Blog do Fabiano Farah Corinthians tenta evitar 'passa moleque' do Flamengo na contratação de Matheuzinho

Corinthians tenta evitar 'passa moleque' do Flamengo na contratação de Matheuzinho

O lateral Matheuzinho já treina no CT Joaquim Grava, mas diretoria identificou contrato bom para um lado só

Augusto Melo tem problema para contratar Matheuzinho

Augusto Melo tem problema para contratar Matheuzinho

Divulgação

A diretoria do Corinthians não anda nada satisfeita com os últimos episódios envolvendo seu departamento de futebol profissional. O caso Lucas Veríssimo serve de alerta para os cartolas do Timão!

Depois de acreditar na palavra do jogador, que garantiu que assinaria o novo contrato com o Corinthians, mas foi negociado pelo Benfica com o Catar, o Timão tenta evitar um novo 'passa moleque'.

O caso da vez é o lateral Matheuzinho. O jogador já treina com o elenco corintiano, mas os bastidores para a assinatura do contrato do atleta fervem pelos lados do Parque São Jorge,

Os termos exigidos pelo Flamengo no vínculo assustaram e pegaram de surpresa dos cartolas alvinegros. Sim, Augusto Mello e sua diretoria estavam com a caneta na mão, mas atentaram para um detalhezinho que irritou a cúpula corintiana.

O Flamengo fez valer uma cláusula que, se recebesse uma proposta pelo jogador, teria o direito de retirá-lo do Corinthians sem multa rescisória.

Os dirigentes do Timão sequer teriam direito à famosa "taxa de vitrine" e poderiam servir, apenas, como "barriga de aluguel" para os cariocas.

Augusto Melo acionou seu departamento jurídico e o negócio pode ser desfeito caso os diretores do Flamengo não cumpram as cláusulas acordadas previamente no acerto.

O Corinthians exige um valor estipulado em contrato para a compra do jogador e a tal "taxa de vitrine" de, no mínimo, 20% de uma possível venda.

Augusto Melo aguarda uma nova reunião com os cariocas para definir se fica ou não com o atleta.

Diante dos casos de Lucas Veríssimo e Matheuzinho, o Timão acelera a contratação de um executivo de futebol.

Os dirigentes estão divididos entre um profissional renomado, que custa caro, ou uma alternativa mais barata, porém eficiente, e que trabalhe com o orçamento da nova gestão.

Semana decisiva para Mano Menezes saber se contará com Matheuzinho e um profissional que saiba amarrar as contratações sem riscos para o clube.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas