Lance Surpresa na Copa do Qatar, Coreia do Sul tenta desbancar 'favorito' para chegar mais longe

Surpresa na Copa do Qatar, Coreia do Sul tenta desbancar 'favorito' para chegar mais longe

Depois de vencer Portugal e se classificar, a seleção sul-coreana agora busca eliminar o Brasil nas oitavas de final

Lance
Lance

Lance

Lance

Ao se classificar para as oitavas de final da Copa do Mundo, a Coreia do Sul se consolidou como uma das maiores surpresas da atual edição da competição. Agora a seleção comandada por Paulo Bento terá uma das missões mais difíceis de sua história: eliminar o Brasil, favorito ao título.

É a décima vez consecutiva que a seleção sul-coreana participa de um Mundial, já sendo a mais regular e estabelecendo um recorde no futebol asiático. Com poucas estrelas e muita determinação, a Coreia pode chegar ainda mais longe caso avance em cima da Amarelinha.

> Brasil contra asiáticos: relembre os últimos 15 jogos em competições oficiais

A seleção da Coreia do Sul é um time com boa técnica, além de bem preparado taticamente. Conta com alguns jogadores importantes, sem tantos holofotes, como é o caso do defensor Kim Min-jae, titular absoluto de Paulo Bento, e do atacante Hwang Hee-chan, uma espécie de "coringa" no setor, que faz com que Son tenha mais liberdade.

Por falar em Son, o atacante do Tottenham-ING e um dos melhores jogadores da Premier League, é considerado o maior atleta asiático de todos os tempos e maior estrela da seleção sul-coreana. No time inglês, o camisa 7 chegou ao vice-campeonato da Champions League e foi artilheiro da Premier League em 2021-22 com 23 gols marcados.

Coréia do Sul x Portugal - Son

Coréia do Sul x Portugal - Son

Lance

Son é a maior estrela da Coreia do Sul rumo à classificação (Foto: Glyn Kirk/ AFP)

> Confira a tabela completa e classificação da Copa do Mundo!

Son é companheiro de clube de Richarlison, atacante da Seleção Brasileira, rival nas oitavas de final da Copa. A seleção amarelinha é considerada a maior favorita ao título desta edição, mas a Coreia do Sul pode usar algumas "armas" para surpreender e buscar a classificação.

Além de formarem um time compacto, os sul-coreanos podem tentar "sufocar" os talentos individuais do Brasil, evitando que o placar seja aberto "muito cedo" e as coisas se compliquem.

O técnico Paulo Bento prefere que seus jogadores mantenham marcações altas, sabendo fechar o meio-campo para depois contra-atacar com velocidade. Independente de como jogue e do resultado, a Coreia do Sul de Son e companhia já são vitoriosos.

Últimas