Cosme Rímoli Palmeiras pronto para a guerra. Não libera Weverton para a Olimpíada

Palmeiras pronto para a guerra. Não libera Weverton para a Olimpíada

Abel Ferreira convenceu a diretoria do Palmeiras a agir como o PSG com Neymar. Não liberar seu goleiro titular. A Fifa permite que os clubes digam 'não' às convocações

  • Cosme Rímoli | Do R7

A postura de Abel Ferreira é radical. Não abrir mão de Weverton para a Olimpíada

A postura de Abel Ferreira é radical. Não abrir mão de Weverton para a Olimpíada

Reprodução/Conmebol

São Paulo, Brasil

"Vamos ter três jogadores acima dos 23 anos, não tenha a menor dúvida. Já conversamos sobre isso e com certeza vamos levar três jogadores acima da idade."

"Temos algumas situações e goleiro é uma delas, estamos pensando seriamente em convocar um goleiro de muita qualidade, experiente. É um caminho."

De modo direto, o ex-jogador da seleção e atual coordenador de base da CBF, Branco, confirmou que o Brasil terá três atletas acima da idade limite da Olimpíada no Japão. Idade que passou a ser 24 anos, por conta do adiamento que a competição sofreu.

O goleiro escolhido é Weverton. Ele foi campeão em 2016, na Olimpíada do Rio de Janeiro. Além de ter atuações excelentes, acabou se tornando um dos grandes líderes do elenco.

O treinador André Jardine quer o goleiro de 33 anos. Weverton sabe desse desejo e está disposto a jogar.

A convocação será nesta quinta-feira, dia 17. Daqui três dias.

E a diretoria do Palmeiras promete exercer o direito que a Fifa lhe dá. E não liberar o jogador para a seleção olímpica. A competição não será disputada na 'data Fifa'. Os clubes europeus não liberam suas principais estrelas. A postura da Fifa é para que a Olimpíada não tire o brilho da Copa do Mundo.

O PSG já definiu que não liberará Neymar. 

E é esse o caminho que o Palmeiras quer seguir.

Se Weverton fosse para o Japão, já perderia a partida de volta contra a Universidad Catolica, pela Libertadores, na quarta-feira, 21 de julho. E se o time se classificar, correria o risco de não atuar nas quartas de final.

Weverton foi campeão olímpico no Rio de Janeiro, em 2016. Tem a confiança total de Branco

Weverton foi campeão olímpico no Rio de Janeiro, em 2016. Tem a confiança total de Branco

CBF

O futebol na Olimpíada acontece entre 22 de julho e 8 de agosto.

O Brasil estreia no dia 22, 12 horas depois da partida do Palmeiras. É impossível Weverton atuar nos dois jogos.

O técnico Abel Ferreira é completamente contrário à liberação.

A decisão do Palmeiras está tomada.

Branco e André Jardine sabem desde a semana passada dessa decisão.

E não podem fazer nada a não ser tentar convencer os dirigentes palmeirenses. 

Mas a postura é radical.

Não querem a liberação.

Ederson, do Manchester City, tem grande chance de assumir o posto de Weverton.

Jardine sonhava com Weverton, Neymar e Marquinhos ou Rodrigo Caio, como atletas acima dos 24 anos.

Deverá escolher outros atletas.

Marquinhos também foi campeão olímpico. PSG não aceita liberá-lo. Assim como Neymar

Marquinhos também foi campeão olímpico. PSG não aceita liberá-lo. Assim como Neymar

Lucas Figueiredo/CBF

Marquinhos, como Neymar, é do PSG.

O determinação do clube francês é clara.

O Flamengo também não quer liberar seu zagueiro.

Mas promete não desistir.

E insistir até a convocação de quinta-feira.

Mas a direção do Palmeiras está firme.

Atendendo o pedido de Abel Ferreira.

Quer seu goleiro titular na Libertadores...

Filho de Belfort pode virar primeiro quarterback brasileiro da NFL

Últimas