Lance Soares e Murray sofrem, mas estão na final do US Open

Soares e Murray sofrem, mas estão na final do US Open

Brasileiro busca tricampeonato nas duplas masculina do Aberto dos Estados Unidos

Lance
Lance

Lance

Lance

A parceria do mineiro Bruno Soares e o escocês Jamie Murray está de volta à final do US Open, após sofrer, mas superar a dupla do australiano John Peers e o eslovaco Filip Polasek. Soares busca o tricampeonato do torneio, o 2º ao lado de Murray.

Soares e Murray precisaram 1h40 para fechar o placar em um duro confronto 6/3 3/6 6/4 tendo disparado 28 bolas vencedoras contra 48 da parceria do eslovaco, que disparou os oito aces da partida e cometeu 12 erros não-forçados contra 10 da dupla do brasileiro.

Jogando sob teto fechado na Louis Armstrong, a parceria do mineiro começou trabalhando melhor na devolução paralela e assim conquistaram a quebra no terceiro game, abriu 3/1 e seguiram firme, pressionando na devolução para nova quebra no nono game.

Na segunda etapa, com Polasek muito firme no fundo de quadra e Peers sólido na rede, os rivais conquistaram quebras no 3º e 9º games, dominando a parcial e equiparando o duelo.

O jogo seguiu muito equilibrado, com as duplas sacando firmes e a quebra veio no 7º game, com boas intervenções do brasileiro na rede e administrou a vantagem.

Campeões da edição 2016 do US Open, Soares e Murray encaram a parceria do britânico Joe Salisbury e o americano Rajeev Ram.

Bruno Soares é o atual campeão do US open ao lado do croata Mate Pavic e busca o tricampeonato no torneio.

Últimas