Cosme Rímoli Derrota e selvageria de vândalos, que destruíram a cabine do VAR. Grêmio será punido

Derrota e selvageria de vândalos, que destruíram a cabine do VAR. Grêmio será punido

O Grêmio estava ganhando, se impondo diante do Palmeiras. Até que Thiago Santos fez um pênalti infantil. O Palmeiras venceu por 3 a 1. Revoltados, vândalos invadiram o gramado e quebraram a cabine do VAR

  • Cosme Rímoli | Do R7

Vândalos da organizada do Grêmio destruíram a cabine do VAR. Clube será punido

Vândalos da organizada do Grêmio destruíram a cabine do VAR. Clube será punido

REUTERS/Diego Vara

São Paulo, Brasil

O principal motivo que Thiago Santos foi vendido do Palmeiras era ser muito faltoso. Jogador muito competitivo, firme na marcação individual, como por zona. Só que fazia faltas desnecessárias, toma cartões inesperados.

E foi justamente o que ele fez hoje. Só que desta vez, ele fez o Grêmio perder uma partida importantíssima, na terrível luta contra o rebaixamento. Justo contra o Palmeiras, seu ex-clube. 

O time de Vagner Mancini vencia o jogo, por 1 a 0, gol de Diego Souza. A partida estava sob controle. Até que Thiago Santos entrou em ação.

Aos 41 minutos do primeiro tempo, a bola foi esticada para Marcos Rocha. O lateral corria muito, mas o máximo que conseguiria era cruzar. Mas o volante gremista tentou deslocar o palmeirense com o ombro. O que é legal, conhecido como 'jogo de corpo'. Mas Thiago Santos chegou atrasado e sua 'ombrada' foi nas costas de Marcos Rocha. Pênalti infantil.

Raphael Veiga cobrou com convicção, como é de costume, 1 a 1.

O gol desmoronou psicologicamente os gaúchos.

Inconformados com a bobagem de Thiago Santos. E o Palmeiras foi cruel. Aos 49 minutos, Scarpa descobriu Raphael Veiga na entrada da área. O meia não titubeou e bateu cruzado. Kanneman estava na frente de Brenno, tirou a visão do goleiro da bola. 2 a 1, Palmeiras.

No segundo tempo, o Grêmio partiu desesperado para tentar o empate. Abel Ferreira fez o que muitos não concordam. Recuou demais seu time. E tomou 45 minutos de sufoco.

Mas em um contragolpe, aos 48 minutos, Breno Lopes bateu cruzado, sem chance para Brenno. 3 a 1, Palmeiras.

Não havia segurança. Se os vândalos quisessem bater nos jogadores ou árbitros, bateriam

Não havia segurança. Se os vândalos quisessem bater nos jogadores ou árbitros, bateriam

Reprodução/ESPN

No final, conseguiu segurar a quarta vitória consecutiva.

Voltou aos segundo lugar no Brasileiro.

Enquanto o Grêmio mergulha ainda mais na crise.

Segue em penúltimo lugar no Brasileiro.

Mais do que ameaçado pelo rebaixamento.

Só que a situação iria se complicar, e muito. Revoltados com a 15ª derrota do Grêmio, vândalos das organizadas do time gaúcho fizeram uma ação coordenada. Eles invadiram o gramado da arena de Porto Alegre. E correram em direção à cabine do VAR. E a destruíram aos pontapés.

A cena foi bizarra, selvagem, vergonhosa.

O Grêmio será punido pela invasão, pela falta de segurança que ofereceu à partida. Se os vândalos quisessem bater nos jogadores do clube gaúcho, do Palmeiras ou nos árbitros, não havia segurança preparada para conter a invasão. 

Gremista agride um dos poucos policiais que estavam perto do gramado

Gremista agride um dos poucos policiais que estavam perto do gramado

EVERTON PEREIRA/O FOTOGRÁFICO/ESTADÃO CONTEÚDO - 31/10/2021

A responsabilidade pela atitude surreal é toda gremista.

O Grêmio, que já vive uma situação desesperadora, com o rebaixamento para a Segunda Divisão encaminhado, não escapará da perda de mando de jogos nesta reta final do Brasileiro. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva não tem outro caminho.

Cabe às autoridades de Porto Alegre, com o auxílio gremista, identificar e punir criminalmente os vândalos que invadiram o gramado. 

A partida foi surpreendente, porque Vagner Mancini conseguia neutralizar o Palmeiras, com o Grêmio atuando de forma muito intensa, com Douglas Costa tendo excelente atuação. Minando o lado direito do time paulista, explorando a dificuldade de marcação do vivido lateral Marcos Rocha.

Logo aos dez minutos, Douglas Costa ganhou de Marcos Rocha na lateral, driblou como quis Gustavo Gómez e cruzou para Diego Souza cabecear para o fundo das redes de Weverton. 1 a 0, Grêmio.

O cenário era amplamente favorável aos gaúchos. Até que Thiago Santos decidiu dar a 'ombrada' em Marcos Rocha. E sabotou o plano tático e acabou com a força psicológica gremista.

Os vândalos invadiram e bateram nos poucos guardas e seguranças que acompanhavam ao jogo

Os vândalos invadiram e bateram nos poucos guardas e seguranças que acompanhavam ao jogo

ROBERO VINICIUS/AGAFOTO/ESTADÃO CONTEÚDO - 31/10/2021

Veio a terrível virada palmeirense.

E a invasão dos vândalos.

O time de Abel Ferreira está ganhando confiança para a final da Libertadores.

Enquanto o Grêmio caminha firme para a Segunda Divisão, na penúltima colocação no Brasileiro.

Agora, com os vândalos infiltrados nas suas organizadas, também trabalhando contra.

Inaceitável...

Últimas