Lance Vasco aposta na espinha dorsal e no talento da base para encarar o líder e voltar a vencer fora de casa

Vasco aposta na espinha dorsal e no talento da base para encarar o líder e voltar a vencer fora de casa

Apesar da lista de pendurados, a tendência é que jorginho opte pela manutenção do time diante do Cruzeiro. Andrey Santos, Marlon Gomes e Eguinaldo são destaques neste returno

Lance
Lance

Lance

Lance

Para uma equipe ter sucesso e subir na tabela da Série B, ela precisa encontrar o equilíbrio e a eficiência. Diante do atual cenário, Jorginho tem buscado esses pontos para que o Vasco se consolide no G4 e impeça a aproximação dos adversários. Um fator que tem dado dor de cabeça ao comandante é o desempenho cruz-maltino longe do Rio de Janeiro.

+ Cruzeiro x Vasco: prováveis times, desfalques e onde assistir ao duelo pela Série B do Brasileirão

Com isso, nas últimas sete partidas como visitante, o Gigante da Colina não conseguiu pontuar. A fragilidade fez com que o Londrina encostasse na luta pelo acesso e a reta final da competição promete ser emocionante. Pior que isso, o time carioca marcou apenas quatro gols nesses duelos e a fragilidade incomoda.

+ Confira e simuela tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

Nesta quarta, o desafio é ainda maior, já que terá pela frente nada menos que o líder Cruzeiro. Com uma campanha impecável, a Raposa pode sacramentar o acesso em caso de vitória e promete casa cheia no Mineirão. Apesar do adversário sobrar na tabela, o Vasco tem plenas condições de conquistar um bom resultado.

A aposta será na espinha dorsal que goleou o lanterna Náutico, em São Januário - triunfo que resgatou a confiança dos atletas para a reta final. Mesmo com uma extensa lista de pendurados, a tendência é que Jorginho não faça alteração para que o entrosamento tenha destaque na busca pelos três pontos.

Uma das principais armas para voltar de Belo Horizonte com um sorriso no rosto é a base da Colina. Neste returno, crias do clube têm chamado a responsabilidade e contribuído diretamente para que o time permaneça no G4. Nomes com Andrey Santos, Eguinaldo e Marlon Gomes tiveram uma ascensão importante e chegam como uma 'solução caseira'

+ Yuri Lara mantém fama de pitbull no Vasco e se torna o maior 'ladrão de bolas' do futebol brasileiro em 2022

É preciso ponderar, que ambos são muito jovens e apesar de terem personalidade, podem oscilar. Durante a última década, o Vasco utilizou a base como solução devido aos problemas financeiros e precipitou o amadurecimento de garotos. Desse modo, para que os três sejam decisivos devem ter a mescla com os mais experientes Nenê, Alex Teixeira, Raniel, entre outros.

Outro fator importante é a eficiência para ser letal e aproveitar as oportunidades. No confronto do primeiro turno, no Maracanã, a equipe carioca demonstrou esse poder de fogo e derrotou o time celeste, que já estava na ponta da tabela. Getúlio, que já deixou o elenco, marcou o gol sob o comando do interino Emílio Faro.

Além disso, o time que carrega a cruz de malta no peito terá a tarefa de quebrar um jejum de seis anos sem derrotar o Cruzeiro em solo mineiro. O último triunfo aconteceu na disputa do Brasileirão em 2017. Na ocasião, o gol da vitória foi marcado pelo zagueiro Paulão, e à beira do campo, Zé Ricardo comandava a equipe que garantiu uma vaga na Libertadores do ano seguinte.

+ Poupar ou não? Vasco tem dilema para sequência da Série B


Na tabela, a diferença atual para o Londrina, que ocupa a quinta posição, é de três pontos (48 x 45). O Tubarão tem feito uma campanha totalmente diferente da última temporada e com o experiente Adílson Baptista. Na sexta, eles medem forças com a Ponte Preta, às 21h30, no Estádio do Café.

Últimas