Cosme Rímoli Mais de 30 mil sócios-torcedores de volta. O Corinthians lucra com o retorno das estrelas. Paulinho é mais uma

Mais de 30 mil sócios-torcedores de volta. O Corinthians lucra com o retorno das estrelas. Paulinho é mais uma

Com Roger Guedes, Renato Augusto, Giuliano e Willian, mais de 30 mil sócios-torcedores voltaram. Por isso a diretoria traz Paulinho, que passa a treinar hoje. E vai buscar um artilheiro para 2022

  • Cosme Rímoli | Do R7

Paulinho é mais uma estrela. Começa a treinar hoje com o Corinthians. Está apalavrado para 2022

Paulinho é mais uma estrela. Começa a treinar hoje com o Corinthians. Está apalavrado para 2022

AFP

São Paulo, Brasil

Trinta mil sócios-torcedores de volta.

Esse é o principal argumento para a volta de Paulinho ao Corinthians.

O presidente Duilio Monteiro Alves está eufórico. 

Não só pelo fato de o clube voltar ao patamar de mais de 50 mil sócios-torcedores. Também pela volta maciça dos corintianos ao estádio em Itaquera.

O motivo não está no arrefecimento da pandemia.

Ele tem quatro nomes: Roger Guedes, Renato Augusto, Giuliano e Willian.

Seguindo a velha máxima do eterno presidente Vicente Matheus: "Para ter dinheiro, o Corinthians precisa de estrelas. Ninguém paga para ver cabeça de bagre".

Mesmo com as dívidas gigantescas, Duilio e o ex-presidente Roberto de Andrade, que comanda o futebol, decidiram contratar atletas consagrados. O perfil foi o mesmo: com nível ou histórico de seleção brasileira. E sem vínculo com nenhum clube.

As expectativas mudaram radicalmente. 

Se antes imperava o medo do rebaixamento, agora há quase a certeza de classificação para a Libertadores de 2022.

Por isso, Paulinho voltará a treinar hoje com o elenco corintiano.

O jogador de 33 anos teve uma passagem espetacular pelo clube. Foi fundamental na conquista inédita da Libertadores. E também no bicampeonato mundial, em 2012.

Foi para o Tottenham. Para o Guangzhou Evergrande. Tornou-se o primeiro jogador contratado da China pelo Barcelona, de Messi. Voltou para o Guangzhou Evergrande. Teve uma passagem fulminante pelo Al-Ahli, da Arábia Saudita. Mas não se adaptou. Decidiu voltar ao Brasil.

Paulinho tinha proposta do Grêmio e do Red Bull Bragantino.

Mas sua vontade sempre foi retornar ao Corinthians.

Ele e a diretoria ainda vão desmentir, até acabar o Brasileiro.

Mas eles já estão apalavrados.

Se nada de excepcional acontecer, ele jogará de novo com a camisa preta e branca.

"Com cabeça de bagre, não tem dinheiro do torcedor." Filosofia cruel de Vicente Matheus

"Com cabeça de bagre, não tem dinheiro do torcedor." Filosofia cruel de Vicente Matheus

Reprodução/Instagram

Os dirigentes querem a confirmação da vaga para a Libertadores de qualquer maneira.

Já sondam o mercado.

O time será reforçado em 2022.

A busca é por um artilheiro.

Alguns nomes já estão sendo analisados.

Como Gilberto, do Bahia.

E Rafael Navarro, do Botafogo.

Mas Duilio já teve a prova.

Para o Corinthians se ajeitar financeiramente, precisa de estrelas.

Por isso, as portas estão escancaradas para Paulinho...

Técnicos do Brasil concorrem a prêmio de melhor do mundo

Últimas