Para Zezé Perrella, torcedor do Cruzeiro tem de contribuir com ingressos mais caros nos jogos

O atual gestor do futebol celeste é contra a política de vendas de entradas populares para ter o apoio do torcedor celeste nos jogos em casa 

Lance

Lance

Lance

A promoção de ingressos para jogos do Cruzeiro em casa, com valores de R$ 4 para sócios e R$ 10 para não sócios, com o valor mais caro a R$ 20, não é bem vista pelo novo gestor do Cruzeiro, Zezé Perrella, que assumiu o cargo na última sexta-feira, 11 de outubro, no lugar de Itair Machado, demitido.

Para Perrella, o torcedor deve pagar um valor maior para que possa ajudar o caixa do clube a manter seus compromissos em dia.

-Vamos fazer um apelo para que torcedores sejam sócios novamente. Precisamos de caixa, não podemos fazer ingresso de R$ 4, não temos condições. temos de rever isso, e o torcedor precisa entender. Não temos condições de cobrar ingresso de R$ 4- disse Perrella que reforçou o pedido para o cruzeirense.

-O torcedor precisa nos ajudar sabendo da nossa crise financeira. Ele pode contribuir pagando um valor a mais. Se entrar dinheiro, vai facilitar tudo. O problema maior do Cruzeiro é o financeiro. Tenho de reconhecer que o Wagner pegou o Cruzeiro em situação de calamidade financeira. E deu no que deu- explicou.

Pelo menos para o duelo com o São Paulo, quarta-feira, 16 de outubro, às 21h, no Mineirão, pela 26ª rodada, os ingressos continuam com valores populares.