Cosme Rímoli Palmeiras pode esquecer Dudu. Ele quer ficar no Qatar

Palmeiras pode esquecer Dudu. Ele quer ficar no Qatar

Clube sonha com o retorno do atacante em 2021. Mas ele segue firme no seu plano. Está jogando bem. Quer se naturalizar e jogar a Copa de 2022

  • Cosme Rímoli | Do R7

Dudu marcou seu quarto gol no Qatar. Terceiro seguido

Dudu marcou seu quarto gol no Qatar. Terceiro seguido

Al Duhail

São Paulo, Brasil

A diretoria do Palmeiras, que se humilha buscando novo treinador para o lugar de Vanderlei Luxemburgo, tinha uma esperança.

Que Dudu fizesse parte do elenco, em 2021.

O presidente Mauricio Galiotte emprestou o melhor jogador do elenco ao Al-Duhail, do Qatar.

Atendeu a um pedido do jogador, que não suportava mais brigar com sua ex-esposa Mallu Ohanna. Com direito a empurrões registradas em vídeo.

O atacante pediu para ir atuar do outro lado do mundo, para não ter mais contato com Ohanna.

Como Dudu havia recusado propostas, a pedido do presidente, que sonhava com a conquista da Libertadores em 2018 e 2019, o dirigente resolveu ceder. E liberá-lo, sem consultar ninguém no clube. A decisão foi apenas sua.

Só que, além do empréstimo, por 7 milhões de euros, cerca de R$ 46 milhões, por um ano, havia o compromisso, caso o Al-Duhail quissesse comprá-lo, bastaria pagar mais 6 milhões de euros, cerca de R$ 39,8 milhões.

E bastaram três meses e a adaptação de Dudu parece ser total.

O treinador marroquino Walid Regragui entendeu a movimentação do brasileiro. Ele está à vontade no clube qatariano.

Marcou na última rodada, seu quarto gol. O terceiro em seguida. E já deu uma assistência, nas 11 partidas que atuou.

"Conseguimos mais uma vitória importante e fico contente por ter marcado novamente, principalmente porque o gol foi importante para recuperarmos nossa confiança na partida.

"Estou me sentindo bem e a cada jogo mais entrosado com os meus companheiros. Espero seguir evoluindo porque temos muitos objetivos importantes na temporada", disse o jogador.

O atacante está dando os primeiros passos do plano que traçou ao ir para o Qatar.

Além de fugir de contato com sua ex-esposa, Dudu tem um sonho.

Disputar a Copa do Mundo de 2022.

Se foi injustiçado por anos, por Tite, ele vislumbra a chance de se naturalizar e disputar o Mundial pelo Qatar.

Galiotte tinha um 'compromisso moral' com Dudu. Talento desperdiçado

Galiotte tinha um 'compromisso moral' com Dudu. Talento desperdiçado

Palmeiras

Ou seja, não faz parte dos seus planos voltar ao Palmeiras antes de 2022.

Ele não pode ser oferecido como um dos destaques do clube paulista na próxima temporada, para técnicos estrangeiros que os dirigentes palmeirenses buscam para comandar o clube.

Galiotte sabe que errou.

Prejudicou o Palmeiras.

Mas se sentia em dívida moral com Dudu.

E o deverá perder definitivamente.

Se ele mantiver o foco, o Al-Duhail terá um jogador muito talentoso, de apenas 28 anos, por um preço baixo demais: 13 milhões de euros, R$ 86 milhões.

Dudu segue sua vida.

Persegue o melhor para a carreira.

Não tem mais obrigação alguma com o Palmeiras.

Simples, assim...

'Duplas' de goleiros tranquilizam torcidas no futebol brasileiro

Últimas