Cosme Rímoli Arnaldo revela. 'Galvão para após a Olimpíada de Paris, em 2024'. Dez anos depois que prometeu

Arnaldo revela. 'Galvão para após a Olimpíada de Paris, em 2024'. Dez anos depois que prometeu

O ex-árbitro e ex-comentarista de arbitragem garante que Galvão finalmente decidiu pela aposentadoria. Aos 74 anos, depois da Olimpíada de Paris. Globo ainda não tem substituto à altura do narrador

Galvão Bueno promete parar depois da Olimpíada de Paris. Aos 74 anos

Galvão Bueno promete parar depois da Olimpíada de Paris. Aos 74 anos

Reprodução/Instagram

São Paulo, Brasil

Arnaldo Cesar Coelho acabou com o segredo.

O ex-árbitro e ex-comentarista de futebol revelou quando Galvão Bueno vai se aposentar.

Os dois são muito amigos.

E o narrador não quer parar depois da Copa do Catar, como ele mesmo deu a entender. O que ficou ainda mais evidente, depois que ele renovou contrato com a Globo, em dezembro de 2018, até o final do Mundial de 2022.

Só que Galvão ficou empolgado com sua atuação na Olimpíada de Tóquio. O fato de haver câmeras gravando todas as reações nas transmissões, e depois as imagens irem parar nas redes sociais.

A Arnaldo ele confidenciou quando quer parar.

"Ele quer parar depois das Olimpíadas de Paris, em 2024. Quando completará 50 anos de carreira", disse o ex-árbitro ao jornal Estado de S. Paulo.

Para o sonho de Galvão Bueno, a Globo terá de fazer o movimento contrário do atual. A emissora carioca segue fortemente sua política de demissões de jornalistas mais velhos e com altos salários.

Mas conta a favor de Galvão não só o sucesso nas redes sociais, com sua participação 'espontânea' nas Olimpíadas.

Em pesquisa recente ficou claro que ainda não há no horizonte, para o público, um substituto à altura de Galvão Bueno. A emissora que já ficou pendente para Gustavo Villani, recuou. E, hoje, faria de Luís Roberto seu primeiro narrador.

Mas Galvão pode se animar.

Ou seja, deverá se despedir da narração aos 74 anos, ao final da Olimpíada.

E se aposentar.

Vale este trecho de entrevista que deu para o jornal o Globo. 

E foi publicado no dia 12 de julho de 2010.

"Fecha-se um ciclo. Uma história que tem muitos anos. Posso dizer que fiz milhões de amigos. Tenho que estar emocionado e feliz, até porque a próxima Copa é no Brasil.

"Depois disso pode ser que eu esteja lá, mas não trabalharei, só assistirei."

Ou seja, sua aposentadoria será adiada em dez anos...

Últimas