Lance Sem ainda pensar nos adversários, Veiga diz que Palmeiras prioriza fatores 'inegociáveis' nos treinos

Sem ainda pensar nos adversários, Veiga diz que Palmeiras prioriza fatores 'inegociáveis' nos treinos

Como o Verdão ainda não sabe que enfrentará na semifinal, meia diz que o esforços agora precisam ser depositados no que a equipe de Abel Ferreira pode fazer e controlar

Lance
  • Lance | por Lance


O Palmeiras, desde a última quarta-feira, está definitivamente em ritmo de Mundial de Clubes. Há quase dois dias em Abu Dhabi, a equipe de Abel Ferreira tem se preparado de acordo com as condições locais, mas ainda sem pensar no adversário da semifinal, uma vez que ele ainda não está definido. Por enquanto, o foco está nos fatores "inegociáveis" para o desempenho do time.

TABELA
> Veja tabela e simulador do Mundial de Clubes-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Veja a lista de jogadores do Palmeiras que viajaram para o Mundial

Em entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira, no horário local, e nesta manhã, no horário de Brasília, Raphael Veiga revelou que a comissão técnica ainda não passou informações profundas dos possíveis adversários, pois isso só terá uma definição neste sábado, às 13h30, quando Al Ahly-EGI e Monterrey-MEX duelam por uma vaga na semifinal do Mundial de Clubes.

- Não foi passado nada ainda (dos adversários) para a gente, não sei se vão passar, se vão falar alguma coisa, mas já falaram um pouco das equipes. São duas equipes fortes, uma a gente teve a oportunidade de enfrentar no ano passado (Al Ahly-EGI) e deu para ver que é uma equipe competitiva, difícil de jogar. Eu acho que é importante a gente saber as características do nosso adversário, mas o principal é a gente saber o que a gente tem que fazer.

Entre as coisas que o time precisa fazer, segundo Raphael Veiga, estão os fatores inegociáveis no trabalho de Abel Ferreira, como a competitividade e a intensidade, base do desempenho e dos resultados que os levaram ao Mundial.

- Na verdade o treino de ontem (quinta-feira) foi mais de adaptação, no sentido do nosso corpo, da chegada, do campo, enfim, e hoje (sexta) ele já começou a passar aquilo que ele acredita. A gente não sabe ainda qual vai ser nosso primeiro adversário para trabalhar realmente em cima da equipe, mas as coisas que são inegociáveis para o nosso time, ele já tem pontuado bem e acho que isso é o que a gente tem que fazer enquanto não sai o nosso adversário.

- (Inegociável é) Competir, ser intenso, ajuda mútua com o companheiro, não deixar o companheiro sozinho, independente do lugar do campo, seja para atacar, seja para defender. Mais uma vez, o Abel fala muito disso, sempre tem que trazer para a memória aquilo que nos trouxe até aqui, o que fez isso foi a tática, mas o competir, a intensidade, são as bases do nosso trabalho.

Se o time não está pensando no primeiro adversário, menos ainda no Chelsea, que seria o possível finalista pelo outro lado do chaveamento. No entanto, Raphael Veiga descartou ficar fazendo projeções desse tipo, pois o Palmeiras tem obstáculos importantes antes de chegar a esse ponto. Para ele, o importante é gastar energia naquilo que o Verdão pode fazer e pode controlar.

- Não chegou nessa etapa, até porque não tem como, há três ou quatro times antes. Antes de jogar a final a gente tem que jogar o primeiro jogo, muitas pessoas falam do Chelsea, mas a gente tem que ganhar o primeiro jogo, o Chelsea tem que ganhar o dele. Eu acho que a gente tem que se concentrar primeiro no que a gente tem que fazer, depois que sair o jogo (adversário na semifinal) a gente vai fazer um treinamento mais voltado para a equipe adversária, mas até agora não foi passado algo detalhado.

- Hoje eu penso em me preparar bem para o primeiro jogo, não vou falar quem que é o zagueiro ou o volante que eu vou enfrentar, porque se eu falasse que eu fico estudando os dois times, eu estou gastando mais a minha energia do que com as coisas que eu posso controlar e posso fazer - finalizou Veiga.

O Palmeiras tem sua estreia no Mundial de Clubes marcada para a próxima terça-feira, ás 13h30 (horário de Brasília), 20h30 (horário local), em semifinal contra o vencedor de Al Ahly, do Egito, e Monterrey, do México, que se enfrentam neste sábado, às 13h30, pelas quartas de final da competição.

Treino Palmeiras - Raphael Veiga

Treino Palmeiras - Raphael Veiga

Lance

Raphael Veiga durante o treino (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Últimas