Lance Tudo ou nada! Em nova investida para renovar com Abel, Palmeiras oferece três anos e 'salário europeu'

Tudo ou nada! Em nova investida para renovar com Abel, Palmeiras oferece três anos e 'salário europeu'

Português tem proposta do Benfica e já recusou três ofertas para esticar vínculo com Verdão, que acaba no final desta temporada

Lance
Lance

Lance

Lance

Depois de ver o técnico Abel Ferreira recusar pelo menos três propostas e receber uma proposta para assumir o Benfica, de Portugal, na próxima temporada europeia, o Palmeiras decidiu ir para o tudo ou nada e fez na noite de sexta-feira (18) uma oferta para prolongar por mais três anos o vínculo de seu comandante, que acaba no final do ano. Segundo o LANCE! apurou, os valores seriam compatíveis com os pagos no Velho Continente, o que deixaria o lusitano como um dos profissionais mais bem pagos do mundo.


A informação foi divulgada pela primeira vez pelo canal Tá Lá Dentro, mas confirmada ao L! por pessoas ligadas à gestão Leila Pereira.

O novo acordo, segundo o que a reportagem apurou, prevê bônus ainda mais altos em casos de títulos, além de garantir carta branca ao treinador para gerir o departamento futebol. A própria Leila teria garantido ao português que não o demitirá enquanto for a mandatária do clube.

Cláusulas como a garantia de toda a estrutura necessária para a família do treinador e de seus auxiliares no Brasil (ainda moram em Portugal), incluindo seguranças e motoristas particulares, foram mantidas das propostas anteriores, rejeitadas pelo português.

O L! apurou que nos termos consta até a garantia de voo fretado para Abel e os auxiliares irem a Portugal resolver problemas particulares, caso necessário.

Conforme o L! revelou, é a quarta tentativa do clube em assegurar a prorrogação do vínculo de Abel. As anteriores ocorreram logo após a eleição de Leila e entre fevereiro e este mês, após as disputas do Mundial de Clubes e Recopa Sul-Americana.

Renovar com o português virou prioridade absoluta no Verdão. Para focar nas conversas, o clube adiou temporariamente, por exemplo, as tentativas de convencer o rival Flamengo a liberar o centroavante Pedro.

Isso porque após ser sondado por clubes menores da Espanha, Turquia, Oriente Médio e EUA, Abel recebeu oferta do Benfica, que demitiu Jorge Jesus, ex-Flamengo, em dezembro e ainda não contratou nenhum substituto. Nélson Veríssimo atua de forma interina na equipe enquanto novo comandante não é confirmado.

Abel foi escolhido do presidente benfiquista, o ex-meia Rui Costa, após a conquista do bi consecutivo da Copa Libertadores. Entre os fatores, está a sua capacidade de trabalhar com jogadores revelados nas categorias de base.

Dois fatores adiaram a formulação de uma proposta. Um deles estava na indefinição por parte do clube português na disposição de Abel deixar o Palmeiras antes da disputa do Mundial de Clubes. O outro estava na aceitação do nome do treinador, seja pelo seu passado com o rival Sporting, seja pelo histórico de contratar alguém que esteja fazendo sucesso no Brasil depois de Jesus.

Em coletivas passadas, o próprio Abel disse publicamente que não tinha motivação em deixar o Palmeiras para assumir um clube europeu que não tenha condições de disputar títulos. Questionado sobre o assunto de novo na última semana, limitou-se a dizer que tem contrato com o Alviverde.

Conselheiros ligados à gestão Leila apontaram ao L! que a nova proposta mexeu com o português. Seu estafe, no entanto, continua afirmando que qualquer decisão sobre o futuro será feita no meio do ano, já que há a crença de que além do Benfica outros gigantes europeus devem procurá-lo por conta do trabalho no Verdão.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Paulistão-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Últimas