Cosme Rímoli Ministério do Rio pressionado. Pode estragar a farra de Neymar

Ministério do Rio pressionado. Pode estragar a farra de Neymar

Esbórnia do jogador, programada para centenas de pessoas, vai contra o protocolo de segurança contra a Covid-19. Pressão popular pode impedir o reveillon

  • Cosme Rímoli | Do R7

Neymar não diz uma palavra sobre a farra. Mas autoridades, pressionadas, podem estragar a esbórnia

Neymar não diz uma palavra sobre a farra. Mas autoridades, pressionadas, podem estragar a esbórnia

Reprodução/Instagram

São Paulo, Brasil

Pouco importam as críticas no mundo civilizado.

Neymar, um dos maiores influenciadores do mundo, com cerca de 145 milhões de seguidores nas redes sociais, segue firme na sua festança de reveillon.

Seu poder financeiro despreza qualquer medida de segurança sanitária.

Mesmo, infelizmente, no auge da pandemia da Covid-19.

A Prefeitura de Mangaratiba, mais do que ciente da festança na mansão que o jogador alugou em um condomínio fechado, já que sua mansão passa por reforma, avisou que nada pode fazer se não houver denúncia sobre aglomeração.

E nem a polícia pode interferir, se não houver queixa, por exemplo, pelo barulho.

Não vai haver porque foi tudo bem estudado.

Há uma estrutura com proteção acústica, que foi construída para evitar que a música alta dos shows programados para centenas de pessoas, incomode os vizinhos.

Além disso, houve a criatividade.

Ciente que o esquema de vans poderia ser travado com as barreiras que a prefeitura de Mangaratiba espalhou pelas rodovias da cidade, os convidados terão outro caminho para chegar no reveillon.

Esta revelação é do meu companheiro de mais de 20 anos, Silvio Barsetti.

O deslocamento será aéreo.

Helicópteros terão papel fundamental para levar as pessoas mais importantes para a farra.

Ou seja, não há como serem barradas.

É uma uma vitória do dinheiro sobre o bom senso.

Natalia Pasternak está revoltada com a festa de Neymar. "Não há protocolo de segurança"

Natalia Pasternak está revoltada com a festa de Neymar. "Não há protocolo de segurança"

Reprodução Tv Cultura

Mas a pressão sobre o prefeito da cidade, Alan Bombeiro, está acima do normal.

Não será surpresa se amanhã houver uma intervenção das autoridades para tentar barrar a festa, em nome da saúde pública.

Várias representações contra a farra estão chegando ao Ministério Público do Rio de Janeiro.

A promotoria de Mangaratiba foi acionada.

Inclusive, até as secretarias de estado da Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e a Secretaria de Ordem Pública.

Pode haver uma devassa para travar a festança.

Enquanto isso não acontece, colunistas sociais garantem que modelos não param de chegar às pousadas de Mangaratiba e Angra dos Reis. Vindas inclusive do Exterior.

A determinação, para todos os convidados, é a mesma.

Não entrar com celulares, não registrarem fotos.

Neymar segue sem dar uma palavra sobre a farra.

Na TV Globo, duas situações constrangedoras, por causa da festa.

A primeira, envolve o comentarista Caio Ribeiro.

Defensor costumeiro de Neymar, na ansiedade para proteger o jogador, acabou cometendo uma enorme gafe, que as redes sociais não perdoaram.

"Se ele (Neymar) quer fazer alguma festa ou se vai para alguma festa, o risco é dele, e ele vai arcar com as consequências", disse no programa Bem, Amigos, no Sportv.

Se Neymar faz uma festa para 150 ou 500 pessoas, o risco é de todos. O vírus da Covid-19 não vai escolher apenas o jogador ou seus familiares. E pode se espalhar para funcionários. Familiares dos convidados, dos funcionários.

Caio Ribeiro ameniza as críticas à festa de Neymar. E é detonado nas redes sociais

Caio Ribeiro ameniza as críticas à festa de Neymar. E é detonado nas redes sociais

Reprodução/Sportv

Foi absurda a declaração de Caio Ribeiro.

O comentarista já havia tido problemas nas redes sociais em relação a Robinho e sua condenação por estupro.

Pior foi o que aconteceu com Felipe Andreoli.

Ele decidiu criticar o jogador pela festa.

"A gente que ama o esporte quer falar bem dos nossos ídolos, dos nossos craques. Como é bom a gente ter gênio da bola que consegue unir o seu dom com os aprendizados da vida. A gente tem o LeBron James, o Hamilton.

"É admirável quando a gente vê pessoas que estão no topo da pirâmide social, cercadas de privilégios conquistados, mas que seguem conectadas com a realidade do mundo, do seu país, da sua gente.

"Em campo, Neymar continua jogando muita bola. Fora de campo, infelizmente, segue pisando na bola."

A cúpula da Globo vem tentando uma reaproximação de Neymar, desde as críticas de Galvão Bueno nas Olimpíadas de 2016. Já apostando na Copa de 2022.

A crítica de Andreoli, no Globo Esporte, na tevê aberta, veio em um péssimo momento.

Tanto que na gravação do programa, no streaming da emissora, não continha as palavras do apresentador em relação ao atacante. Foram cortadas, revelou o blog Na Telinha.

"Não existe nenhum protocolo de segurança que permita esse tipo de festa. Todos os protocolos, como o uso de máscaras e o distanciamento de até dois metros, são válidos para pequenas reuniões de quatro ou cinco pessoas."

O alerta é da microbiologista Natalia Pasternak, presidente do Instituto Questão de Ciência.

Tensa, ela falou à BBB, de Londres, em relação à esbórnia de Neymar.

Jatinho, helicóptero. A força econômica de Neymar para trazer seus convidados para a festa

Jatinho, helicóptero. A força econômica de Neymar para trazer seus convidados para a festa

Reprodução/Instagram

Enquanto o planeta o questiona, Neymar não se manifesta.

Sua preocupação.

E dos seus 'parças' é outra.

Aproveitar a festança, o reveillon.

Ficar de olho nos helicóptores que chegam em Mangaratiba...

Neymar, Casemiro e Cebolinha: saiba jogos preferidos dos craques

Últimas