávea, Renato Gaúcho ainda tinha defensores, que o queriam no comando do clube.

Até que veio a semifinal da Libertadores.

O duelo com Jorge Jesus.

1 a 1 em Porto Alegre, com o Flamengo melhor.

E no Rio de Janeiro, no Maracanã, o massacre.

5 a 0 para o time de Jorge Jesus.

Renato jamais passou tanta vergonha como técnico.

O impacto foi tão grande, que ele passou a não ser opção, quando Jesus anunciou que iria embora do Brasil, voltaria a Portugal.

Derrota por 5 a 0 para o Flamengo fechou as portas da Gávea para Renato

Derrota por 5 a 0 para o Flamengo fechou as portas da Gávea para Renato

Reprodução Sportv

O Flamengo buscou o espanhol Domènec Torrent.

Nem pensou em Renato Gaúcho.

Muito inteligente, o treinador do Grêmio analisou o que aconteceu. 

E se conteve.

Até hoje de madrugada.

Ao comemorar mais uma vitória diante do Internacional, o Grêmio não perde Grenais há cinco anos, Renato desabafou.

Contra Jorge Jesus, que na véspera do clássico, telefonou para seu principal jogador, Everton Cebolinha.

E o convenceu a ir para o Benfica.

Usar o clube português para chegar em gigantes europeus.

Teria dito até para que não jogasse.

Não corresse o risco de se contundir.

Everton chorou ao dar entrevista ontem. Falou em tom de despedida

Everton chorou ao dar entrevista ontem. Falou em tom de despedida

Reprodução Premiere

Renato foi à forra.

"Imagina como um europeu ira tratar um brasileiro se ligasse para um jogador do Benfica às vésperas de decisão. O presidente foi feliz quando falou que por esse ato, as coisas deram uma retrocedida. Ele está certíssimo"

"O Benfica que pediu para ele não jogar. Sabia que estava às vésperas de decisão, que não estava fechado, tentou fazer a cabeça (do jogador) para não ele não jogar e nos aborreceu bastante. Sabíamos o que tinha acontecido e ficamos calados. Foi o que me aborreceu."

O atacante jogou e muito bem.

Chorou após a partida, falando em tom de despedida.

Para a vingança de Renato Gaúcho se completar, a negociação entre Grêmio e Benfica por Everton teria de fracassar.

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, confirma a ligação. Revolta no Grêmio

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, confirma a ligação. Revolta no Grêmio

Grêmio

Mas ela está muito adiantada.

Pelo menos, Renato conseguiu.

Manchou a imagem do treinador que o desbancou no Flamengo.

É uma pequena compensação...

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Daniel Alves completa um ano de SP sem títulos, mas curtindo a vida

Últimas